Saúde

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Os antibióticos naturais dessa lista têm sido usados há séculos ​​para tratar infecções e doenças potencialmente fatais; confira!

Você já se perguntou como as pessoas nos tempos antigos tratavam as infecções bacterianas? Se você respondeu com plantas medicinais e remédios caseiros está totalmente correto. Em suma, os antibióticos naturais foram usados ​​muito antes da descoberta do primeiro antibiótico artificial (a penicilina) em 1928.

Os antibióticos são amplamente usados ​​para matar bactérias e inibir seu crescimento. Além disso, esses compostos naturais são os melhores, pois têm efeitos colaterais mínimos ou até mesmo nenhum. Eles também ajudam no combate a bactérias que se tornaram resistentes a certos medicamentos da indústria farmacêutica.

Aliás, na lista desses remédios caseiros você encontra frutas, vegetais, óleos essenciais e ervas que são conhecidos por suas propriedades antibacterianas e por outros benefícios à saúde. Veja abaixo uma seleção completa de antibióticos naturais!

25 antibióticos naturais que você tem na cozinha de casa

1. Alecrim

Continua após a publicidade

Em primeiro lugar temos o alecrim que é uma erva perene perfumada com folhas espinhosas e flores de cores diversas. Com efeito, seus compostos fenólicos como o ácido carnósico e o ácido rosmarínico possuem propriedade antibacteriana. Eles agem contra todas as cepas de bactérias gram-negativas, especialmente Escherichia coli responsável por diarreia e febre em humanos.

2. Alho

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

O alho é um antibiótico potente para agentes patogênicos alimentares. Os alimentos que ingerimos contêm patógenos que podem prejudicar a saúde do consumidor.

Assim, este poderoso antibiótico natural pode ajudar a diminuir as possibilidades de intoxicação alimentar devido à sua propriedade antibacteriana contra muitos tipos de bactérias, especialmente Staphylococcus aureus que pode causar desde uma infecção simples, como espinhas e furúnculos, até as mais graves, como pneumonia e meningite.

Continua após a publicidade

3. Canela

A canela é amplamente utilizada na preparação de sopas, licores, bebidas e bolos. Ademais, cada parte da planta é usada para preparar óleo essencial, útil no tratamento de várias doenças. O composto ativo, como cinamaldeído e eugenol na canela, tem propriedade antimicrobiana contra bactérias que causam pneumonia, infecção do trato urinário, febre e infecção de pele.

Entretanto, o óleo de canela deve ser ingerido em quantidade segura, considerando sua toxidade como o principal problema. Portanto, antes de tomar é melhor consultar um especialista médico sobre seu uso.

4. Capim-limão

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Continua após a publicidade

Esta erva nativa do Sri Lanka e do sul da Índia ganhou popularidade em todo o mundo devido à sua incrível propriedade antimicrobiana. Desse modo, um estudo menciona o efeito do óleo de capim-limão contra sete espécies de bactérias gram-negativas. Além disso, o óleo extraído do capim-limão é utilizado por seu aroma, propriedade bactericida, sabor e propriedades medicinais.

5. Cebola

A cebola é uma erva comum e amplamente utilizada em todas as cozinhas, todavia ela é muito mais que um simples ingrediente culinário. Aliás, um estudo baseado na saúde bucal, o extrato de cebola mostrou efeito antibiótico contra Streptococcus sobrinus e Streptococcus mutans, as principais bactérias causadoras de gengivite e periodontite.

6. Chá Verde

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Continua após a publicidade

O chá verde contém flavonóis que é um composto ativo promotor da saúde com grande efeito antibacteriano. Em um estudo realizado entre chás verde, preto e de ervas, o chá verde mostrou eficácia contra três tipos de bactérias gram-positivas chamadas M. luteus, Staphylococcus e B. cereus junto com S. aureus, enquanto os outros dois não foram capazes de inibir outras bactérias.

7. Cravo-da-índia

O cravo é outro entre os antibióticos naturais e amplamente utilizado no tempero de muitos pratos. Ademais, ele é eficaz contra várias bactérias gram-positivas e gram-negativas devido à presença de eugenol, lipídios e ácido oleico. Também é possível fazer uso de seu óleo essencial.

