Curiosidades

Lenda do sol – Origem, curiosidades e sua importância

A lenda do sol conta a história da origem do sol, que vem do índio Kuandú e de seus três filhos, que o ajudavam no trabalho.

As lendas indígenas são riquíssimas, com histórias incríveis que contam desde a criação do universo, até o surgimento das primeiras plantas, rios, cachoeiras e animais. Entre essas lendas, está a lenda do sol, que conta a história de como e o porquê o sol surgiu.

Além de contarem histórias, as lendas são recheadas de mistérios, magias e feitiçarias, que desperta a curiosidade de cada um. Também, tem como propósito ensinar e doutrinar aos índios mais novos, ensinamentos esses que são passados de geração para geração.

Quanto à lenda do sol, ela não é diferente, trás ensinamentos sobre família, convívio entre irmãos. Pois conta a história de três irmãos que revezavam seu trabalho, um assumindo o trabalho do outro, quando um ficava cansado, cada qual com sua distinta característica.

Para os índios, o sol é o seu deus mais poderoso, pois sem o sol, as plantas e animais não sobrevivem, todos dependem da luz que o sol proporciona.

A lenda do sol

Imagem: Brasil escola

A lenda do sol Kuandú, teve sua origem do povo indígena do norte do Brasil. De acordo com a lenda, os índios chamam o deus sol de Kuandú. Sendo que, Kuandú seria um homem, pai de três filhos, onde cada um o ajudava com seu trabalho.

Segundo a lenda do sol, o filho mais velho seria o sol que aparece sozinho, o mais forte, iluminado e quente, que surge nos dias de seca.

Continua após a publicidade

Enquanto que, o filho mais novo surge em dias mais frescos, úmidos e chuvosos. Já o filho do meio, surge apenas quando seus outros dois irmãos estão cansados do trabalho, para assumir sua tarefa.

Origem da lenda do sol

Imagem: Pixabay

Primeiramente, qual a origem da lenda do sol? Tudo começou quando, há muitos anos atrás, pai de Kuandú foi morto pelo índio Juruna, desde então Kuandú ansiava por vingança. Certo dia, quando juruna foi até a mata para colher côco, encontrou Juruna encostado em uma palmeira de nome inajá.

Então, cego pela vontade de se vingar, Kuandú tenta matar o índio. Porém, Juruna foi mais rápido, e acertou a cabeça de Kuandú, o matando na hora. E foi aí que tudo escureceu, consequentemente, os índios da tribo não podiam sair para trabalhar para sua sobrevivência.

Ao passar dos dias, as crianças da tribo começaram a morrer de fome. Pois Juruna não podia sair na escuridão para pescar e trabalhar na roça.

Preocupada, a mulher de Kuandú resolve mandar o filho mais velho, no seu lugar, para clarear novamente o dia. Mas, não aguentando todo o calor, ele voltou para casa, e tudo ficou escuro novamente.

Então, foi a vez do mais novo, saiu para clarear o dia, mas após algumas horas, voltou para casa. E assim foram se revezando, para que os dias ficassem claros, e todos pudessem trabalhar para sobreviver.

Continua após a publicidade

Portanto, quando o dia está quente e seco, é o filho mais velho que está fora de casa. Já em dias mais frios e úmidos, é o filho mais novo que está fora. Quanto ao filho do meio, este assume o trabalho dos irmãos quando eles estão cansados. Assim nasce a lenda do sol.

Importância das lendas para a cultura

Imagem: Conhecimento científico

A cultura indígena é rica em mitos e lendas, que são importantes não só para os índios, mas para todos os povos. Afinal, contribuíram para a formação da cultura brasileira, com palavras que fazem parte da língua brasileira. E alguns dos costumes como, tomar banho todos os dias, tomar chá, alimentos de origem indígena, uso de plantas medicinais, etc.

No caso das lendas, elas são usadas como base para explicar fatos do passado. Pois, as lendas são criadas a partir de fatos reais, mas acrescentadas de histórias contadas e superstições. Eis a lenda do sol como exemplo!

Cada grupo indígena tem sua própria forma de contar suas lendas, explicando a origem do universo, e tudo que nele habita. Como exemplo, a lenda do sol, que em outros grupos tem uma explicação diferente.

Como é o caso dos índios Tucúna, da Amazônia, que contam outra história da lenda do sol. De acordo com os Tucúna, o sol surgiu quando um jovem índio tomou uma tinta do urucu fervendo. Isso, quando a tia usava para pintar os índios para a festa de Moça-nova.

Então, à medida que ia bebendo, o jovem ia ficando mais vermelho, até que subiu aos céus. E lá no céu, começou a iluminar e esquentar o mundo todo.

Continua após a publicidade

Então, se você gostou do nosso artigo sobre a lenda do sol, veja também: Lendas Indígenas – Origens e importância para a cultura

Fontes: Só história, Meio do céu, Carta maior, UFMG

Imagens:  Conhecimento científico, Brasil escola, Pixabay

Próxima página »

Escolhidas para você