O que os lugares onde você tem espinhas revelam sobre sua saúde

Se você passou a adolescência inteira pensando que suas espinhas melhorariam na vida adulta, e elas ainda não melhoraram, acredite, pode ser que seu problema não vá se resolver tão facilmente. Ao que tudo indica, os motivos para suas espinhas ainda aparecerem podem ser mais variados que qualquer um de nós poderia imaginar.

Aliás, falando em causas das espinhas ainda estarem por aí, especialistas garantem que o local onde elas mais surgem podem dar uma pista sobre como anda sua saúde. Sabia disso?

Por exemplo, pessoas que têm mais espinhas no peitoral, normalmente, não as têm pelos mesmo motivos que aquelas que têm mais espinhas no bumbum. E acontece com aquelas que têm espinhas no pescoço, nas costas e assim por diante. Entende?

Abaixo, na lista, você vai conhecer um pouco desses motivos e o que o lugar onde você mais tem espinhas pode dizer sobre seu estado de saúde.

OBS: Essa matéria, como você já deve imaginar, não substitui uma consulta médica. Procure um dermatologista ou um endocrinologista, caso suas espinhas estejam incomodando ou preocupando você.

Descubra o que os lugares onde você tem espinhas revelam sobre sua saúde:

1. Bumbum

Sabia que as espinhas no bumbum podem ser o resultado de roupas apertadas? Especialmente, as roupas íntimas. Pode ser também que sua higiene pessoal não esteja das melhores. Tome mais banhos e não deixe de lavar a região com sabonete, de preferência bactericida.

Aliás, as espinhas no bumbum podem surgir também pelos mesmo motivos das bolinhas no braço, como você já viu aqui, nessa outra matéria (clique).

2. Queixo e pescoço

Espinhas na região do queixo, pescoço e no rosto também podem indicar que você anda consumindo queijo e outros derivados de leite em excesso.

Se você cortar o consumo e, mesmo assim, continuar com o problema, pode ser que suas glândulas adrenais estejam produzindo cortisol demais. Pode ser que você esteja sob muito estresse.

3. Ombros e costas

Se suas espinhas se concentram nesses locais, pode ser que você tenha problemas gastrointestinais. Beber mais água, ingerir menos alimentos processados, glúten, açúcar e tentar consumir mais alimentos naturais são medidas que podem ajudar.

Reduzir o consumo de bebidas alcoólicas e de café também são medidas que podem ser positivas, já que ajuda a digerir as vitaminas e os minerais.

4. Peito

Espinhas na área do peitoral pode indicar desequilíbrio hormonal, como uma produção excessiva de hormônios masculinos. No caso das mulheres, pode ser preciso reposição hormonal. De qualquer maneira, é preciso consultar um médico antes de tomar qualquer medida.

5. Cotovelos

Cotovelos com espinhas pode ser um sinal de alergia ou de infecção por fungos. Pode ser também um sinal de que você precisa consumir menos ou até mesmo cortar a ingestão de alimentos com trigo, leite e ovos da sua dieta.

6. Abdômen

Acne no abdômen, ou seja, na barriga, pode ser sinal de que você está comendo muito açúcar e até mesmo que você já tenha algum tipo de desequilíbrio de glicose no sangue. Se você cortar o açúcar por algumas semanas e, mesmo assim, as espinhas não melhorarem, procure um médico.

7. Pernas

Apesar de ser mais raro, acne nas pernas pode realmente aparecer e indicar que você está com deficiência de vitamina ou com algum tipo de reação alérgica.

E então, o que será que suas espinhas dizem sobre sua saúde? Agora, já que estamos falando sobre o assunto, não deixe de ler também: Dermatologista faz sucesso na web com vídeos espremendo cravos e espinhas.

Fonte: Cuide-se