Curiosidades

Fotolog, o que é? Origem, história, altos e baixos da plataforma de fotos

Em 2002 surgiu o Fotolog, site que permitia o upload de fotos e comentários. Porém, não evoluiu com a tecnologia e saiu do ar em 2016.

Quem é da geração dos anos 2000, provavelmente conseguirá se lembrar do famoso “fotolog”, criado em 2002. O termo que nomeia o site surge da junção de “fotos e blogs”. Em resumo, a ferramenta funcionava da seguinte forma: o usuário postava uma foto acompanhada de um breve texto. Após isso, os usuários poderiam esperar os comentários de quem gostasse do perfil.

Com essa estrutura, sobretudo, o Fotolog assemelhava-se à mesma proposta vista atualmente no Instagram. Com efeito, a diferença é que, nessa época, utilizava-se máquinas fotográficas ao invés de celulares. Além disso, existia uma etapa antes de postar alguma foto no Fotolog: era necessário descarregar as imagens no computador e depois fazer upload no site.

Fotolog - Origem da plataforma de fotos sucesso nos anos 2000
Imagem: Terminos Y Condiciones

Para não dizer que não havia a utilização de filtros, basicamente, usava-se um editor para ajustar a foto ou aplicar um efeito. Dessa forma, imagens com ruído ou baixa resolução eram aceitáveis para o padrão da época e da plataforma.  

Até surgir outras redes sociais, o Fotolog fez sucesso durante um bom tempo e angariou muitos usuários. Por exemplo, o Orkut só surgiu em 2004 e, inicialmente, era possível manter apenas 12 fotos no álbum. Depois, em 2006, o Facebook surgiu como uma plataforma mais interativa aos usuários.  

Altos e baixos do Fotolog

Fotolog - Origem da plataforma de fotos sucesso nos anos 2000
Olhar Digital

Em síntese, não há dados exatos sobre a rentabilidade da plataforma, na época. Porém, além da exibição de anúncios, o Fotolog também disponibilizava planos pagos que davam acesso à personalização da página e habilitação de comentários.

Alguns registros dizem que o site chegou a ter 33 milhões de usuários, porém não são dados oficiais. Antes disso, o site limitou o número de novos cadastros no Brasil, durante um tempo. Assim, muitos usuários alteraram os endereços de IP dos computadores para conseguir criar uma conta, como se fossem de um outro lugar do mundo.  

Continua após a publicidade

Não obstante, concorrentes surgiram, como por exemplo, FlogãoVibeBlogMultiFlog etc. Entretanto, o Fotolog tinha seu público e, em 2007, foi obtido pelo grupo francês HiMedia, por US$ 90 milhões. 

Fotolog - Origem da plataforma de fotos sucesso nos anos 2000
Imagem: Cadernos Eletrônicos

Contudo, mesmo com a movimentação da plataforma, não era mensurável a lucratividade do Fotolog. Primeiramente porque não conseguiam confirmar o lucro para o padrão de um site de 2007, já que estava entre os 20 mais acessados mundialmente. Em contrapartida, a ex-VJ da MTV, Mari Moon, foi uma das primeiras web celebridades a ficar famosa no Fotolog. 

Logo, a venda para o grupo francês não rendeu frutos imediatos. Sendo assim, o Fotolog começou a acumular resultados negativos. Isso tudo ocorreu com a entrada do PicasaFlickr, Facebook e Orkut, todas com opções melhores para imagens. Ademais, os smartphones e o surgimento do iPhone mudaram conceitos, devido à inserção da fotografia digital.  

Porém, não foi apenas isso, já que o comportamento dos usuários também contribui para as mudanças. Enquanto o Fotolog tinha um público mais adolescente, as outras plataformas atraíram pessoas de outras faixas etárias. Apesar do cenário, o Fotolog passou a incluir serviço em aplicativos móveis, porém sem êxito.  

Fotolog - Origem da plataforma de fotos sucesso nos anos 2000
Imagem: Crtl Zeta

Sem atualização

Em síntese, o Fotolog não acompanhou o desenvolvimento das novas plataforma e estagnou, chegando ao esquecimento, posteriormente. Durante algum tempo, as páginas continuaram no ar, porém sem sucesso nos acessos.  

Com efeito, as fotos permaneceram na plataforma, no entanto, sem interação, nem mesmo da própria empresa. Ainda assim, não havia atualização no layout e o grupo francês também não respondia aos usuários, excluindo de si a responsabilidade.  

Continua após a publicidade

Por fim, o Fotolog foi retirado do ar sem nenhum aviso ou explicação. Também não houve nenhuma chance para que os usuários fizessem algum tipo de backup dos arquivos. Sem mais, o Fotolog marcou uma geração que utilizou o site como meio de divulgar seus registros da juventude.

No entanto, mesmo com as demais redes sociais, o Fotolog ainda é lembrado por guardar boas experiências e memórias. Mas é claro que, sendo realista, muitos já não viam a hora da plataforma sumir de uma vez.  

Gostou de conhecer essa plataforma do início dos anos 2000? Então veja sobre História do Google – Origem e desenvolvimento da empresa de tecnologia

Fontes: CCM Tecnoblog CanalTech

Imagens: Cadernos Eletrônicos Terminos Y Condiciones Ctrl Zeta TechMundo Olhar Digital

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você