Curiosidades

25 de março – Origem, história, horários e principais lojas

O ponto de compras em São Paulo. A 25 de março eternizou-se como o maior centro de compras, não só em São Paulo, como em todo o Brasil.

A princípio, o maior ponto comercial de São Paulo, e também do Brasil, a 25 de março acabou se tornando referência e um local obrigatório de visita na cidade. Certamente, a grande variedade de produtos e preços acaba atraindo bastante as pessoas.

Além disso, é um ponto que recebe cerca de 500 mil pessoas diariamente. No entanto, em datas comemorativas, por exemplo, Natal, Dia das Mães, Dias dos Namorados e Dia das Crianças, pode chegar ao incrível número de 1 milhão de visitantes.

De fato, a 25 de março é conhecida como o melhor lugar para encontrar uma infinidade de coisas que um indivíduo possa desejar. Além disso, com o passar dos anos, acabou por expandir-se e caracterizar toda uma região.

Portanto, vamos então conhecer um pouco das origens dessa rua e as lojas mais conhecidas.

Origem da rua 25 de março

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Veja SP

Uma região que já é conhecida como núcleo comercial desde o século XIX, não tinha seu nome como 25 de março. Portanto, ela era chamada de rua de Baixo. No entanto, no ano de 1865 é alterado seu nome para o atual conhecido. Assim é uma homenagem à data em que a primeira Constituição Brasileira foi escrita, em 1824.

Primeiramente, a 25 de março ficava em um região portuária entre os rios Tamanduateí e Anhangabaú, sendo esses dois as opções de transporte. Devido a essa localização a rua sofria muito na época de chuvas, pois vivia alagada.

Continua após a publicidade

Dessa forma, para evitar grandes prejuízos os comerciantes se adaptaram e sempre procuravam produzir e revender produtos mais baratos. Com toda a certeza, o preço é o grande sucesso da 25 de março.

Diferencial da 25 de março

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Metro Jornal

A fama da 25 de março não é apenas por ser o maior centro comercial do Brasil, mas sim por conta de vários outros aspectos. Primeiramente, um dos que mais atraem as pessoas: a grande variedade de produtos. Desde maquiagens a brinquedos, cada loja agrega um valor diferente à região. A origem desse aspecto não é especificada, mas o que pode traduzir isso é o fato dos comerciantes serem de vários lugares do Brasil e do mundo.

Outro aspecto muito importante é o fato da venda de produtos falsificados ou imitação. De fato, muitas vezes, a pessoa não tem condições de comprar um original e vai atrás exatamente na 25 de março.  Apesar de existirem conflitos, como por exemplo, as leis que determinam pirataria e violação de direitos autorais. Assim esse aspecto da 25 de Março faz com que a vistoria acerca dessas regulamentações seja menos recorrente e os próprios comerciantes já têm estratégias para driblar. Esse fato, no entanto, não diminui a fiscalização e apreensão de mercadorias. Então, apenas na prática, ambulantes são proibidos.

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Economia Uol

Outra característica muito importante, e já citada aqui, é o preço mais baixo que do mercado. Muitos aspectos ajudam para que os preços sejam inferiores. Primeiramente, o varejo e atacado da região são bem fortes. Por outro lado, as técnicas de importação utilizadas também influenciam fortemente no valor dos produtos.

Como chegar à rua 25 de março?

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Melhores Destinos

Primeiramente, existem diversas formas para chegar à 25 de março. A melhor maneira é de metrô, descendo na estação São Bento da Linha Azul – Norte/Sul, saída Ladeira Porto Geral. Já se optar por ônibus, precisa ser algum em direção ao Terminal Dom Pedro II e Praça da Sé.

Carro, com toda a certeza, não é a melhor opção. De fato, é difícil encontrar um local para estacionar e quando encontra são caríssimos. Dependendo da sua localização, optar por aplicativos de mobilidade urbana pode ser uma excelente pedida.

Continua após a publicidade
25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Donna

Horários de funcionamento da 25 de março

A princípio, o horário de segunda a sexta é das 8 às 18h. Além disso, nos sábados abre das 8 às 13h30, no entanto, algumas abrem às 7h. No entanto, em feriados e em datas especiais, apenas algumas lojas abrem.

Principais lojas da 25 de março

Confira a seguir as principais lojas da 25 de março em suas respectivas áreas de venda:

Bijuteria

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Dicas da Lu Amara

Crystal: End.: Rua 25 de março, 637.

Iris: Endereço: Ladeira Porto Geral, 42.

Criativa: Endereço: Rua 25 de março, 679.

Lumme: End.: Ladeira Porto Geral, 78.

Continua após a publicidade

Aviamento

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras

Pinterest

Maluli Armarinhos: End.: Rua 25 de março 717 e Rua Carlos de Sousa Nazaré, 276.

