Curiosidades

Cachorro tremendo: 13 problemas que podem causar tremores

Um animal de estimação precisa de muitos cuidados, principalmente relacionados à saúde. Ao encontrar o cachorro tremendo, precisa identificar a causa.

Na maioria das vezes nós temos dificuldades para identificar possíveis problemas de saúde no animal de estimação. Pois, eles não são capazes de expressar o que estão sentindo. Como o cachorro tremendo, por exemplo. Já que muitos fatores podem causar os tremores.

Ademais, as causas mais comuns dos tremores podem ser frio, excitação ou estresse. Além disso, a tremedeira também pode indicar problemas físicos ou emocionais. No entanto, pode significar algo sério, como um problema no sistema nervoso. Ou até mesmo envenenamento.

Todavia, ao notar o cachorro tremendo, também pode indicar alguma dor aguda. Nesse caso, observe suas reações enquanto você vai apalpando as regiões que estão tremendo. Da mesma forma, vocalização, agitação, falta de apetite e respiração ofegante, também são sinais de dor.

Por isso, é muito importante prestar a atenção no comportamento do seu cachorro. E saber como identificar as principais causas para poder ajudar seu pet. Dessa forma, se além dos tremores ele apresentar sangramentos, vômitos, diarréia, dificuldade de locomoção ou desmaios. Podem indicar alguma doença, portanto, um profissional deve ser procurado o quanto antes.

Cachorro tremendo: causas físicas

1- Frio

Ao encontrar o cachorro tremendo, uma das causas possíveis pode ser o frio. Pois, assim como os seres humanos, os cachorros também são sensíveis às temperaturas. Dessa forma, a tremedeira é uma forma do corpo de tentar controlar a temperatura.

Então, para saber se seu animal de estimação está com frio, é preciso observar suas ações. Por exemplo, se ele se isolar em um cantinho da casa e apresentar os tremores. Provavelmente, ele está com frio.

Portanto, procure aquecer o seu animal, com roupinhas e uma cama confortável com cobertores. Além disso, evite colocar a caminha em locais com corrente de ar e, durante o inverno, opte por levá-lo para passear em horários mais quentes.

Enfim, se mesmo com esses cuidados, o cachorro continuar tremendo, é importante que você o leve até um veterinário.

2- Febre

Uma das causas mais comuns que deixam o cachorro tremendo é a febre. Dessa forma, para saber se seu animal de estimação está com febre, observe se ele apresenta os seguintes sintomas:

  • Apatia
  • Falta de apetite
  • Sonolência
  • Tremores
  • Vômitos
  • Ingestão excessiva de água
  • Diarreia

Enfim, caso o cão apresente esses sintomas, é preciso levá-lo ao veterinário para que ele verifique a temperatura e identifique a causa da febre. Pois, nem sempre é possível identificar através do focinho seco e das orelhas quentes, como alguns tutores costumam fazer.

3- Dor

A dor pode ser causada por inúmeros fatores. Por exemplo, uma pequena lesão, fortes traumas, fraturas ou outros problemas ortopédicos. Consequentemente, a dor resulta em incômodo e no cachorro tremendo. Enfim, para esse caso, um veterinário deve ser procurado.

4- Cachorro tremendo: Medicamentos

Alguns medicamentos podem ter como efeito colateral a tremedeira. Portanto, se o cachorro está tremendo, é aconselhável analisar o contexto e seu histórico de saúde. Para ter um direcionamento mais assertivo quanto ao motivo da tremedeira.

5- Problemas musculares

Alguns problemas musculares podem deixar o cachorro tremendo além do normal. Por isso, caso você perceba que o animal está com tremores, mesmo estando em repouso. É sinal de que algo não está bem, portanto, é preciso procurar um veterinário.

Afinal, diversas doenças e complicações ortopédicas exigem uma atenção maior, além de tratamentos adequados. Ou seja, em muitos casos pode haver a necessidade de alguma cirurgia. Assim como, fisioterapia para auxiliar no recondicionamento muscular do pet.

6- Intoxicação

Cachorro tremendo também pode ser sinal de que o pet comeu algo tóxico. Lembrando que, mesmo dentro de casa, há algumas substâncias que são nocivas aos cães. Por exemplo, produtos de limpeza ou chocolates. Dessa forma, além de tremer, o cachorro pode ter outros sintomas como vômitos, apatia ou perda de consciência. Enfim, nesse caso, é importante buscar o auxílio do veterinário o mais rápido possível.

7- Má alimentação

Uma má alimentação também pode deixar o cachorro temendo. Sendo que, a hipoglicemia, nível baixo de açúcar no sangue, é o mais comum. Enfim, para resolver esse problema, um pote de ração caprichado deve ser o suficiente. No entanto, se os tremores continuarem, procure um veterinário.

