Curiosidades

Mitologia nórdica: todos os principais deuses e criaturas do mito

Na fé viking, não havia livros sagrados, dogmas ou sacerdotes. Nem por isso davam menos importância aos rituais de devoção aos seus deuses.

Na fé viking, não havia livros sagrados, dogmas ou sacerdotes. Apesar disso, no entanto, não quer dizer que eles davam menos importância aos rituais de devoção aos seus deuses, que ocorriam em qualquer lugar e incluíam até sacrifícios humanos.

Os detalhes dessa religião só chegaram até nós por causa de dois livros do século 13, Edda Poética, de autoria desconhecida, e Edda em Prosa, do historiador islandês Snorri Sturluson.

Entre os deuses, havia dois grupos principais: aesir e vanir. O clã dos aesir, chefiado por Odin, era de guerreiros natos que habitavam Asgard, um dos nove mundos mitológicos.

Registros mitológicos

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens
Plano Crítico

Primeiramente, historiadores consideram duas fontes como principais registros da mitologia nórdica: os livros Edda em Prosa e Edda Poética. Além disso, as sagas islandesas também são importantes para complementar as histórias.

Continua após a publicidade

Edda em Prosa: o livro foi escrito em nórdico antigo, em 1220. O autor, o poeta islandês Snorri Sturluson, pretendia desenvolver uma espécie de manual para os poetas das próximas gerações. Assim, acabou desenvolvendo uma narrativa que apresentava a visão do mundo a partir do olhar nórdico. O livro foi dividido em quatro capítulos, sendo o Gylfaginning o principal deles. No capítulo, a história do mundo é narrada por meio do diálogo do rei Gylfi com três deuses.

Edda Poética: as histórias do livro serviram como base para a escrita da Edda em Prosa e é a principal fonte, entre as duas. Além disso, a obra é composta por um conjunto de poemas em nórdico antigo, de autor desconhecido.

Mundos da mitologia nórdica

De acordo com a mitologia nórdica, o universo é dividido em noves mundos diferentes:

Continua após a publicidade

Midgard: é a terra do meio, o reino dos humanos, guardado pela deusa Jord.

Asgard: é separado do mundo humano por um grande muro e serve de moradia para os deuses. Asgard é liderado por Odin e Frigga e guardado por Heimdall.

Niflheim: é governado pela deusa do inferno, Hel, filha de Loki. A região também é o lar do gigantes e anões de gelo, por ser o reino do frio.

Vanaheim: plano onde os deuses do clã Vanir estão em repouso.

Continua após a publicidade

Svartalfheim: é onde vivem os deuses subterrâneos, ou svartálfar. Além disso, é guardado pelo deus cego Hoder.

Jotunheim: reino dos Jotuns, ou gigantes, liderado por Thrym.

Nidavellir: reino dos anões, localizado nos subterrâneos de Midgard.

Muspelheim: também é habitado por gigantes, mas pelos gigantes de fogo.

Continua após a publicidade

Álfheim: enfim, o reino onde vivem os elfos.

“Fight divino”

Volta e meia, entravam em conflito com o outro grupo. Associados à natureza e à feitiçaria, os vanir viviam em Vanheim e não eram dados à guerra.

Para garantir a paz, alguns vanir viraram reféns dos deuses guerreiros. As divindades nórdicas se apaixonavam, casavam, traíam e se separavam, sem maiores traumas.

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Continua após a publicidade

Além disso, eram mortais. Havia deuses sem pai conhecido, ou com nove mães, outros cegos, sem olho, braço, rosto desfigurado e com um enorme pênis, objeto também de culto.

Criaturas da mitologia nórdica

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens
Vikings Brand

Anões: de acordo com a mitologia nórdica, os anões não eram necessariamente pequenos, mas defeituosos e monstruosos. Além disso, eram retratados como extremamente mesquinhos e gananciosos.

Elfos: eram criaturas humanoides, mas reconhecidos por uma beleza especial e acima da média. Segundo os relatos, eles eram adorados como seres bons e dignos de sacrifício.

Dragões: os dragões estão entre os seres mais comuns e mais populares da mitologia. Eram descritos como grandes serpentes com cabeça, mandíbula e presas de crocodilos.

Continua após a publicidade

Nornas: eram seres míticos de forma feminina que regiam o destino do universo e de todas as pessoas.

