Ciência & Tecnologia

Conheça o ganhador do premio Nobel mais velho da história

Aos 96 anos, o cientista ganhador do premio Nobel mais velho da história está trabalhando em uma nova e revolucionária tecnologia.

Você tem se preparado para sua velhice? Bons hábitos com certeza lhe garantiram uma tranquilidade. Mas você se imagina ganhando um prêmio Nobel aos 93 anos? Pois bem esse é o ganhador do premio Nobel mais velho da história.

Jogos de tabuleiro, crochê e televisão não são as únicas coisas que as pessoas idosas fazem. Tudo bem que a maioria se comporta como se não pudesse realizar mais nada. Mas Arthur Ashkin comprovou que isso não é uma verdade, e que pessoas de idade avançada podem continuar agindo no mundo.

A taxa de depressão e suicídio na velhice é altíssima, devido a esta ideia de que já não podem fazer a diferença. Para Arthur Ashkin, o segredo é não desistir. Seu trabalho, a pinça ótica, que o levou a ganhar o Nobel, começou a ser desenvolvida 21 anos antes.

96 anos, esse é o ganhador do premio Nobel mais velho da história

Continua após a publicidade

O ganhador do premio Nobel mais velho da história

No início do projeto não teve sucesso, e o laboratório em que trabalhava cortou-lhe o financiamento. Mas esse estudioso não desistiu. Continuou trabalhando em sua obra, contratou uma equipe, e entre ela estava Steven Chu.

96 anos, esse é o ganhador do premio Nobel mais velho da história

Steven Chu anos depois conquistou o Nobel da Física. O que deixou Ashkin chateado, pois segundo ele, Chu só havia conseguido suas descobertas a partir do trabalho de Ashkin.

O nonagenário conta que esperou ser atribuído ao prêmio do ex colega, mas não recebeu nenhum reconhecimento. 21 anos depois Ashkin continuou seu trabalho com lasers e aperfeiçoou a pinça ótica, descoberta anos antes.

Continua após a publicidade

A descoberta responsável pelo premio

A pinça óptica que o levou a ganhar o Nobel, possibilitou segurar e esticar o DNA. Com essa tecnologia proporcionou novos avanços na ciências. A tecnologia é usada em diversas áreas como na biologia, nanotecnologi, espectroscopia, etc.

96 anos, esse é o ganhador do premio Nobel mais velho da história

Graças as Ashkin, hoje os pesquisadores conseguiram desenvolver um exame de sangue próprio para identificação da malária. Puderam entender ainda como as drogas que reduzem colesterol podem enfraquecer os glóbulos vermelhos.

Novo projeto

Não pense que o senhor de quase 100 anos está descansando após ganhar o prêmio. Ashkin tem um laboratório em casa, e está trabalhando em um novo grande projeto.

Continua após a publicidade

96 anos, esse é o ganhador do premio Nobel mais velho da história

O projeto da vez é um dispositivo capaz de aproveitar a energia solar. Através da geometria ele capta e canaliza a luz. Os tubos refletivos usados no equipamento intensificam os reflexos solares. Assim, os painéis solares ficam mais eficientes, simples e baratos.

A nova invenção está sendo patenteada e logo será publicada com detalhes. O cientista afirma “Estou tornando a eletricidade barata”.

Veja também: Nova região do cérebro humano é descoberta por cientistas.

Continua após a publicidade

Fonte: Fatos Desconhecidos

Próxima página »

Escolhidas para você