Ficar irritado engorda, segundo a Ciência

Todo mundo sabe que quando se tem facilidade para engordar, qualquer caloria a mais na alimentação pode ser fatal. E o processo todo de ganhar peso pode acontecer muito rápido, em uma semana até, como você já conferiu nessa outra matéria.

Mas, ao que tudo indica, não é só o que você come que pode estar impedindo você de alcançar seu peso ideal. Estudos científicos apontam que ficar irritado constantemente pode ser a grande razão para você não perder aqueles quilinhos a mais.

Por que ficar irritado engorda?

Existe até um livro que explica esse “fenômeno” mais detalhadamente, “El que se enoja engorda” (Quem se irrita, engorda). Escrita pelo nutricionista Juan Manuel Romero, a obra diz que, ao ficar irritado, nosso organismo libera uma quantidade extra de adrenalina e cortisol.

De forma resumida, essas substâncias causam inflamações, o que faz com que as células não consigam liberar energia. A consequência disso é que não conseguimos queimar as calorias como deveríamos no decorrer do dia, resultando em ganho de peso.

Mais fome, mais gordura

Mas, essa não é a única explicação para que a irritação cotidiana atrapalhe nossa boa forma. Segundo o Instituto de Medicina do Comportamento da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, se você ficar irritado, brigar e ter sensações ruins como essas, o organismo também acaba liberando mais insulina no sangue, o que estimula o desejo por alimentos (com destaque para os menos saudáveis) e o acúmulo de gordura, especialmente na região abdominal.

Tenso, não? Evitar brigas, discussões e outras confusões não ajuda apenas a deixar você menos estressado, mas auxilia também na sua busca pelo peso e o corpo ideais.

Agora, falando em estresse, você deveria conferir ainda: O que acontece em seu corpo quando você fica estressado?

Fonte: Incrível