Saúde

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse

Saber como fazer xarope caseiro é uma ótima forma de tratar tosses secas e com muco sem precisar recorrer a medicamentos industrializados.

Por P.H Mota

Saber como fazer xarope caseiro é uma ótima alternativa para tratar alguns casos de tosses recorrentes. Isso porque eles são naturais, não industrializados e não possuem aditivos químicos que podem ser nocivos à saúde.

Além disso, fabricar o próprio remédio ainda pode adicionar o efeito placebo no processo de cura. Uma vez que a intenção de cura começa já na produção do xarope, o estado mental pode acrescentar efeitos benéficos no tratamento das condições de saúde.

No entanto, o uso do xarope caseiro deve ser feito de forma consciente. Quando não se sabe a origem da tosse, ou ela vem acompanhada de outros sintomas, é importante consultar um médico para um diagnóstico e uma recomendação apropriada de tratamento para o problema.

Como fazer xarope caseiro

Xarope de cenoura e mel

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

Essa receita de xarope é eficiente para tosses secas e alérgicas, por conta de suas propriedades antitússicas. O preparo leva uma xícara de mel e duas cenouras médias descascadas. As cenouras devem ser levadas ao liquidificador para depois serem misturadas ao mel. Logo após a mistura, coloque tudo no fogo baixo até engrossar. Com a textura alcançada, é só deixar a mistura descansar e tomar uma colher de três a quatro vezes por dia.

Xarope de orégano e mel

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

A combinação do mel com o orégano também é eficaz no tratamento de tosses. A preparação, entretanto, é ainda mais simples. Basta misturar os ingredientes num recipiente de vidro e aquecer no micro-ondas até ficar morno. Esse xarope caseiro pode ser consumido de duas a três vezes por dia.

Xarope de ervas

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

Ervas como tomilho, raiz de alcaçz e sementes de anis são boas alternativas para aliviar o trato respiratório. Além disso, quando combinadas com mel ajudam a diminuir irritações na garganta, reduzindo a tosse. Para preparar, ferva uma colher de sopa de sementes de anis e uma colher de sopa de raiz de alcaçuz seca em 500 mL de água por cerca de 15 minutos. Em seguida, é só tirar do fogão e acrescentar o tomilho até deixar esfriar. Por fim, então, coar a mistura e adicionar o mel. Depois de pronto o xarope caseiro pode ficar na geladeira por até três meses.

Xarope de gengibre e guaco

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

O gengibre é um ingrediente muito utilizado no tratamento contra tosses, já que possui ação anti-inflamatória que alivia a garganta e os pulmões. A preparação do xarope começa com a adição de uma colher de sopa de gengibre fresco e moído a 250 mL de água fervente. Depois que a mistura descansar por 15 minutos, é só coar e acrescentar uma colher de sopa de mel, uma colher de sopa de limão espremido e duas folhas de guaco. Misture tudo até alcançar uma consistência viscosa e o xarope está pronto para o consumo.

Xarope de equinácea

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

Outra planta muito comum no tratamento de tosses e outros sintomas de gripe é a equinácea. Uma colher de sopa de raiz ou folhas da planta é suficiente para preparar o xarope caseiro. Basta adicionar  planta a 250 mL de água e colocar no fogo até ferver. Em seguida, deixe a mistura descansar por 30 minutos, coe e acrescente o mel. O xarope pode ser consumido duas vezes ao dia.

Xarope de agrião com mel

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

O agrião possui propriedades expectorantes e descongestionantes naturais, ou seja, ajuda a aliviar tosses que acumulam muco nas vias respiratórias. Antes do preparo, separe um maço de agrião fresco e leve ao liquidificador. Na sequência, acrescente uma colher de sopa de mel e o suco de um limão, colocando tudo no fogo brando. Aí é só esperar a mistura engrossar até adquirir a textura de xarope e tomar uma colher de três a quatro vezes por dia.

Xarope de erva-doce

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

Assim como o agrião, a erva-doce também é eficaz no combate a tosses com catarro. Além disso, o ingrediente pode ser misturado a outras ervas que também favorecem o alívio de tosses e resfriados. Nesse caso, utiliza-se uma colher de sopa de semente de erva-doce e uma colher de sopa de raiz de alcaçuz seca misturadas a 500 mL de água fervente. Em seguida, adicione uma colher de sopa de tomilho seco até esfriar e coe. Antes de tomar, então, é só acrescentar 250 mL até a mistura ficar viscosa e homogênea.

Xarope de cebola e alho

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

Ingredientes como cebola e alho também produzem bons xaropes caseiros que atuam contra diferente tipos de tosse. Para o preparo, basta picar o alho e cortar a cebola em rodelas, levando tudo a um recipiente de vidro. Em seguida, é só acrescentar mel e deixar o pote fechado por duas horas. Por conta da presença de água da cebola, não é preciso acrescentar mais nenhum líquido. Guarde o xarope na geladeira para que ele fique conservado por até dois dias, mas lembre-se de aquecer antes do consumo. Entretanto, não utilize o micro-ondas, já que as ondas do aparelho podem reduzir os benefícios da mistura.

Xarope de abacaxi

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

O xarope de abacaxi é eficaz não só no combate a tosses, mas também na prevenção deles. Basta utilizar um abacaxi médio cortado em pedaços pequenos. Para o preparo, leve os pedaços cortados a uma panela, desde que ela não seja de metal. Aguarde a fervura, em fogo médio e sem o acréscimo de água, já que a fruta possui muita água. Assim que o conteúdo esfriar, é só peneirar e adicionar uma colher e meia de gengibre raspado e uma xícara de mel.

Contraindicações de xarope caseiro

Como fazer xarope caseiro: receitas para tratar tosse
Unsplash

Uma vez que os xaropes são preparados à base de mel, não são indicados para crianças recém-nascidas, com menos de um ano de idade. Isso porque o ingrediente pode favorecer o desenvolvimento de botulismo e deve ser evitado.

Além disso, o consumo também não é recomendado para pacientes que sofrem com diabetes.

Fontes: Tua Saúde, Tua Saúde, Conquiste Sua Vida, Globo

Imagens: Unsplash

Próxima página »

Escolhidas para você