História

Górgonas da mitologia grega: o que eram e quais características

As górgonas eram seres da mitologia que tinham características bem peculiares e que causavam terror nas histórias por conta de seus atributos.

As górgonas eram figuras da mitologia grega. Estes seres do submundo assumiam a forma de mulher e possuíam uma aparência impressionante; transformando em pedra os olhos de todos aqueles que dirigissem o olhar a estas criaturas.

Para a mitologia, as górgonas também eram responsáveis por terem poderes físicos e mentais extraordinários. Elas também possuiam o dom da cura. Entretanto, a mitologia também as classifica como monstros que espreitam os homens.

Todavia, as górgonas eram três irmãs; a mais conhecida era Medusa.  Eram filhas de Fórcis, o velho mar e da deusa Ceto. Alguns escritores também associam a imagem das górgonas a personificações de terrores marítimos, que comprometiam a navegação antiga.

Afinal, o que eram essas criaturas?

As górgonas eram criaturas da mitologia grega que assumiam a forma de mulher. Com características marcantes, eram descritas com serpentes no lugar dos cabelos e dentes grandes; como se fossem caninos muito pontiagudos.

Esteno, Euríale e Medusa eram três irmãs, filhas de Fórcis, o velho mar, com sua irmã Ceto, o monstro marinho. Todavia, as duas primeiras eram imortais. Já Medusa era uma bela jovem mortal.

Górgonas: o que eram e quais suas características?

Continua após a publicidade

Contudo, sua principal característica era transformar em pedra todos os homens que as olhassem diretamente nos olhos. Por outro lado, a elas também está associado o poder de cura; dentre outros poderes físicos e mentais extraordinários.

Medusa

Dentre as górgonas, a mais famosa de todas era Medusa. Filha dos deuses marinhos Fórcis e Ceto, ela era a única mortal dentre as suas irmãs imortais. Contudo, a história conta que ela era dona de uma beleza sem igual.

Habitante do templo de Atena, a jovem Medusa foi cobiçada pelo deus Poseidon. Ele acabou violando-a; causando tamanha raiva em Atena. Ela considerava que Medusa tinha manchado o seu templo.

Górgonas: o que eram e quais suas características?

Diante de tamanha raiva, Atena acabou transformando Medusa em um ser monstruoso; com serpentes na cabeça e olhar petrificante. Nesse sentido, Medusa acabou banida para outra terra.

A mitologia conta também que ao saber que Medusa esperava um filho de Poseidon, Atena, mais uma vez enfurecida, enviou Perseu no encalço da jovem, para que este acabasse matando-a.

Continua após a publicidade

Perseu então saiu à caça de Medusa. Ao encontrá-la, ele degolou a cabeça de Medusa enquanto ela dormia. Conta a mitologia, que do pescoço de Medusa saíram outras duas criaturas: o Pégaso e o Crisaor, um gigante dourado.

Próxima página »

Escolhidas para você