Curiosidades

Existe relação entre tsunami e terremoto?

De modo geral, terremotos e tsunamis são desastres naturais que trazem devastação de proporções épicas. Saiba mais sobre eles!

Terremotos e tsunamis são desastres naturais de proporções épicas que causam devastação em termos de danos materiais e vidas toda vez que ocorrem em qualquer lugar do mundo.

Esses desastres não são da mesma magnitude o tempo todo e é sua magnitude que decide o nível de destruição que ocorre em seu rastro. Existem muitas semelhanças entre terremotos e tsunamis, mas também existem diferenças entre terremoto e tsunami. Saiba mais sobre esses fenômenos neste artigo.

O que é e como se forma um terremoto?

Em suma, o terremoto é um tremor súbito da terra que ocorre quando as placas abaixo da superfície da terra mudam de direção. O termo terremoto refere-se ao deslizamento repentino em uma falha que resulta em tremores da terra junto com a liberação de energia sísmica.

Os terremotos também ocorrem ​​devido a atividades vulcânicas e outros processos geológicos indutores de estresse abaixo da superfície da Terra. Embora os terremotos possam acontecer em qualquer lugar do mundo, existem alguns lugares na Terra que são mais propensos a sofrer terremotos do que outros.

Continua após a publicidade

Como um terremoto pode ocorrer em qualquer clima, clima e estação do ano e a qualquer hora do dia ou da noite, torna-se difícil prever a hora e o local exatos com certeza.

Desse modo, os sismólogos são os cientistas que estudam terremotos. Eles coletam todas as informações sobre terremotos anteriores e as analisam para obter a probabilidade de um terremoto ocorrer em qualquer lugar da Terra.

O que é e como se forma um tsunami?

Tsunami é uma série de ondas do oceano que são enormes e se precipitam para engolir qualquer coisa que apareça em seu caminho. Tsunamis são causados ​​por deslizamentos de terra e terremotos que ocorrem no fundo do oceano ou mesmo abaixo dele.

Este deslocamento do fundo do mar provoca o deslocamento de um grande volume de água do mar sobre ele. O fenômeno assume a forma de ondas monstruosas de água que se movem em alta velocidade causando muita devastação e danos à vida, especialmente nas áreas costeiras.

Continua após a publicidade

Quando um litoral sofre um tsunami, é principalmente por causa de um terremoto que ocorre perto da costa ou em qualquer parte distante do oceano.

Existe relação entre tsunami e terremoto?

O movimento errático do fundo do mar pode causar um tsunami, a primeira onda que gera esse fenômeno pode aparecer em questão de minutos ou horas após o terremoto, sendo mais forte do que ocorre naturalmente.

Assim, um dos sinais de que um tsunami está prestes a ocorrer é que a água está se afastando rapidamente da costa. Além disso, depois de um terremoto, o tsunami pode ser liberado em questão de minutos, embora possa ser variável e ocorrer entre dois minutos e até 20 depois.

Aliás, um terremoto de magnitude 7,6 atingiu a costa oeste do México nesta segunda-feira (19); o epicentro foi na costa de Michoacán, em frente à cidade de Coalcomán. O movimento foi sentido na Cidade do México, Hidalgo, Guerrero, Puebla, Morelos, Jalisco, até mesmo na região sul de Chihuahua.

Continua após a publicidade

Em relação à ocorrência de um tsunami como resultado deste terremoto, durante a coletiva de imprensa o National Tide Survey informou dados de quatro estações de monitoramento do nível do mar.

Entre as recomendações para a população está que evitem entrar no mar, embora não haja amplitudes de ondas tão grandes, há correntes fortes que podem arrastar uma pessoa para o mar.

Qual é a diferença entre tsunami e maremoto?

Especialistas afirmam que estes dois termos não são sinônimos. Enquanto um maremoto é um sismo cujo epicentro se situa no fundo do mar, um tsunami é a onda gigantesca produzida por um maremoto ou pela erupção de um vulcão submarino.

Os distúrbios que podem gerar maremotos são vulcões, meteoritos, deslizamentos de terra nas costas ou no fundo do mar e explosões de grande magnitude. Em maremotos pode acontecer após cerca de 10 ou 20 minutos da perturbação.

Continua após a publicidade

Qualquer oceano pode apresentar um maremoto, embora sejam comuns no Oceano Pacífico devido à presença de falhas de subducção como a que existe entre as placas de Nazca e a América do Sul. Esses tipos de falhas geram terremotos poderosos.

Fontes: Educador, Olhar Digital, Cultura Mix, Brasil Escola

Leia também:

Piores terremotos do mundo – Abalos mais fortes da história

Continua após a publicidade

Tudo o que você precisa e deve saber sobre terremotos

Entenda como os terremotos acontecem e onde são mais comuns

É verdade que já houve um tsunami no Brasil?

Megatsunami, o que é? Origem e consequências do fenômeno

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você