Mundo Animal

Diferença entre siri e caranguejo: qual é e como identificar?

A diferença entre siri e caranguejo reside principalmente nas características corporais, como formato do corpo e das terminações nas patas.

Em primeiro lugar, a diferença entre siri e caranguejo explica-se por meio de uma comparação simples. Basicamente, todo siri é um caranguejo, mas nem todo caranguejo é um siri. Em outras palavras, siri é o nome popular dado aos animais da família Portunidae, que contém caranguejos.

Porém, existem outras diferenças entre siri e caranguejo, principalmente nas pernas locomotoras. Ou seja, os siris tem pernas que terminam em uma nadadeira ampla e achatada própria para a natação. Em contrapartida, as famílias de caranguejo apresentam uma perna que termina em forma de unha, especialmente para andar no fundo do mar.

Além disso, existe uma diferença no tamanho geral. Comumente, o siri é menor, medindo até 20 centímetros. Por outro lado, os caranguejos tendem a ser maiores, com algumas espécies chegando a ultrapassar 3 metros de comprimento, como o caso do caranguejo-aranha-gigante.

Mais ainda, o siri tem, dos lados da carapaça, espinhos longos e afiados para defesa natural. Porém, o caranguejo tem um corpo mais arredondado nas laterais. Apesar disso, ambos vivem no fundo do mar e em áreas litorâneas do mundo, escondidos em frestas entre as rochas.

Continua após a publicidade

Ademais, podem viver em manguezais, enterrados em buracos na lama ou próximo às árvores. Mais ainda, ambos são carnívoros e alimentam-se de pequenos peixes e crustáceos, utilizando das garras para capturá-los e comer através da trituração. Por fim, estima-se que os caranguejos são espécies mais antigas, com relatos desses animais desde o período Jurássico, a mais de 180 milhões de anos.

Diferença entre siri e caranguejo: qual é e como identificar?
Fonte: Portal dos Animais

Curiosidades sobre os siris

Como citado anteriormente, a principal diferença refere-se ao corpo desses animais. Nesse sentido, o corpo do siri tende a ser mais achatado que o corpo do caranguejo, que é mais arredondado. Ademais, as aptas traseiras do siri são largas, como remos, e as patas do caranguejo são pontudas.

Apesar disso, ambos pertencem à mesma classe de decápodes, que como o nome sugere, apresentam dez patas. Entretanto, os siris utilizam apenas quatro pares para se locomover, porque os pares restantes formam pinças para defesa e alimentação. Além disso, o siri é um animal invertebrado, ou seja, que não possui ossos.

Curiosamente, encontra-se no litoral brasileiro mais de quatorze espécies de siri, com diferentes envergaduras e hábitos. Ademais, estima-se que as fezes do animal estão em sua cabeça, o que demanda uma limpeza maior antes do consumo. Por outro lado, tendem a andar de lado por terem patas articuladas na lateral do corpo, dificultando a locomoção para frente.

Continua após a publicidade

Por outro lado, os buracos vistos nas praias são feitos por eles para proteção dos filhotes. Geralmente, colocam dois milhões de ovos, mas somente uma parcela menor que a metade sobrevive. Mais ainda, o nascimento de siris envolvem uma fase larval e uma fase adulta, mais popular.

Sobretudo, os siris são espécies ariscas e que tendem a se sentir ameaçados com facilidade. Comumente, reagem atacando com a pinça nessas situações, criando machucados graves. Contudo, também utilizam das pinças para comunicação, por meio da agitação ou batida das mesmas. No geral, as espécies apresentam duas antenas pouco visíveis a distância, utilizadas para identificação do espaço.

Diferença entre siri e caranguejo: qual é e como identificar?
Fonte: Portal dos Animais

Curiosidades sobre os caranguejos

Antes de mais nada, estima-se que todos os anos consome-se mais de 1,5 milhões de toneladas de caranguejo no mundo. Nesse sentido, esses animais omnívoros consomem diversos tipos de alimentos, tornando-o uma rica fonte de proteína.

Curiosamente, as espécies apresentam olhos localizados sobre uma protuberância na parte frontal do corpo. Desse modo, podem ver o que está à sua volta ainda que o corpo esteja de baixo da água ou da areia. Portanto, os olhos são semelhantes aos dos caracóis.

Continua após a publicidade

No geral, existem mais de 4500 espécies de caranguejos, localizados em todos os oceanos do planeta. Além disso, esses animais podem habitar regiões de água doce e habitar exclusivamente a terra. Porém, estima-se que a maioria esteja nas zonas de menor profundidade dos oceanos, em especial nas regiões rochosas ou próximos de recifes de corais.

Nesse sentido, cabe citar que cientistas encontraram fósseis de caranguejo com mais de 200 milhões de anos, o que sustenta que essas espécies são uma das mais antigas do planeta. Por outro lado, o menor caranguejo do mundo é o caranguejo-ervilha, que mede entre 6,8 milímetros e 1,19 centímetros. Entretanto, o maior do mundo é o caranguejo-aranha-gigante, com 19 quilogramas e 3,8 metros.

Ademais, estima-se que os caranguejos tenham uma excelente capacidade de regeneração. Sendo assim, caso percam uma pata ou uma pinça podem crescer o órgão novamente em apenas um ano. Por fim, tem uma expectativa de vida média que varia entre as espécies, podendo chegar a até 100 anos de vida.

E aí, aprendeu a diferença entre siri e caranguejo? Então leia sobre Sangue doce, o que é? Qual a explicação da Ciência

Continua após a publicidade

Fontes: SuperInteressante | Bar do Meio Noronha | Recreio | Portal dos Animais | TudoGostoso | SOS Curiosidades

Imagens: Portal dos Animais

Próxima página »

Escolhidas para você