Netflix tira do ar episódio de A Abelha Maya que mostrava pênis camuflado

Não é de hoje que desenhos animados mostram imagens inapropriadas em suas cenas, como você pode conferir nessa outra matéria. Dessa vez, foi uma série da Netflix que gerou polêmica e por mostrar, nada menos, que o desenho de um órgão masculino camuflado em um episódio da série infantil A Abelha Maya.

Quem descobriu o “problema” foi uma mãe, que assistia ao episódio com o filho, e notou o pênis desenhado grosseiramente, como uma pichação, em uma árvore do cenário. Na hora, a norte-americana Chey Robinson tirou uma foto da tela e postou sua reclamação no Facebook contra a Netflix.

“Por favor, fiquem atentos a que nossas crianças estão assistindo. Eu NÃO editei essas imagens de maneira alguma”, desabafou a mãe.

Fora do ar

O episódio em questão era o 35 da série de animação e foi retirado do ar pela Netflix no dia seguinte.

Mas, até agora, a empresa não se pronunciou sobre o assunto ou explicou porque a imagem fálica estava presente no desenho infantil.

Brincadeira de mau gosto

As desculpas que os pais esperavam, na verdade, vieram do Studio 100, criador do programa infantil. Segundo os responsáveis, o desenho impróprio escondido na animação se trata de uma “piada de muito mau gosto”, feita por um dos 150 artistas que participaram da produção dos 78 episódios da série A Abelha Maya.

O estúdio informou também que vai apurar a situação e tomar medidas legais contra o responsável pela piada. De forma geral, isso significa que o culpado, assim que identificado, será processado.

A série da Netflix

Sobre a animação, A Abelha Maya foi inspirada em um livro infantil alemão chamado As Aventuras da Abelha Maya, lançado em 1912, pelo escritor Waldemar Bonsels.

A animação feita pelo Studio 100 é de 2012 e está disponível na Netflix (exceto seu episódio 35), com dublagem em português.

Bafão, não? E você, já percebeu algo parecido em outras animações por aí?

Agora, falando em imagens inapropriadas e mensagens ocultas, você deveria conferir ainda: A verdade por trás de mensagens sexuais ocultas em filmes da Disney.

Fontes: IGN, Tecmundo