Corpus Christi: origem da data, significado e comemorações

Na quinta-feira, 15 de junho, será comemorado o Corpus Christi. Mas você sabe a origem, significado e comemorações da data? Conheça!

corpus christi

Um dos eventos mais importantes do calendário cristão é o Corpus Christi, que significa “Corpo de Cristo” em latim. Nesse dia, os fiéis celebram a presença real de Jesus na Eucaristia, o sacramento que ele instituiu na Última Ceia. A data é uma homenagem à Quinta-feira Santa, quando ocorreu esse evento.

Corpus Christi é uma festa móvel, ou seja, não tem um dia fixo no ano. Ela sempre acontece 60 dias depois da Páscoa, na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade. Em 2023, por exemplo, ela será no dia 15 de junho. No Brasil, essa data não é um feriado nacional, mas um ponto facultativo. Isso significa que cada estado ou município pode decidir se adota ou não a folga.

Durante a celebração de Corpus Christi, as pessoas confeccionam tapetes coloridos utilizando diversos materiais, como flores, serragem e papel picado, para enfeitar as ruas por onde a procissão com o Santíssimo Sacramento passa. O sacerdote conduz o Santíssimo Sacramento sob um pálio, um tecido que o cobre. Essa tradição simboliza o respeito e a reverência dos fiéis ao corpo de Cristo.

Qual é a origem da celebração de Corpus Christi?

A origem da celebração de Corpus Christi remonta ao ano de 1264, quando o Papa Urbano IV estabeleceu a festa em toda a Igreja Católica. A decisão baseou-se em um milagre que ocorreu na cidade de Bolsena, na Itália, envolvendo um sacerdote chamado Pedro de Praga. Durante a celebração da missa, Pedro teria duvidado da presença real de Cristo na Eucaristia, e o pão consagrado começou a sangrar.

Continua após a publicidade

O Papa Urbano IV estabeleceu a festa de Corpus Christi para honrar a presença real de Cristo na Eucaristia e fortalecer a devoção dos fiéis, após receber a informação do milagre que foi considerado um sinal divino. Esse evento extraordinário fortaleceu a crença na transubstanciação, que é a transformação do pão e do vinho em corpo e sangue de Cristo durante a Eucaristia.

A celebração de Corpus Christi rapidamente se espalhou por toda a Europa e tornou-se uma festividade marcante do calendário litúrgico. Ao longo dos séculos, a data ganhou diferentes rituais e tradições em diversas culturas, mas manteve seu propósito central de venerar o Corpo de Cristo presente na Eucaristia.

Continua após a publicidade

Hoje, os fiéis católicos celebram a festa de Corpus Christi em todo o mundo, ocorrendo sempre na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade. É um momento de grande importância espiritual, em que os fiéis reafirmam sua fé na presença real de Cristo na Eucaristia e expressam sua devoção por meio de procissões, missas solenes e adornamento das ruas com tapetes coloridos.

Como é Corpus Christi no Brasil?

Corpus Christi é uma celebração religiosa que tem uma grande importância no Brasil. A comemoração chegou ao país com a chegada dos colonizadores portugueses, que trouxeram consigo a tradição católica. No entanto, é importante ressaltar que, embora seja uma data de relevância religiosa, Corpus Christi não é um feriado nacional no Brasil.

Continua após a publicidade

A celebração de Corpus Christi no Brasil é marcada por rituais e manifestações de fé. Uma das tradições mais conhecidas é a confecção de tapetes coloridos, chamados de “tapetes de Corpus Christi”. Esses tapetes são feitos nas ruas e consistem em desenhos elaborados com materiais como serragem, flores, papel colorido e areia.

Os tapetes são montados durante a madrugada, e as pessoas se unem para trabalhar em equipe, formando belas obras de arte. Ao amanhecer, as ruas ficam completamente decoradas e, em seguida, acontece a procissão. Durante a procissão, o sacerdote carrega a hóstia consagrada em uma custódia, enquanto os fiéis caminham em adoração e oração.

Apesar de Corpus Christi ser uma celebração marcante, o Brasil não a considera um feriado nacional. No entanto, algumas cidades decretam como ponto facultativo, permitindo que as pessoas participem das atividades religiosas e aproveitem o dia para celebrar a Eucaristia.

Por que Corpus Christi é sempre na quinta-feira?

A escolha da Igreja Católica de fixar a celebração de Corpus Christi sempre em uma quinta-feira está relacionada à data da Páscoa. Os cristãos comemoram a Páscoa, sua principal festa em memória da ressurreição de Jesus Cristo, no primeiro domingo após a primeira lua cheia que ocorre após o equinócio da primavera (no hemisfério norte) ou o equinócio do outono (no hemisfério sul). Essa determinação segue uma tradição antiga baseada em cálculos astronômicos.

Continua após a publicidade

Após estabelecer a data da Páscoa, a Igreja Católica instituiu que a celebração de Corpus Christi ocorreria 60 dias depois do domingo de Páscoa, ou seja, sempre em uma quinta-feira. Essa tradição foi estabelecida no século XIII, quando a festa de Corpus Christi foi instituída.

A escolha da quinta-feira para a celebração de Corpus Christi está relacionada a eventos importantes da última ceia de Jesus, que aconteceu na quinta-feira anterior à crucificação. Nessa ocasião, Jesus instituiu a Eucaristia, o sacramento celebrado durante a missa, no qual o pão e o vinho se tornam o seu corpo e o seu sangue.

O que significa a data de Corpus Christi?

Corpus Christi é uma data de grande significado religioso para a Igreja Católica. A expressão em latim, que significa “Corpo de Cristo”, representa a celebração da presença do corpo e do sangue de Jesus Cristo na Eucaristia. Neste texto, veremos o que essa data simboliza e as formas de se comemorá-la.

Corpus Christi é uma festa móvel que ocorre sempre em uma quinta-feira, 60 dias após o domingo de Páscoa. O calendário litúrgico da Igreja Católica determina essa data, seguindo a tradição estabelecida no século XIII. É um momento de profunda devoção e adoração à Eucaristia, um dos sacramentos da igreja.

Continua após a publicidade

A celebração de Corpus Christi tem como objetivo principal a veneração do corpo e do sangue de Cristo na hóstia consagrada. Durante a missa solene, o pão e o vinho se transformam no corpo e no sangue de Jesus Cristo, de acordo com a crença católica na transubstanciação. É um momento de comunhão e união espiritual com Cristo.

Além de celebrar a missa solene, os fiéis marcam a festa de Corpus Christi com procissões e rituais especiais. Eles caminham pelas ruas nas procissões, carregando a hóstia consagrada em uma custódia e expressando sua fé e devoção. Aqui está o texto em voz ativa: Os fiéis adornam as ruas com tapetes coloridos feitos de serragem, flores e outros materiais, representando símbolos religiosos.

Você gostou dessa matéria? Então você também vai gostar dessa: História de Jesus – Nascimento, jornada espiritual, morte e ressurreição

Fontes: Significados, Toda Matéria, Brasil Escola

Continua após a publicidade

 

Outras postagens

Um comentário em “Corpus Christi: origem da data, significado e comemorações