8. Cúrcuma

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Continua após a publicidade

A curcumina na cúrcuma é um composto bioativo que exibe propriedades antimicrobianas. Dessa forma, em um estudo, a curcumina demonstrou qualidade antibacteriana contra várias bactérias gram-positivas e gram-negativas. Portanto, isso prova a natureza antibiótica do composto.

9. Equinácea

A Equinácea é uma das poucas ervas onde quase tudo dela (folhas, flores e raízes) podem ser usadas medicinalmente.

Com efeito, esse antibiótico natural é ótimo para tratar infecções como resfriado e gripe e outras infecções respiratórias superiores. Além disso, o chá dessa erva serve para prevenir a infecção, bem como curá-la.

Continua após a publicidade

A erva também atua contra a ansiedade, fadiga crônica, bem como artrite reumatoide, enxaquecas e muito, muito mais. Infelizmente, muito poucos produtos de equinácea no mercado realmente contêm a erva e a maioria está contaminada com arsênio e chumbo, por isso é importante comprar a erva apenas de uma fonte confiável ou cultivá-la em casa.

10. Eucalipto

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Não é nenhuma surpresa que o eucalipto seja um sabor favorito para pastilhas para a garganta e produtos para gripes e resfriados. Na verdade, a erva tem efeitos imunoestimulantes, antiinflamatórios, antioxidantes, analgésicos e espasmolíticos. Assim é possível tomá-lo por via oral ou inalado para tratar bronquite, asma e doença pulmonar obstrutiva crônica.

11. Extrato de folhas de azeite

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Continua após a publicidade

Muita gente conhece os benefícios do azeite, mas poucos sabem das propriedades potentes de suas folhas. Atuando como um antioxidante e moderador do colesterol LDL (lipoproteína de baixa densidade ou colesterol “ruim”), o extrato de folha de oliveira ajuda a metabolizar o açúcar no sangue. Ademais, os compostos fenólicos nas folhas também inibem e matam bactérias e vírus nocivos

12. Gengibre

Um estudo mostra que os gingeróis, um composto fitoquímico fenólico do gengibre fresco, têm potência antibacteriana contra todos os tipos de bactérias orais, como Porphyromonas gingivalis (causa gengivite), Porphyromonas endodontalis (causa doença na gengiva) e Prevotella intermedia (causa periodontite).

13. Manjericão

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Continua após a publicidade

Em um estudo realizado com nove óleos essenciais, o óleo de manjericão mostrou a propriedade antimicrobiana mais forte contra diferentes bactérias, incluindo S. Enteritidis, uma bactéria que afeta severamente os seres humanos por causar problemas gastrointestinais.

14. Mel de Manuka

Este mel de origem na Nova Zelândia não funciona como o mel comum. Contudo, em vez de criar peróxido de hidrogênio para matar bactérias, ele funciona graças ao baixo nível de pH do mel e seu alto teor de açúcar.

O mel de Manuka funciona tão bem que muita gente usa para tratar queimaduras e feridas. Também serve para matar Staphylococcus aureus (S. aureus) e Helicobacter pylori (H. pylori), as bactérias que causam úlceras estomacais. Ademais, ele ainda combate alguns tipos de bactérias resistentes a antibióticos.

Continua após a publicidade

15. Mirtilos

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Os mirtilos são ricos em fenóis, flavonóides e polifenóis. Em suma, o composto possui propriedade antimicrobiana contra bactérias como E.coli, L. monocytogenes e Salmonella. Além disso, ajuda a manter a saúde das bactérias boas (lactobacilos) encontradas em nosso sistema digestivo.

16. Mirra

Também conhecida como mirra-arábica, a mirra é uma planta aromática usada há mil anos por seu incenso e propriedade medicinal. Desse modo, o óleo extraído desta planta tradicional tem o potencial de um antibiótico para matar células persistentes ou bactérias que não crescem (altamente resistentes a antibióticos) e não causar o desenvolvimento de resistência.

