História

Moreno: origem da palavra e porque é considerada uma grave ofensa

A simples palavra moreno tem um origem cheia de história. Entenda de onde ela veio e também sobre o preconceito envolvido em seu uso.

Certamente, conhecer mais sobre a origem e a etimologia de diversas palavras pode te ensinar muita coisa. Em diversos casos, uma palavra que parece inofensiva, esconde uma origem que, para muitos, pode ser terrível. Nessa matéria, por exemplo, vamos abordar a origem da palavra moreno, e entender mais sobre os preconceitos que ela pode esconder em sua origem.

Antes de viajarmos pela história, vamos ao dicionário ver o que ela significa. De acordo com o dicionário online Priberiam, “moreno” pode ter 5 significados, se dividindo entre adjetivos e substantivos.

Primeiramente temos os adjetivos, que estão ligados as características de pele, olhos e cabelos acastanhados. Em segundo lugar, temos os substantivos, onde moreno é usado para se referir a uma pessoa de pele bronzeada ou acastanhada. Por fim, também existe a definição de moreno ou morena para designar a qualquer pessoa de uma forma romântica.

Agora que você já entende o que moreno significa nos dias de hoje, vamos à história dessa palavra.

Continua após a publicidade

Origem

Moreno - Origem e preconceito envolvendo a palavra
Lazarza

A palavra “moreno” vem de outra palavra conhecida até os dias de hoje: mouro. Essa palavra era utilizada pelos europeus para designar os povos invasores originados do Norte da África (Marrocos, Argélia, Mauritânia e Saara Ocidental). O nome “mouro” deriva de Mauritânia, mas com o passar o tempo foi utilizado para se referir a todos os povos invasores citados anteriormente.

Esses povos invadiram diversos territórios, como por exemplo a Sicília, Malta, parte da França e a Península Ibérica. A invasão aconteceu junto com os povos islâmicos onde os Mouros, por sua vez, aderiram a religião islâmica.

Continua após a publicidade

Entre os séculos 9 e 15, os reis cristãos conseguiram reconquistar a Península Ibérica. O grande problema é que tais reis eram de origem germânica e a pele branca era uma característica presente na grande maioria deles. Sendo assim, qualquer pessoa que tinha uma pele mais escura, cabelos mais escuros e até olhos escuros, estavam relacionados aos mouros.

Durante o século 15 e 16, mouro acabou se transformando em moreno e pessoas com essa característica sofriam bastante preconceito. Os descendentes dos povos africanos tinham chances baixíssimas se ocuparem cargos de grande responsabilidade ou mesmo ascender socialmente.

Continua após a publicidade

Em alguns lugares, como, por exemplo, na Espanha, eles corriam risco de vida sendo perseguidos pela Inquisição. Outro fato importante é que os judeus sefarditas também sofreram com isso, já que tinham a pela mais escura.

A vida do moreno

Moreno - Origem e preconceito envolvendo a palavra
Padre Paulo Ricardo

Certamente, a vida dos morenos não era fácil nessa época. A rainha da Espanha em 1492 decretou que todos deveriam se converter ao cristianismo. Em suma, caso uma pessoa não se convertesse, ela deveria sair do território ou então morreria pelas mãos do exército.

Com o passar dos anos, a Inquisição investigava os “cristãos-novos” para verificar se eles realmente teriam se convertido, ou ainda estavam praticando sua religião original em segredo. Com isso, apenas pelo fato de uma pessoa ter a pele acastanhada, ela já se tornava um possível perigo para a igreja.

Por fim, pessoas consideradas morenas acabavam ocupando cargos mais baixos. Uma vez que se provava que a pessoa era descendente de um moreno, ela não podia conseguir cargos públicos.

Continua após a publicidade

Certamente, o termo moreno viajou o Oceano Atlântico e chegou nas Américas. Trabalhos e pesquisas recentes mostram que a palavra “pardo” pode teve sua invenção para não se chamar os índios de morenos. Ser ligado aos descendentes dos mouros era algo tão ruim para os europeus, que eles criaram um novo termo, mesmo com a coloração da pele parecida.

Moreno e preconceito

Moreno - Origem e preconceito envolvendo a palavra
Donna

Nos dias de hoje, utilizar a palavra moreno gera muita confusão e discussão. Como visto anteriormente, é comum usar o termo para designar uma pessoa de pele escura. Os negros, devido a escravidão e a diversos outros problemas, acabaram ficando a margem da sociedade. Moreno, para muitos, seria uma forma de tratar pessoas negras de uma forma “melhor”, o que está errado.

Segundo o movimento negro quando alguém chama um negro de moreno, ela ignora ou tenta apagar sua história e sofrimento.

E aí, o que achou da matéria sobre o termo moreno e o preconceito que envolve? Comenta ai e compartilha com todos. Caso tenha gostado, é provável que também gostara dessa: Todo Mundo Odeia o Chris, a verdadeira história por trás da série.

Continua após a publicidade

Fonte: Priberam, Aventuras na História, Geledes

Imagem de destaque: Moorish Harem

Próxima página »

Escolhidas para você