Ciência & Tecnologia

Barulho no céu – O que causa os sons estranhos que escutamos no céu

Em abril e maio um barulho no céu de todo o Brasil deixou todo mundo muito preocupado. Será que o fim no mundo está próximo?

2020 foi um ano atípico para todos os seres humanos. E para fechar o pacote um barulho no céu foi ouvido pelos brasileiros em abril e em maio.

Seria esse um sinal que nós tanto esperávamos de que os alienígenas realmente existem? E além disso, estavam prontos para invadir o Brasil?

Enfim, em um ano que uma pandemia nos fez evitar o contato social, um barulho estranho vindo do céu acabou se tornando assustador.

E as teorias sobre o fenômeno que aconteceu mais de uma vez não acabam. Tem quem realmente acreditou que eram discos voadores, tem quem acreditou que eram experimentos científicos ou até o fim do mundo.

Continua após a publicidade

Por outro lado, houveram os céticos que achavam que tudo não passou de um trote ou de um delírio coletivo dos brasileiros. Bom, ninguém está certo aparentemente.

O barulho no céu

O que se sabe é que o barulho não significa que o mundo vai acabar, então nesse ponto todo mundo pode ficar feliz. Além disso, nada indica que os sons escutados são evidências de que algum mal vai acontecer à humanidade. Contudo, também existe uma má notícia.

Nesse caso não existe nenhuma certeza do que realmente aconteceu. É claro que vários pesquisadores e cientistas analisaram a situação para explicar o barulho no céu que muitos escutaram em abril e maio. Abaixo estão algumas teorias sobre os sons escutados. E infelizmente nenhuma delas envolve extraterrestres.

Continua após a publicidade

Pressão atmosférica e gases

Barulho no céu - O que causou os sons estranhos que escutamos no céu
Fonte: Superinteressante

Segundo Bruna Ignaczuk, uma professora pós-graduada em física afirmou que o barulho no céu pode estar associado à gases na atmosfera e sua movimentação. Segundo ela o som é resultado do contato dos gases com a mudança da pressão atmosférica.

Como por exemplo quando o ar sai de dentro de um balão cheio ou de uma panela de pressão. Enfim, essa saída do ar pode ter ocorrido nos buracos presentes na camada de ozônio da Terra. Ainda segundo a professora, o primeiro registro que existe desse barulho no céu é de 2012, na Rússia.

Além disso, o planeta faz diversos barulhos que a gente não é capaz de escutar por estar fora do nosso alcance. Contudo, quando eles chegam até a nossa faixa de som, além de serem audíveis, podem ser assustadores. E a quarentena provavelmente piorou o som. Já que a pausa na poluição afetou o movimento dos gases.

Atmosfera e ventos solares

Fonte: Bol

Outra hipótese é o contato da atmosfera terrestre com os ventos solares. Estes, ao pressionarem a magnetosfera da Terra acabam criando ondas magnetossônicas. Um efeito que segue as condições do clima espacial. Ou seja, se o clima estiver calmo, as ondas magnéticas são calmas.

Continua após a publicidade

Entretanto, se estiver em uma tempestade solar, o som das ondas vai ser agitado. Na missão Cluster, da ESA, esses sons das ondas magnetossônicas foram registrados pelas naves. Contudo, esse som não é exatamente o mesmo barulho que foi ouvido na Terra.

O que acontece é que a pressão na magnosfera interage com um fenômeno existente na nossa atmosfera e então partículas de carga positiva e negativa se juntam em forma de camadas. Em seguida, ao serem pressionados pelo vento solar na magnetosfera, as partículas que estavam nas camadas colidem, gerando o barulho no céu.

Barulho no céu – The Hum

Segundo Sérgio Sacani, um divulgador científico, esse barulho no céu tem registros desde 1800, contudo, seu nome muda dependendo do lugar. Geralmente, barulhos no céu são chamados de Skyquake e, como dito anteriormente, podem ocorrer por diferentes motivos.

Fonte: Amazingstories

Como por exemplo a entrada de asteroides na atmosfera terrestre, o barulho sônico vindo de aviões e até mesmo tempestades que estão ocorrendo a uma longa distância. Enfim, em torno de 2009 e 2012 vários skyquakes foram registrados. O fenômeno passou a ser conhecido como The Hum.

Continua após a publicidade

Aliás, existe um projeto chamado World Hum Map and Database Project. Em resumo, ele ajuda a mapear e documentar todos os relatos de pessoas no mundo que ouviram o barulho no céu. Além disso, ele também possui um fórum para quem investiga os casos, com comentários científicos sobre eles. Tudo baseado em fatos.

Enfim, o problema é que são diversos motivos que podem acabar causando os barulhos no céu. Portanto fica difícil determinar o que está realmente acontecendo ou o porquê escutamos esses sons naqueles dias. Entretanto é importante lembrar que é um fenômeno natural e que acontece há anos.

Então, gostou da matéria? Está triste em saber que não são alienígenas? Em seguida leia: Inteligência Artificial, o que é? Curiosidades e exemplos

Imagens: Cnnbrasil, Superinteressante, Bol e Amazingstories

Continua após a publicidade

Fontes: Canaltech e Catracalivre

Próxima página »

Escolhidas para você