Curiosidades

Qual é a origem do impedimento no futebol?

O impedimento é a regra que mais causa dor de cabeça aos atacantes dos times de futebol; confira qual é a sua origem neste artigo.

Sem dúvida, o impedimento é uma das regras do futebol que mais causa polêmica. Isso ocorre pela dificuldade de determinar quando um jogador está em uma posição ilegal.

No momento de uma ação decisiva que leve ao gol adversário, quando o atacante recebe a bola, deve haver pelo menos dois jogadores adversários entre ele e o gol. Se houver um, ou nenhum, o atacante está impedido.

Mas por que isso acontece e qual a origem do impedimento no futebol? Descubra a seguir.

Qual é a origem do impedimento no futebol?

A regra do impedimento no futebol teve origem em 1883, com intuito de evitar que os jogadores avançassem ilegalmente em torno do gol adversário. A regra foi elaborada pela Associação Inglesa de Futebol (Football Association).

Sem a regra, os jogadores ofensivos podem avançar para perto do gol adversário mesmo quando o jogo está do outro lado do campo. Desse modo, eles podem ficar a espera de um passe longo e um gol fácil.

A regra do impedimento se aplica quando a bola é tocada ou passada, não quando a bola é recebida. Portanto, se o atacante que recebe o passe estiver em jogo no momento em que a bola é tocada, passa pelo defensor antes de receber o passe, o atacante que recebe não está impedido e a jogada é legal.

Continua após a publicidade

Como funciona a regra do impedimento no futebol?

Em suma, o momento específico em que ocorre o impedimento é considerado quando o último companheiro de equipe, que passou a bola, tocou a bola pela última vez.

Estar em posição de impedimento não é uma infração em si, torna-se uma infração quando o jogador é considerado em posição de impedimento no momento em que um companheiro de equipe toca ou joga a bola pela última vez e está envolvido em um jogo ativo.

Assim, cabe ao árbitro decidir se o jogador está envolvido no jogo ou não. Com efeito, o árbitro deve levar em consideração se o o jogador em questão levou vantagem por estar na posição de impedimento.

Evolução da diretriz na história

Desde a origem do impedimento no futebol, em 1883, a regra sofreu algumas alterações. Em 1925, foi adotada a ‘regra dos dois adversários’, que afirmava que “o impedimento ocorre se um jogador estiver mais próximo da linha oposta do que a bola e o penúltimo adversário”.

Com o novo cenário, em vez de três, deve haver menos de dois zagueiros entre o portador da bola e a linha do gol. No entanto, o impedimento tornou-se mais arriscado. Os gols aumentaram 36% em uma única temporada, ou seja, os times passaram a marcar uma média de mais de três gols por jogo.

Até 1990, uma regra que já havia mudado o futebol não voltou a ser minimamente alterada. Depois dos poucos gols marcados na Copa do Mundo de 1990, considerou-se que um atacante alinhado com o penúltimo adversário não estaria em situação de impedimento. Assim, foi suspensa a regra que habilitava o jogador caso o passe saísse do seu meio-campo. Cada mudança foi feita para aumentar a liberdade no jogo.

A última modificação data de 2005, quando a FIFA influenciou no favorecimento do jogo ofensivo. O maior espetáculo do futebol são os gols e desde aquele ano, os jogadores que estiverem impedidos em atitude passiva e não influenciarem a ação, não farão com que seja apitado impedimento.

Estabelece ainda que um jogador está impedido se uma parte de seu corpo com a qual ele pode tocar legalmente a bola estiver além do último defensor.

Regra do impedimento nos dias atuais

Atualmente a regra do impedimento é prevista pelo Conselho da Associação Internacional de Futebol da FIFA em seu regulamento. A edição mais recente passou por atualização em 2018/19 e a regra do impedimento é descrita no capítulo 11. Por isso, a norma que estabelece impedimento também é famosa como “Regra número 11″.

Por fim, mais recentemente com a introdução da arbitragem de vídeo (VAR) no futebol, isso fez com que a justiça aumentasse nas decisões arbitrais, minimizando a possibilidade de erro como auxílio a uma regra fundamental.

Fontes: Super Abril, Medium, Torcedores, Fatos Desconhecidos

Leia também:

Por que existe uma cruz no símbolo da CBF?

Pelé: 21 curiosidades que você deve saber sobre o rei do futebol

As 5 lesões mais comuns no futebol

Quais os países que participaram da Copa e não existem mais?

As 20 seleções com mais participações na Copa do Mundo

Descubra por que a seleção da Holanda veste laranja

Próxima página »

Escolhidas para você