Listas

7 raças de cachorros que foram extintas e não existem mais

Acredita-se que as raças de cachorros que desapareceram se tornaram menos úteis no ambiente doméstico, e originaram outras raças distintas.

Você acha que conhece quase todas as raças de cães que existem? Talvez sim, mas aposto que não conhece essas raças exóticas que agora estão extintas. Embora o número exato de raças de cães no mundo ainda seja um mistério, a Federação Cinológica Internacional (FCI), uma Organização Mundial Canina, compilou um registro de todas as raças de cachorros que desapareceram. A contagem chegou a 339 raças diferentes!

Confira abaixo sete raças de cães que sumiram e originaram outras, e veja se você já ouviu falar de alguma delas.

7 raças de cachorros que desapareceram

1. Turnspit

O cão Turnspit era um cão doméstico extremamente dócil, inteligente e até costumava ajudar chefs e cozinheiros na cozinha, feito que lhe rendeu o nome de Cão de Cozinha.

Sua origem foi rastreada para o Reino Unido. Além disso, o cão possuia pernas curtas com uma estrutura corporal longa. Desse modo, o Turnspit Dog basicamente foi extinto porque era visto como um cão humilde e comum e, infelizmente, também perdeu espaço como ajudante de cozinha, com a evolução da tecnologia.

2. Kuri

Os fãs de “Moana” certamente irão apreciar o Kuri , pois acreditava-se que o semideus maoriano Māui criou a raça transformando seu cunhado em um. Esse suma, esses cães são originários da Nova Zelândia e serviam ​​para caçar pássaros.

No entanto, quando os colonos europeus chegaram à Nova Zelândia, eles trouxeram seus próprios cães com eles, e o cruzamento resultante forçou os Kurī à extinção.

Continua após a publicidade

3. Dogo cubano

O Dogo Cubano, também chamado de Mastiff Cubano era um cruzamento entre o Mastiff e um Bloodhound. Infelizmente, eles não tinham um propósito nobre, pois foram criados para ajudar a caçar escravos fugitivos.

Depois que a escravidão foi abolida, esses cães peludos diminuíram em popularidade até desaparecerem da existência. Dessa forma, acredita-se que várias raças modernas, como o Dogo Argentino e o American Pit Bull Terrier, sejam descendentes do Dogo Cubanos.

4. Old english bulldog

Em suma, o Old English Bulldog são outra das raças de cachorros que desapareceram, mas o Bulldog Inglês e o Olde English Bulldogge continuam vivos.

Os Old English Bulldogs eram maiores e menos compactos do que os seus homólogos modernos, e acabaram por desaparecer – para serem substituídos pelo Staffordshire Bull Terrier, English Bull Terrier e American Pit Bull Terrier.

5. Bullenbeisser

Um ancestral do Boxer moderno, o Bullenbeisser também recebe o nome de Bulldog Alemão e era uma raça famosa na Alemanha antes de ser extinta. Esta raça extinta era popular por se tratar de um cão inteligente, com muita força e agilidade. Aliás, o atual Bulldog Espanhol compartilha semelhanças com ela.

Antes de desaparecerem, um cruzamento de Bullenbeisser com Bulldogs vindos da Grã-Bretanha foi coordenado pelos criadores alemães Roberth, Konig e Hopner no final da década de 1870. Assim, eles criaram uma nova raça: o queridinho Boxer.

Continua após a publicidade

6. Cão lutador de Córdoba

Assim como o nome sugere, este cão era originário de Córdoba, Argentina. A raça extinta se caracterizou por sua natureza muito agressiva, provavelmente porque os usavam como cão de briga.

Foi feroz, forte, implacável e muito vigoroso quando a situação exigia. Aliás, a raça surgiu do cruzamento de Alano Español, Mastiff, Bull Terrier, Bulldog e Boxer.

No entanto, a natureza violenta do cão de combate de Córdoba pode ter contribuído imensamente para sua extinção. Ele sempre esteve pronto para lutar até a morte e pode suportar qualquer forma de dor enquanto estiver em ação.

Além disso, o Cão de Combate de Córdoba é o ancestral direto do Dogo Argentino, que apareceu na década de 1920 pelo cruzamento do cão de Córdoba com os Grandes Pirineus, Dogue Alemão, Bulldog, Dogue de Bordeaux e Bull Terrier.

7. Molosso

O Molosso é o avô de algumas das maiores e mais imponentes raças da atualidade. Você pode rastrear o pet de volta à Grécia antiga, e se ramificou para raças, incluindo o mastim, São Bernardo, cão de montanha de Berna, Rottweiler e Dogue Alemão.

Os cães Molossianos eram trabalhadores assíduos, bem como eram particularmente bons em vigiar pessoas e gado.

Continua após a publicidade

Já que estamos falando de cães, leia também: 30 raças de cachorro marrom mais populares do mundo

Próxima página »

Escolhidas para você