Médico brasileiro descobre a cura da rinite alérgica

Nariz coçando e escorrendo, olhos lacrimejantes, espirros e tudo isso junto, sem descanso. Todos esses incômodos fazem parte da vida de quem sofre com a temida rinite alérgica, especialmente durante mudanças de tempo. Mas, afinal, será que existe cura para a rinite ou é preciso aprender a conviver com esse desconforto para o resto da vida?

Há bem pouco tempo, a resposta para essa pergunta seria diferente. Hoje, no entanto, é possível dizer que a cura da rinite existe, ou pelo menos o tratamento definitivo de seus sintomas. Isso, graças ao médicos Edmir Américo Lourenço, professor de Otorrinolaringologia na Faculdade de Medicina de Jundiaí, em São Paulo.

Depois de 10 anos de estudos e pesquisas, o especialista conseguiu descobrir uma forma de melhorar a qualidade de vida das pessoas que sofrem com a rinite alérgica: por meio de vacinas. Pensou que fosse algo muito mais mirabolante, não foi?

Cura da rinite x causas alérgicas

Para o estudo, foram levadas em consideração as reações de 281 pacientes em testes diversos. Em um primeiro momento, essas pessoas passavam por testes na pele, de forma a identificar quais substâncias despertavam alergias em cada um deles. A partir disso, o médico desenvolveu vacinas específicas para as reações alérgicas de cada paciente, que devem ser aplicadas ao longo de 14 meses.

Conforme explicou o especialista, as vacinas funcionam como estimulante do sistema de defesa do organismo, que passa a produzir anticorpos específicos contra as causas das alergias. Durante o estudo, as vacinas foram eficientes em 80% dos pacientes que, embora não tenham deixado de ser alérgicos, passaram a não mais apresentar os sintomas corriqueiros de suas alergias. Interessante, não?

Preço salgado

Agora vem a má notícia: embora essas vacinas possam ser consideradas a cura da rinite e realmente melhorem a qualidade de vida das pessoas que sofrem com o problema, não é todo mundo que conseguirá ter acesso às injeções. Conforme o site G1, por enquanto o tratamento só está disponível em clínicas particulares e não sei por menos de 1,5 mil.

E você, acha que vale o investimento? Agora, se você não tiver esse dinheirão todo para investir em injeções, que tal aprender soluções naturais para seu problema de rinite? Conheça 5 remédios naturais contra a rinite alérgica.

Fonte: Revista Galileu, G1