Valquírias: também eram mulheres, mas voltadas para a guerra e o combate. As Valquírias serviam a Odin e selecionavam os guerreiros que morriam em batalha e iam para Valhalla, o salão dos mortos.

Os 12 maiores deuses da mitologia nórdica

Odin

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Continua após a publicidade

Odin era o mais importante dos deuses nórdicos, também chamado de pais dos deuses. Sua imagem era de um homem velho, mas forte e cheio de vigor. Além disso, estava sempre portando suas armas, representando a sabedoria, a guerra e a morte. Foi, inclusive, seu olho que serviu de oferta para receber toda a sabedoria que carregava.

O deus era casado com Frigga e teve vários filhos importantes para a mitologia, como Thor, por exemplo.

Além disso, quando em batalha, Odin costumava estar acompanhado de Sleipnir, seu cavalo de oito patas. Ainda que tivesse a ajuda do cavalo, o deus também contava com suas filhas, as Valquírias.

Loki

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Continua após a publicidade

Loki é o deus que causava confusões entre os outros deuses. Dessa maneira, investia em contar mentiras e provocar o máximo de caos possível por meio delas. No entanto, nem tudo em Loki era maligno. Isso porque ele também teve papéis importantes nas lutas que os outros deuses travaram. Além disso, também ficou extremamente popular na cultura pop contemporânea, graças à sua versão no Universo Marvel.

Frigg

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Frigga era mulher de Odin e deusa da fertilidade, ou seja, representada como a deusa mãe. Além disso, compartilhava características de guerreira e sábia com o principal deus da mitologia nórdica

Frigga também era responsável por acompanhar os guerreiros mortos em combate que não eram enviados para Valhalla, para acompanhar Odin. Estes, então, iam para Folkvang, onde podiam participar de banquetes e se exercitar até o fim dos tempos.

Continua após a publicidade

Hel

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Os deuses nórdicos eram como os humanos e também tinham as suas famílias. Loki, por exemplo, teve uma filha que se chamava Hel.

Ela é a deusa do mundo dos mortos e tem uma aparência sombria. Algumas lendas a descreviam como sendo uma mulher viva da cintura para cima e com o corpo morto da cintura para baixo.

Continua após a publicidade

Thor

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Filho de Odin e Jord (deusa da Terra) e representava o trovão. É, certamente, um dos deuses mais populares da mitologia, especialmente pela sua versão no universo Marvel. O deus carregava um martelo mágico, o Mjölnir, responsável pelos trovões. Segundo a mitologia, durante o Ragnarök Thor enfrentaria a serpente Jörmundgander.

Bragi

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

De acordo com a mitologia nórdica, Bragi era outro filho de Odin. Além disso, era o porta-voz e mensageiro dos deuses. Seu poder de comunicação era notável e, por isso, tinha esse importante papel entre os deuses.

Continua após a publicidade

Tyr

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Mais um filho de Odin, Tyr inspira força e coragem. Ele liderava os deuses nas batalhas e conseguiu até manter a paz entre eles após uma grande briga.

Teve sua mão decepada pelo lobo Fenrir para conseguir esse feito.

Njord

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Continua após a publicidade

É o deus cultuado por aqueles que dependem do mar para viver.

Os navegadores sempre pediam sua proteção antes de uma longa viagem e também pediam proteção para os seus filhos para esse deus.

Freyr

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

É um deus associado à prosperidade. Ele tem o poder de fazer chover, o que é essencial para a agricultura.

Continua após a publicidade

Era invocado para trazer fartura. Freyr também possuía um barco que era capaz de levar todos os deuses dentro dele.

Freya

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

É a deusa nórdica do amor e da luxúria. É muito sensual e também tem habilidades com magia e feitiçaria.

Pode se transformar em um pássaro para ir até o mundo dos mortos e de lá trazer profecias.

Continua após a publicidade

Baldur

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens

Era um dos deuses mais amados e admirados por todos, de acordo com a mitologia nórdica. Ele tem uma aura de paz e justiça e leva misericórdia para onde vai. Filho de Odin, foi alvo de muitas intrigas criadas por Loki.

Vidar

Os 11 maiores deuses da mitologia nórdica e suas origens
VKNG Jewelry

Era o deus da vingança e também filho de Odin.

Leia também11 principais deuses egípcios e quem eles foram na mitologia

Continua após a publicidade

Compartilhe o post com seus amigos!

Fonte: Realm of History

Imagens: VKNG Jewelry, Vikings Brand, VKNG Jewelry, Plano Crítico

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você