Tarefa impossível: o sintoma da depressão que ninguém comenta

A depressão é muitas vezes associada com características de tristeza. Muitas vezes, a doença não é diagnosticada a tempo e seus efeitos podem ser os piores possíveis.

De acordo com a Healthline, uma pessoa com depressão sem tratar poder correr maiores riscos de doenças cardíacas, ter um sistema imunológico debilitado, problemas nutricionais (devido a falta ou excesso de alimentação), além de automutilação, que muitas vezes pode chegar ao suicídio.

A Organização Mundial de Saúde estima que no mundo todo existam mais de 300 milhões de pessoas, de todas as idades, que sofrem de depressão.

Muitas dessas pessoas podem se identificar com os sintomas descritos pela escritora Molly Backes, em sua conta no Twitter.

Depressão e a tarefa impossível

“As propagandas sobre depressão sempre falam sobre a tristeza, mas nunca mencionam o sintoma mais sorrateiro, que todo mundo com depressão conhece: a tarefa impossível.”

Qual é essa tarefa impossível?

“A tarefa impossível pode ser qualquer coisa: ir ao banco, renovar a receita de um medicamento, arrumar a cama, checar os emails, pagar um boleto. Para quem está de fora, a impossibilidade não tem sentido. ”

” A tarefa impossível quase nunca é realmente difícil. É algo que você já fez mil vezes. Por essa razão, para quem está de fora é difícil ter empatia com isso. “Por que você simplesmente não faz isso supera logo?” “Em 20 minutos você já teria terminado.” SIM, A GENTE SABE.”

Tríade Cognitiva: a depressão

De acordo com Nicole Hollingshead, psicóloga clínica e professora da Wexner Medical Center da Universidade de Ohio, em uma entrevista à Shape: As pessoas com depressão lutam contra o que se chama ‘tríade cognitiva’, uma cadeia de pensamentos negativos sobre si mesmo, sobre o mundo e sobre o futuro.

Por isso, ao acreditarem que não possuem um futuro promissor, as pessoas com depressão se sentem oprimidas, com o seguinte pensamento: “Que sentido tem?”. Essa maneira de pensar as impedem de realizar pequenas tarefas, aparentemente fáceis, do dia a dia.

Os pensamentos negativos também interferem diretamente no dia a dia. Com pensamentos como: “Por que tudo é tão difícil para mim?”, “Por que não consigo me sentir melhor?”. Crenças que se somam à situação negativa, se transformando em uma verdadeira bola de neve.

“Algo como arrumar a cama se transforma em uma tarefa extremamente desafiante quando se pensa ‘Qual o motivo? De qualquer forma não sirvo para nada’.”, explica a psicóloga. “Assim como os pensamentos de ansiedade, como ‘Se arrumar a cama, então deveria limpar o quarto, e tem um monte de louça suja na cozinha, e preciso tirar o lixo também”.

Esses são pensamentos que podem fazer a pessoa se sentir oprimida, ainda mais deprimida e sem esperanças.

Como encarar as tarefas

O site The Mighty recomenda algumas dicas para começar a organização das tarefas pendentes e transformá-las em um trabalho mais simples.

1 – Divida as tarefas em mini-tarefas

Se você tem uma lista muito grande de coisas para fazer, divida cada tarefa em mini-tarefas. Por exemplo, se vai lavar roupa, a primeira coisa é se concentrar em juntar toda a roupa suja. Quando terminar, pense apenas em colocar a roupa na máquina.

E assim, passo a passo. Não pense em tudo o que tem que fazer de uma vez só. Caso contrário se sentirá deprimido e acabará fazendo nada.

2 – Pense no que o seu ‘eu’ do futuro precisa

Um membro do The Mighty comentou assim: “Eu imagino que existe um ‘eu’ do presente e um ‘eu’ do futuro. Por exemplo, penso: ‘eu do futuro vai ter problemas se deixar de lavar a roupa outra vez.’ O que me dá uma oportunidade para perceber como estou me tratando. Se penso que o ‘eu do futuro’ é outra pessoa, me sinto obrigado a me importar.”

3 – A regra dos minutos para limpeza

Quando estiver esperando algo cozinhar, que seja o café ou que o micro-ondas termine de esquentar a comida, aproveite esse tempo para limpar alguma coisa. Qualquer coisa.

É mais fácil assim, porque os minutos são uma quantidade de tempo mais fáceis de lidar. Além disso você não precisará de motivação extra, afinal de contas, já estará na cozinha.

4 – Faça uma lista das tarefas que já concluiu

Ao invés de uma lista de coisas que você tem que fazer, crie uma lista de coisas que você já terminou.

Mesmo que sejam coisas como ‘levantar da cama’, ‘escovar os dentes’, ‘tomar banho’… são coisas importantes e necessárias a serem observadas e que te farão sentir melhor consigo mesmo.

5 – Peça ajuda

Se está se sentindo deprimido, pedir ajuda pode parecer desafiante, mas pode ser o que você mais precisa nesses momentos.

Converse com alguém que saiba da sua situação e peça que essa pessoa te ajude a se manter a par de tudo o que você precisa fazer, que se preocupe se as tarefas foram cumpridas ou não, mas sem te pressionar.

Caso essa não seja uma opção, ligue para o número 188 ou acesse: www.cvv.org.br

Falar é a melhor solução!

E, falando sobre o assunto, não deixe de conferir ainda: 9 coisas que você jamais deve dizer a alguém com depressão.

Fonte: Vix