Continua após a publicidade

17. Óleo de coco

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Um estudo mostra que, em comparação com a clorexidina (um anti-séptico e desinfetante), o óleo de coco é tão eficaz quanto o anterior na redução de bactérias Streptococcus mutans (bactérias dos dentes) por causa de sua propriedade antimicrobiana. Além disso, outro estudo afirma que o óleo de coco virgem inibe o crescimento de Clostridium difficile, uma bactéria resistente a antibióticos responsável pela diarreia.

18. Óleo de melaleuca

O óleo essencial de melaleuca tem sido usado para tratar várias doenças por quase 100 anos. O óleo vem em muitas formulações tópicas para tratar infecções da pele e das membranas mucosas. Aliás, o composto de terpeno neste óleo é responsável por sua atividade antibacteriana.

Continua após a publicidade

19. Óleo de lavanda

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Um estudo destaca a propriedade antibacteriana da lavanda. Em suma, ele diz que o óleo essencial de lavanda tem uma atividade inibitória de crescimento muito boa contra as cepas de E. coli (bactérias Gram-negativas) e S. aureus (bactérias Gram-positivas).

20. Óleo de orégano

O óleo essencial do orégano é famoso por sua atividade antimicrobiana. Em um estudo, o óleo foi eficaz contra Escherichia coli (causa diarreia) e Pseudomonas aeruginosa (causa pneumonia e infecção urinária). Portanto, o estudo mostra que o óleo de orégano pode ser uma alternativa para antibióticos contra infecções bacterianas e cepas resistentes a antibióticos.

Continua após a publicidade

21. Pimenta malagueta

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

A pimenta malagueta contém um composto ativo chamado capsaicina, que possui uma grande atividade antibiótica. É usada desde a antiguidade para tratar doenças múltiplas. Com isso, um estudo mostra a atividade antibacteriana deste composto vital contra Streptococcus pyogenes, que é um importante patógeno humano.

22. Rábano

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

O rábano, um primo da mostarda, é usado para limpar os seios da face, aumentar a circulação facial e expelir o muco das vias respiratórias superiores. Ademais, ele atua contra resfriados, gripe e congestão pulmonar. Melhor ainda, pode ser usado topicamente para tratar feridas infectadas, embora possa causar irritação na pele.

Continua após a publicidade

23. Sementes de carambola

As sementes de carambola são uma erva bem conhecida na Índia por causa de seus agentes corretivos que ajudam a tratar doenças como flatulência, tumores abdominais, hemorroidas, asma e muito mais. Um estudo afirma que o carvacrol e o timol delas têm uma propriedade antibiótica que não apenas mata bactérias normais, mas também multirresistentes.

24. Vitamina C

25 antibióticos naturais que você nem imagina que tem em casa

Indiscutivelmente o nutriente mais eficaz contra patógenos humanos, a vitamina C apoia o sistema imunológico em geral. Talvez mais importante do que sua atividade antibiótica direta seja a estimulação da resposta natural de anticorpos pela vitamina C. Com efeito, os alimentos ricos em vitamina C incluem:

Continua após a publicidade
  • Pimentões
  • Bagas
  • Brócolis
  • Frutas cítricas (limão, laranja, tangerina)
  • Vegetais de folhas verdes escuras
  • Kiwi
  • Mamão
  • Ervilhas
  • Tomate

25. Vinagre de maçã

Por fim, na lista de antibióticos naturais temos o vinagre de maçã. Feito de maçãs fermentadas, este vinagre é um antibiótico natural potente que pode matar as bactérias do tipo Staphylococcus aureus e Pseudomonas aeruginosa, bem como certos fungos e leveduras.

O melhor de tudo é que não danifica o tecido mucoso, sendo um ótimo remédio caseiro para dor de garganta causada por patógenos. Ademais, ele também é um poderoso agente desintoxicante que você pode tomar em pequenas doses todos os dias.

Então, agora que você sabe quais são os principais antibióticos naturais, leia também: Benefícios do mel – Efeitos positivos do consumo para o corpo humano

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você