Curiosidades

Animais pré-históricos – Criaturas mais fascinantes que já existiram

Animais pré-históricos viveram há milhares de anos no planeta Terra, em sua maioria, eram criaturas gigantes e assustadoras que dominavam todo o planeta.

Normalmente, quando se fala de animais pré-históricos os dinossauros vêm em mente. No entanto, existiram outras criaturas tão surpreendentes quanto, ou até mais. Por exemplo, Platybelodon, Megatherium, Megalodonte, e as aves do terror.

A princípio, falar sobre animais pré-históricos é se aprofundar em um mundo bastante familiar e desconhecido ao mesmo tempo. Isto é, apesar de ser conhecida uma grande parte de animais que habitam o planeta, ainda existe uma infinidade que nunca foi ou será vista. Ademais, com o processo evolutivo, muitas espécies foram extintas, e outras sofreram evoluções alterando sua forma.

Em suma, existiram milhões de criaturas pré-históricas, onde a maioria restou apenas os fósseis para contar história. Assim sendo, esses fósseis contribuem para desafiar a capacidade paleontológica humana de desvendá-los. Logo, confira uma lista com alguns dos animais pré-históricos mais surpreendentes.

Animais pré-históricos

1 – Titanoboa (Titanoboa cerrejonensis)

Perito Animal

A Titanoboa foi uma das espécies de serpentes com o maior tamanho, alcançando 13 metros de comprimento, 1,1 metro de diâmetro e 1,1 tonelada. Além disso, ela faz parte do período Paleoceno, que é após os dinossauros, sendo parte dos animais pré-históricos. Geralmente, seu habitat eram as selvas úmidas, quentes e pantanosas. Por outro lado, se alimentavam de outras serpentes, animais, ou seres humanos. Entretanto, foram extintas há 60 milhões de anos.

Continua após a publicidade

2 – Platybelodon

Escola Educação

O Platybelodon é um dos animais pré-históricos, esse se assemelha aos elegantes. No entanto, apresenta a mandíbula bem mais protuberante. Ademais, eles se alimentavam de vegetais, principalmente plantas aquáticas. Por fim, é estipulado que eles tenham existido na Terra entre 23 milhões e 5 milhões de anos atrás.

3 – Dunkleosteus

O Eco

O Dunkleosteus terreli é uma das criaturas pré-históricas, conhecida como o “peixe de armadura”. Pois, apresenta uma aparência horrenda, com a sua carapaça de difícil perfuração. Ademais, ele nadou no planeta faz mais de 300 milhões de anos. Além disso, alcançava mais de 9 metros de comprimento. Desse modo, ele era uma espécie bastante brutal, que se alimentava de outros peixes grandes, tubarões ou de sua própria espécie.

4 – Crocodilo imperador (Sarcosuchus imperator)

O Eco

O Crocodilo imperador existiu na Terra, no norte da África, faz 110 milhões de anos. Em síntese, estudos apontam que ele era uma espécie de crocodilo com até 8 toneladas, 12 metros de comprimento e uma mordida com 3 toneladas de força. Dessa maneira, era fácil para capturar as suas presas para se alimentar, que costumava ser peixes gigantes e dinossauros.

5 – Megalodonte (Carcharocles megalodon)

Escola Educação

O Megalodonte é um dos animais pré-históricos, sendo uma espécie de tubarão gigante. Ademais, ele viveu a mais de 2,6 milhões de anos atrás, tendo seus fósseis encontrados em diversos continentes. Em suma, esse tubarão podia alcançar os 20 metros de comprimento, com dentes de 18 centímetros. Por outro lado, ele se alimentava de baleias adultas.

Continua após a publicidade

6 – Animais pré-históricos: Gigantopithecus

Nova Escola

O Gigantopithecus faz parte das criaturas pré-históricas, que viveu no período Pleistoceno. Logo, trata-se de um primata que alcança os 3 metros de altura, e tem peso entre 300 a 500 quilos. Ademais, estudos apontam que sua alimentação era baseada em uma dieta herbívora, comendo basicamente bambu e frutas.

7 – ‘Aves do terror’ (Gastornithiformes e Cariamiformes)

Escola Educação

Os Gastornithiformes e Cariamiformes são espécies de aves carnívoras. A princípio, são denominadas e aves do terror. Pois, alcançam os 2,5 metros de altura. Ademais, são aves predatórias, capazes de matar outros animais facilmente, através dos pés com garras afiadas e o bico muito forte. Assim sendo, era possível matar através de bicadas ou golpeando a vítima contra o solo. Por fim, viveram durante o Mioceno.

