Curiosidades

Como identificar perfumes falsificados

Será que seu perfume é mesmo original? Existem formas de saber! Aprenda, na matéria, como descobrir se você comprou um perfume original ou falsificado.

Saber identificar perfumes falsificados pode ser muito útil para não cairmos nos famosos golpes. Por isso, é essencial saber quais elementos devem ser observados com mais atenção.

O principal aspecto que diferencia um perfume original de um falsificado é, sobretudo, a qualidade do produto. Nesse sentido, é importante se atentar, pois os ingredientes utilizados nos falsos podem ser nocivos à pele e podem provocar alergia.

Além disso, há algumas pistas possíveis de serem observadas mesmo na embalagem ainda fechada, por exemplo, os materiais utilizados na caixa, no plástico exterior, entre outros.

Mas, ainda assim, a melhor forma de prevenir cair nesses golpes é pesquisando lojas conceituadas e famosas por serem confiáveis. Ademais, indicações de amigos e familiares são sempre bem-vindas.

Por fim, é muito importante pesquisar a fundo o produto desejado, pois assim você saberá quais são suas características e, então, será mais fácil identificar os originais e os falsificados.

Dessa forma, vamos te ajudar a identificar melhor esses produtos falsos ou originais. Então, apresentamos, a seguir, algumas dicas para você não seja vítima de enganação.

Continua após a publicidade

Como se prevenir para não comprar perfumes falsificados?

1. Qualidade do plástico

Em geral, os perfumes originais têm embalagens envolta em celofane espesso e rente à caixa.

Por outro lado, os perfumes falsificados apresentam embalagens finas e desajeitadas, além de, em algumas vezes, com amassados e bolhas.

2. Lacre das embalagens dos perfumes falsificados

A forma como as embalagens são fechadas também mostram a autenticidade do produto. Desse modo, caso as embalagens sejam bem-feitas é um bom sinal de que o perfume é original.

Já se o fechamento seja maior que 5mm e irregular ou com marcas suspeitas, possivelmente o produto em questão não será original.

3. Código de barras

Quando os perfumes são originais, o código de barras é impresso na caixa, enquanto os falsificados o apresentam como um adesivo.

Além disso, é importante conferir se o frasco do perfume também apresenta código de barras e se o da caixa e o do frasco são iguais.

Continua após a publicidade

4. Estrutura interna da caixa

O papelão de suporte dos frascos de perfume, quando de boas marcas, costumam ser brancos, de boa qualidade e com uma montagem bem-feita.

Isso ocorre já que é responsável por deixar os perfumes imóveis lá dentro das caixas durante o transporte e, assim, evita dano ao produto.

5. Simetria

Alguns perfumes originais apresentam tampas simétricas. No entanto, para aqueles que falsificam o produto, imitar esse detalhe pode ser bastante difícil.

6. Formato do frasco

Existem alguns produtos que trazem frascos com designs únicos e marcantes.

Logo, essa característica é bastante importante para observar se o perfume é falsificado ou não, já que fica fácil de identificar a originalidade por meio desse aspecto.

7. Coloração dos perfumes falsificados

As marcas famosas, por via de regra, não utiliza corantes em sua composição ou os utilizam em pouquíssima quantidade.

Continua após a publicidade

Assim, os perfumes originais costumam ser mais transparentes do que os falsificados, que, geralmente, apresentam cores mais fortes.

8. Fixação do perfume

Os perfumes falsificados usam matérias-primas mais baratas e de menor qualidade. Por isso, eles não apresentam uma boa fixação na pele, em contraposição aos originais.

E, por falar em perfumes, esta matéria pode ser bastante informativa… ou não: Os perfumes mais usados por homens e mulheres que traem.

Fonte: Elegância Company, Promobit.

Próxima página »

Escolhidas para você