Curiosidades

Mussum, quem é? História do sambista e ator popular

Mussum foi um ator, humorista, músico, cantor e compositor brasileiro conhecido por seu trabalho no programa humorístico "Os Trapalhões".

O nome artístico Mussum é conhecido por traços caricatos do personagem, mas existe toda uma história por trás da figura popular. Em primeiro lugar, Antônio Carlos Bernardes Gomes é nome original do carioca que deu origem ao Mussum.

Antes de mais nada, Antônio nasceu no Rio de Janeiro no dia 7 de abril de 1941. Em resumo, durante sua vida foi ator, humorista, músico, cantor e compositor brasileiro.

Entretanto, Mussum é mais conhecido pelo seu trabalho no grupo de samba “Os Originais do Samba” na década de 60 e por fazer parte do icônico quarteto de “Os Trapalhões”. Além deste nome artístico, o artista era conhecido por outros apelidos como Mussa, Mumu da Mangueira e Grande Pássaro, devido às suas outras ocupações.

História do Mussum

Primeiramente, Mussum nasceu no Morro da Cachoeirinha, localizado na Zona Norte do Rio de Janeiro. Desse modo, é conhecido por suas origens humildes, sendo filho da empregada doméstica Malvina Bernardes Gomes.

Continua após a publicidade

Nesse sentido, ele se concentrou nos estudos logo no início de sua vida. Além disso, alfabetizou sua própria mãe ao repassar os ensinamentos adquiridos no colégio interno que estudava.

Eventualmente, o artista ingressou outros níveis de ensino por persistir nos estudos. Como destaque, vale ressaltar o diploma de ajustador mecânico obtido em 1957, que o levou a obter seu primeiro emprego.

Desse modo, Mussum iniciou sua vida profissional atuando como aprendiz em uma oficina na região em que morava. Além disso, serviu na Força Aérea Brasileira durante oito anos.

Mussum, quem é? História do sambista e ator popular
Fonte: Jornal O Dia

Carreira artística

Inicialmente, Mussum participou do programa humorístico Bairro Feliz da TV Globo, em 1965. Desse modo, estreou como humorista e começou sua trajetória artística na televisão.

Continua após a publicidade

Além disso, o nome artístico Mussum surgiu no camarim desse mesmo programa. Em outras palavras, o ator Grande Otelo foi responsável por apelidar Antônio Carlos dessa forma, em referência ao peixe muçum.

Basicamente, o nome está associado ao fato do humorista ser conhecido como uma pessoa que conseguia sair de situações estranhas com facilidades. Assim, ele era considerado liso como o peixe e acabou recebendo esse apelido.

Por outro lado, nesse mesmo período Mussum também estava envolvido no grupo Os Sete Modernos. Posteriormente chamado de Os Originais do Samba, esse grupo de samba foi fundado pelo próprio humorista e alcançou grande sucesso em sua trajetória.

Em resumo, foram lançados um total de treze álbuns até o presente momento, pois o grupo permanece em atividade. Ademais, gravaram com grandes figuras da música como Viniciu de Morais, Jair Rodrigues e até o artista internacional Earl Grant.

Continua após a publicidade

Por outro lado, ainda fizeram turnês internacionais pela Europa e Estados Unidos. Nesse sentido, o grupo teve diferentes formações e contou com doze integrantes em suas décadas de história.

Mussum, quem é? História do sambista e ator popular
Fonte: Tribuna do Norte

Mussum em Os Trapalhões

A partir da estreia como humorista na TV Globo, Mussum passou por inúmeros programas da emissora e também da Excelsior. Nesse processo, conheceu Dedé Santana, que também fez parte do quarto de Os Trapalhões.

Por volta de 1969, o diretor de Os Trapalhões assistiu à uma apresentação musical do grupo de samba de Mussum e o convidou para integrar o programa humorístico. A princípio, o humorista e músico recusou, mas foi convencido pelo amigo Dedé Santana.

Assim, integrou o grupo em 1973, quando ainda eram um trio. Eventualmente, Zacarias integrou o grupo um ano depois e deu origem à formação mais conhecida.

Continua após a publicidade

Dentro do programa, Mussum era um personagem caricato por seu modo particular de falar. Em resumo, o ator adicionada terminações e palavras arbitrárias em sua fala, o que deu origem ao popular termo “cacildis”. Além disso, o trapalhão era caracterizado pelo consumo constante de bebidas alcóolicas, especialmente a cachaça.

Do mesmo modo, o personagem ficou conhecido por tratar de forma satírica a condição de ser negro, pois fazia piadas consigo mesmo nesse sentido. Ademais, as piadas constantes com a bebida alcóolica e as brincadeiras com outros membros do grupo o consagraram como o trapalhão mais engraçado na perspectiva do público.

Mussum, quem é? História do sambista e ator popular
Fonte: Metrópoles

Falecimento

No dia 24 de julho de 1994, Mussum faleceu por decorrência de complicações resultantes de um transplante do coração. Assim, aos 53 anos o artista foi sepultado no Cemitério Congonhas, em São Paulo.

Apesar disso, Mussum deixou um legado na televisão por ser um dos primeiros artistas negros com destaque no entretenimento brasileiro. Especialmente por ocupar posições de protagonismo, como ele ocupou em Os Trapalhões, durante um período de extremo preconceito.

Continua após a publicidade

Por fim, sua atuação como Mussum continua ecoando na cultura brasileira. Comumente, encontra-se frases e referências ao personagem em diferentes produtos, como camisetas, canecas e marcas.

E aí, gostou de aprender sobre o Mussum? Então leia sobre Samba de roda, o que é? Origem, características e canções.

Fontes: Wiki Fandom | eBiografia | Tribuna do Norte | NSC Total

Imagens: Jornal O Dia | O Globo | Tribuna do Norte | Metrópoles

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você