8 – Animais pré-históricos: Arthropleura

Escola Educação

A Arthropleura é um dos animais pré-históricos, e trata-se do maior invertebrado terrestre conhecido até hoje. Isto é, é uma espécie de centopeia gigante, que alcança 2,6 metros de comprimento e 50 centímetros de largura. Além disso, apresenta 30 segmentos articulados que permitiam a rápida locomoção pelas florestas tropicais do período Carbonífero.

9 – Tigre Dentes de Sabre Sul Americano (Smilodon populator)

Escola Educação

O Tigre Dentes de Sabre Sul Americano, existiu faz mais de 10 mil anos entre América do Sul e América do Norte. Em síntese, seu nome advém dos seus dentes de 28 centímetros que ornava com seu corpo robusto. Além disso, podia ter 2,10 metros de comprimento. Portanto, é um dos maiores felinos que se conhece até hoje.

Continua após a publicidade

10 – Prionossuco (Prionosuchus plummeri)

Perito Animal

O prionossuco é um dos animais pré-históricos, e consiste no maior anfíbio conhecido que já existiu. Logo, podia chegar a medir 9 metros de comprimento. Por isso, era um temido predador de ecossistemas aquáticos daquela época. Por outro lado, ele surgiu há cerca de 270 milhões de anos.

11 – Animais pré-históricos: Titã de Uberaba (Uberabatitan ribeiroi)

Nova Escola

O titã de Uberaba trata-se do maior dinossauro brasileiro. Assim sendo, estima-se que ele chegava a medir 19 metros de comprimento, 5 metros de altura e 16 toneladas. Ademais, seus fósseis foram encontrados na cidade de Uberaba, em Minas Gerais. Por isso, ele é denominado assim.

12 – Caiuajara (Caiuajara dobruskii)

Nova Escola

Dentre os animais pré-históricos, o Caiuajara é mais um do Brasil. Em resumo, consiste em uma espécie carnívora de dinossauro que voava. Além disso, atingia os 2,35 metros de envergadura, podendo pesar até 8kg. Por outro lado, estudos apontam que essa espécie habitava zonas desérticas e arenosas.

13 – Preguiça-gigante brasileira (Megatherium americanum)

Nova Escola

O Megatherium americanum, também chamada de preguiça-gigante, é um dos animais pré-históricos bastante interessantes. Em síntese, ele aparenta semelhanças com o Bicho-preguiça. Entretanto, ele pesa 4 toneladas, chegando a ter 6 metros de comprimento.

Continua após a publicidade

Por outro lado, o Megatherium existiu no período Pleistoceno, há cerca de 2,5 milhões até 11 milhões de anos atrás. Ademais, sua alimentação era voltada para folhas. Mas mesmo assim, as pessoas que o viam saiam correndo com medo do tamanho e aparência assustadora dessas criaturas.

14 – Animais pré-históricos: Tatu-gigante (Gliptodonte)

Wikipedia

O Gliptodonte trata-se de um tatu-gigante, que existia no planeta Terra, especificamente a América do Sul, há mais de 16 mil anos. Em suma, os estudos paleontológicos demonstram que essa espécie possuía uma carapaça como a do tatu. No entanto, ela chegava a pesar mil quilos, sendo um dos animais pré-históricos brasileiros mais lentos. Além disso, sua alimentação era baseada em dieta herbívora.

15 – Tartaruga gigante de água doce (Stupendemys geographicus)

O Eco

A Stupendemys geographicus era uma espécie de tartaruga gigante de água doce. Logo, estudos apontam que a criatura habitava a Amazônia, quando a região do Rio Amazonas com Orinoco ainda era um grande pântano. Ademais, com base em seus fósseis, ela poderia alcançar o peso de um carro, vivia no fundo de lagos e rios e os machos possuíam chifres.

Enfim, esses foram alguns dos animais pré-históricos mais surpreendentes que já existiram no planeta Terra. Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: O maior ser vivo da Terra mede 3,8 km de comprimento e tem mais de 1900 anos.

Continua após a publicidade

Fontes: Perito Animal, Mega Curioso

Imagens: Blog Alec Silva, Escola Educação, Nova Escola, Wikipedia, O Eco

Próxima página »

Escolhidas para você