Curiosidades

Michael Myers: conheça o maior vilão do Halloween

Michael Myers é um nome indissociável do Halloween. No entanto, qual a origem desse icônico personagem e o que ele representa?

O Halloween, ou Dia das Bruxas, surgiu como um festival pagão celebrado entre os celtas. Porém, na atualidade essa data comemorativa reúne pessoas ao redor do mundo e é marcada pela cultura pop. Aliás, esse grande evento conta até com seu próprio ícone, afinal, é impossível falar de Halloween sem lembrar de Michael Myers.

Sem dúvidas um dos maiores vilões de todos os tempos, Michael Myers é um dos mais notáveis antagonistas dos filmes de terror. No entanto, é comum muitas pessoas o reconhecerem mesmo sem assistir nenhum longa da franquia Halloween. Em contrapartida, também existem aqueles que não são familiarizados com o serial killer.

Portanto, pelo sim, pelo não, resolvemos contar aqui a história desse personagem, além de reunir algumas das curiosidades mais intrigantes sobre ele. Pois bem, já se preparou psicologicamente para imergir na vida de um dos maiores e mais aterrorizantes assassinos que a ficção já apresentou? Então, vamos lá!

Inspiraram Michael Myers em uma pessoa real

Nascido na imaginação de John Carpenter e depois concretizado no cinema, Michael Myers foi inspirado em um garoto que Carpenter conheceu em um hospital psiquiátrico. O criador do seral killer ficou tão impressionado com o olhar cheio de ira do jovem que o utilizou como principal fonte de inspiração para seu personagem.

Já sua icônica máscara vem de um personagem bem popular

Michael Myers: conheça o maior vilão do Halloween

Continua após a publicidade

Enquanto a produção desenvolvia a máscara que caracterizaria o vilão, eles receberam uma instrução específica de Carpenter: “eu quero características neutras de um homem”. Daí surgiu o grande desafio de converter isso em algo assustador. Contudo, a galera foi bem criativa na resolução desse problema.

Eles foram numa loja de 1,99 e compraram uma máscara do Capitão Kirk de Star Trek. Em seguida, pintaram o objeto com tinta spray branca e o resultado foi assustador. Todavia, vale lembrar que, antes disso, rejeitaram diversas versões alternativas de máscaras, como a do Spock, Emmett Kelly e até do presidente Richard Nixon.

Além disso, a máscara de Michael Myers tem um importante significado

Michael Myers: conheça o maior vilão do Halloween

Mais tarde revelaram que Carpenter pediu uma máscara “pálida, vazia e sem emoções” por um motivo específico. Segundo o cineasta, o intuito era passar a mensagem de que o serial killer do Halloween poderia ser qualquer pessoa e ao mesmo tempo ninguém. Essa impessoalidade faz parte do medo causado pelo vilão.

A origem do nome do personagem

Aliás, o inconfundível nome do vilão vem de uma pessoa real, conhecida de Carpenter. Curiosamente, “Michael Myers” é o nome do distribuidor britânico do filme Assalto ao 13º DP, também dirigido por Carpenter. Apesar de controverso, o filme chamou a atenção do distribuidor do Reino Unido que o transformou em um sucesso.

Continua após a publicidade

A relação de Michael Myers com o Halloween

Assim como brevemente citado acima, o Halloween teve origem no festival celta de Samhain. Coincidentemente, Michael Myers foi possuído pelo espírito de Enda. Segundo o romance de Dennis Etchison, a adolescente celta matou um casal e, em seguida, foi amaldiçoada pelo xamã do rei.

Após a morte de Enda, sua alma passou a vagar e acabou sendo incorporada por Michael Myers. O próprio serial killer revelou ter ouvido “uma voz” antes de matar sua irmã, a vítima que marcou sua trajetória de assassinatos. Além disso, o fato do personagem ser super calado condiz com a visão de Carpenter de que Myers é a personificação do mal.

De qualquer forma, hoje em dia Michael Myers é uma importante figura do Halloween, tornando-se praticamente indissociável da celebração. Por isso, uma boa forma de conhecer mais sobre o serial killer é estudar a fundo as origens do festival e, sem dúvidas, dar uma conferida na franquia homônima de filmes.

E então, o que achou da matéria? Se gostou, confira também: Filmes de terror: os mais assustadores de todos os tempos.

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você