Armarinhos Ambar: Endereço: Rua 25 de março, 786.

Vaz Martins: End.: Rua Jorge Azem, 54.

Maquiagem

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Dicas da Lu Amara

A princípio, os itens mais procurados na região. Portanto, vale levar em consideração a lista com essas lojas, que possuem uma grande variedade de itens.

Igor & Hugo: End.: Rua Carlos de Sousa Nazaré, 320.

Continua após a publicidade

Vip Make Up: Endereço: Rua Carlos de Sousa Nazaré, 317.

Roupas Íntimas

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Ju Romano

Depósitos de Meias São Jorge: End.: Rua 25 de março 485 e 680.

Depósitos de Meias Ansarah: Endereço: Rua 25 de março, 543.

Brinquedos

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Veja SP

Armarinhos Fernando: End.: Rua 25 de março 864 e 662.

MP Brinquedos: Endereço: Rua Barão de Duprat, 21.

Semaan: End.: Rua Barão de Duprat 258.

Continua após a publicidade

Fantasias

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Metro Jornal

Festas e Fantasias: Endereço: Ladeira Porto Geral, 35 e 106.

Porto das Festas: Endereço: Ladeira Porto Geral, 88.

Decoração

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
O Nosso Apê

Niazi Chohfi: Endereços: Rua 25 de março 607 e 702; Rua Cavalheiro Basílio Jafet 80; e Rua da Cantareira 173.

MCamicado: Para casa: Rua Cavalheiro Basílio Jafet 60 e Rua Barão de Duprat 145; e para festas: Rua Cavalheiro Basílio Jafet 55 e Rua Barão de Duprat 145 e 240.

Doural: Uma das mais antigas, portanto, uma das mais importantes da região. Endereço: Rua 25 de março, 595.

Rei da Cutelaria: End.: Rua Carlos de Sousa Nazaré, 230.

Continua após a publicidade

Katmandu: End.: Rua 25 de março, 509

Artigos para festa

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Pinterest

Matsumoto:  Endereço: Rua Barão de Duprat, 39.

Real Festas: End.: Rua Barão de Duprat, 158 e Rua Cavalheiro Basílio Jafet, 100.

Festa Já: End.: Rua Barão de Duprat, 115.

Rizzo: End.: Rua Barão de Duprat, 111. Também na esquina da Barão de Duprat e Rua Cavalheiro Basílio Jafet.

Duprat Shop e Galeria K: End.: Rua Barão de Duprat, 171 e 163.

Continua após a publicidade

Flores Artificiais

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Pashmina Brasil

Brasfama: End.: Rua 25 de março, 564.

Lily Decorações e Flores: End.: Rua 25 de março, 594.

Tuti Flores: Endereço: Rua da Cantareira, 36.

Florida: End.: Rua da Cantareira, 28.

MDF

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Blog Casa da Arte

Seja para sua casa, seja para festas infantis. Em suma, lá você encontra uma grande variedade de itens de MDF para decoração.

Regina: End.: Rua Jorge Azem, 27.

Continua após a publicidade

Rei do MDF: Endereço: Rua Barão de Duprat, 47.

Comida na 25 de março

25 de março - A história dessa rua que virou centro de compras
Veja SP

No entanto, se você quer comer, a variedade é grande. Desse modo, encontra-se desde comida típica brasileira até comida árabe.

Graviola: End.: Rua da Cantareira, 215.

Quitandinha: Endereço: Rua Jorge Azem, 47.

Comida de Rua: Além disso, na rua mesmo você encontra diversos tipos de comida. Pipoca, churros, entre outros. Ou seja, pode ser uma boa opção para recuperar as energias depois de uma longa caminhada.

Café Suplicy: Endereço: Rua Comendador Abdo Schahin, 34.

Continua após a publicidade

Mercado Municipal: A princípio, temos o famoso pão com mortadela do Mercado Municipal. Ou seja, vale conferir. End.: Rua da Cantareira.

Além disso, tem na região um Mc Donald’s e um Burguer King. Portanto, para os que preferem fast food, pode ser uma opção.

Ainda mais, temos as opções árabes:

Ponto Árabe: End.: Rua da Cantareira, 239.

Raful: Endereço: Rua Comendador Abdo Schahin, 118.

Monte Líbano: Endereço: Cavalheiro Basílio Jafet, 38 – 1 andar.

Continua após a publicidade

Empório Sírio: Endereço: Rua Comendador Abdo Schahin, 150.

E aí, gostou da matéria? Veja a matéria a seguir: Selic, o que é? Cálculo, influências em sua vida e nos investimentos.

Fontes: Jornalismo Júnior; Melhores Destinos.

Imagem de Destaque: Hotel Castelar.

Próxima página »

Escolhidas para você