Curiosidades

O Patinho Feio – História, moral e lições deste conto popular

Apesar de serem destinadas às crianças, as fábulas e contos de fadas como 'o patinho feio' podem trazer muitas lições de vida aos adultos.

Certamente na sua infância, você já ouviu o conto do Patinho Feio. Trata-se de um conto de fadas escrito pelo autor e poeta dinamarquês Hans Christian Anderson. Além de estar presente nas histórias dos livros, ele foi adaptado para muitos filmes, musicais e dramas.

Em resumo, o Patinho Feio narra a história de um patinho que sempre é repreendido pelos outros animais da floresta por causa da sua aparência. Dessa forma, o conto traz uma história sobre os problemas e sofrimentos de um filhote de pato, que foi excluído e rejeitado ao nascer. Ele foi humilhado de várias maneiras, o que acabou fazendo com que ele não confiasse em si mesmo. Continue lendo para saber mais.

Resumo do conto O Patinho Feio

O Patinho Feio: história, moral e lições deste conto popular
Fonte: Pinterest

O conto, O Patinho Feio, começa com a mãe pata ansiosa pela chegada de seus sete patinhos. Junto com os outros animais, eles observaram cuidadosamente cada ovo. Um dia os patinhos romperam as cascas e começaram a eclodir e seis lindos patinhos nasceram. No entanto, eles perceberam que ainda havia um patinho para nascer. Dentro de um ovo maior e mais escuro que os demais, o patinho parecia ter dificuldade em romper a casca, até de repente ele emergiu.

Dessa forma, saiu um patinho feio e muito diferente dos outros. Todos zombavam dele, e a mãe pata ficava constrangida porque era mãe de um patinho feio e sempre tentava disfarçar. Os dias foram passando e o patinho feio ficou ainda mais feio. Além disso, ele cresceu muito rápido e era muito maior do que os outros.

Fuga e redenção

O Patinho Feio: história, moral e lições deste conto popular
Fonte: Pinterest

Com efeito, o patinho feio percebeu que não era bem vindo em seu lar e decidiu fugir. Quando ele fugiu, chegou a uma fazenda, onde uma velha o recebeu. Então, ele pensou que ali tinha encontrado um lar. Todavia, a velha era má e só o estava alimentando para comê-lo. Portanto, quando o patinho feio soube do plano da velha, ele fugiu daquele lugar.

Posteriormente, chegou o inverno e o patinho feio estava sozinho, com fome, frio e medo; já que ele tinha que fugir constantemente dos caçadores. Em seguida, com a chegada da primavera, o patinho feio foi para um lago, onde encontrou alguns cisnes. Quando os viu, ficou triste porque eram lindos e ele não. Ele decidiu falar com eles e disse-lhes se poderia dividir o lago com eles. Para surpresa do patinho rejeitado, eles disseram que sim. Foi então que o patinho feio viu o seu reflexo da água e percebeu que ele era um lindo cisne. Ele ficou muito feliz e viveu com eles para sempre.

Moral da história e lições que O Patinho Feio ensina

O Patinho Feio: história, moral e lições deste conto popular
Fonte: Pinterest

Essa história nos ensina importantes lições, que incluem:

Não julgar pela aparência

Sem dúvidas, essa além de ser a moral da história é a lição mais importante de todas. Ou seja, não devemos discriminar as pessoas ou julgá-las por sua aparência física. Os animais ridicularizaram e zombaram do patinho porque ele não se parecia com nenhum deles. Então, somente por causa dessa aparência estranha que eles o trataram de maneira diferente.

Ser persistente

A ideia de que nunca devemos desistir de seguir nossas paixões e encontrar nosso lugar na sociedade também é uma das lições que aprendemos com essa história. Quando o patinho tenta se encaixar com os outros animais, ele recebe muitos conselhos deles sobre como se tornar um deles. Mas no final, ele segue sua paixão. E quando o patinho se junta ao bando de cisnes, mesmo sem saber como será sua recepção, ele está simplesmente seguindo sua paixão e seu desejo de encontrar seu lugar no mundo, não importa o que aconteça.

Não desistir de si mesmo

Assim como na história do patinho feio, as coisas pelas quais você passa na vida e que gostaria de voltar e mudar fazem parte de você. É por isso que você não pode mudá-los. Além disso, você não seria você se não tivesse as lutas, a bagagem de experiências e as coisas ruins que aconteceram.

Se curtiu saber mais sobre esse personagem dos contos de fada, leia também: Tio Patinhas – Origem, curiosidades e lições do pato mais rico da ficção

Fontes: Cultura Genial, Fãs da psicanálise, Bragança em pauta

Fotos: Pinterest

Próxima página »

Escolhidas para você