8- Problemas neurológicos

Alguns problemas neurológicos podem deixar o cachorro tremendo. Ademais, as causas podem ser momentâneas ou sistêmicas. Por exemplo, a Síndrome do Tremor Idiopático. Em suma, trata-se de uma doença sistêmica que podem atingir cães de todas as raças e tamanhos. Além disso, provoca sintomas como tremores na cabeça, nos membros ou em todo o corpo.

Apesar de ainda não saber a causa da doença, ela deve ser acompanhada pelo veterinário. Ademais, outros problemas neurológicos também podem causar tremores. Como a epilepsia canina e a Síndrome de Shaker, conhecida como a síndrome do cão tremedor. Enfim, o mais indicado é procurar um neurologista veterinário, para que um tratamento adequado seja feito.

9- Cinomose

Uma das doenças infecciosas mais graves que podem afetar os cães é a cinomose canina. Geralmente, se desenvolve em filhotes ou animais com sistema imunológico frágil. Dessa forma, a doença pode ser uma razão do cachorro tremendo.

Em suma, a cinomose canina é uma doença infectocontagiosa causada pelo vírus Morbilivírus, da família Paramyxovirus. Por ser altamente contagiosa, é importante manter as vacinas em dia. Enfim, para saber se é cinomose a causa dos tremores no cão, fique atento aos sintomas.

Inicialmente, um sintoma comum é a diarréia, pois o vírus age primeiro no sistema digestório. Posteriormente, o cão apresenta secreções amareladas na região dos olhos e nariz. Além disso, o animal de estimação pode apresentar:

  • Perda de apetite
  • Apatia
  • Vômito
  • Febre
  • Pus
  • Convulsões
  • Paralisias
  • Falta de coordenação e, consequentemente, os tremores.

Enfim, é uma doença degenerativa, portanto, o veterinário deve ser procurado assim que os primeiros sintomas surgirem.

10- Artrite

Ocorre principalmente em cães com idade mais avançadas. Sendo que, um dos principais sintomas é a perda de massa muscular. Consequentemente, fazendo com que o cachorro fique tremendo. Enfim, para esse caso o mais indicado é uma consulta com um ortopedista veterinário. Que vai indicar o tratamento mais adequado.

Cachorro tremendo: causas emocionais ou psicológicas

11- Medo

Cachorro tremendo nem sempre é sinal de alguma doença. Pois, pode estar relacionado a uma condição psicológica. Como o medo, por exemplo. Em suma, é normal que muitos pets sofram com estímulos externos. Como barulho de trovões, som de carro, alarmes, televisão, fogos de artifício, separação do dono, entre outros.

Enfim, para essas situações o ideal é manter a calma e transmitir essa calma para o seu animal de estimação. Pois, se estressar com ele só vai piorar a situação. Ademais, uma solução seria a microfisioterapia.

12- Ansiedade

Um cachorro ansioso pode desenvolver quadros de tremores. Principalmente, os cães mais agitados que possuem muita energia e não consegue queimar durante o dia. Portanto, procure estimular brincadeiras e atividades que possam ajudar na queima de energia acumulada.

Além disso, alguns pets também podem ficar ansiosos quando se separam de seus tutores. Por isso, é normal que o cachorro fique tremendo quando reencontra com seu tutor. Pois, situações que os deixem alegres também podem causar a tremedeira.

13- Estresse

Se um cão estiver estressado ele pode apresentar quadros de tremores. Isso acontece devido ao desequilíbrio causado pelo estresse. Ademais, inúmeros motivos podem causar estresse no animal de estimação. Por exemplo, a mudança de sua rotina, como a presença de um animal novo na casa.

O que fazer se seu cachorro estiver tremendo?

Como vimos ao longo da matéria, cachorro tremendo pode ter inúmeras causas. Que vão desde frio ou medo, até quadros mais graves envolvendo doenças. Portanto, é importante analisar a situação, levando em consideração o histórico de saúde do animal de estimação.

Ademais, faça todas as verificações possíveis sobre a causa da tremedeira. Se a causa é o medo, frio, febre, ansiedade, alimentação, etc.

Enfim, geralmente os tremores não são naturais. Portanto, se você não conseguiu descobrir a causa, busque orientação de um veterinário. Pois, apenas o profissional pode realizar um diagnóstico preciso e indicar o melhor tratamento para seu pet.

Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: Banho em gato, realmente precisa? Quando é necessário e como fazer.

Fontes: Petz; Vetquality; Fisiocare Pet; Max Total Alimentos;

Próxima página »

Escolhidas para você