Planeta parecido com a Terra acaba de sumir!

A Ciência acaba de se deparar com um fato, no mínimo, intrigante. Um planeta parecido com a Terra, muito parecido, aliás; o Alpha Centauri bb, acaba de sumir. De acordo com os astrônomos, ele era o planeta mais próximo de nosso sistema solar e seria uma ótima aposta para futuras investigações e explorações.

O caso é tão sério que, agora, os cientistas não sabem, ao certo, se o tal planeta parecido com a Terra realmente existiu um dia! É mole?

O Alpha Centauri bb foi encontrado em 2012 e foi motivo de empolgação para a maioria dos especialistas. Isso porque o planeta parecido com a Terra dava indícios de ter a massa semelhante a de nosso planeta. Ainda conforme registros da descoberta, o Alpha Centauri bb obtava sua estrela há uma distância semelhante à de Mercúrio em relação ao Sol, o que é relativamente um curta distância.

1

Já, com relação à nós, o planeta parecido com a Terra estava a “apenas” 4,3 anos-luz. Pode soar bastante, mas os cientistas garantem que essa é uma distância bem próxima, especialmente se considerarmos a distância da maioria dos demais exoplanetas que existem por aí.

Erro de cálculos

Mas, afinal, o que aconteceu com o Alpha Centauri bb? Se você está se perguntando isso, os cientistas também estão. Mas há notícias ainda piores: alguns estudos garantem que o tal planeta parecido com a Terra jamais existiu. Ele teria sido apenas um erro de cálculos!

Desde 2013, apenas um ano pós sua descoberta, alguns cientistas já contestavam a veracidade do Alpha Centauri bb. Agora, no entanto, uma equipe de pesquisadores da Universidade de Oxford, no Reino Unido, acabou de mostrar que muita gente pode ter se precipitado.

4

Por meio de uma simulação, os pesquisadores ingleses mostraram a atração de outras estrelas ou outros possíveis acontecimentos nas superfícies da estrela poderia ter confundido os cientistas, fazendo-os acreditar que haviam acabado de descobrir um planeta.

Alerta geral

Conforme a equipe de estudos de Oxford, apesar de ser decepcionante, de certa forma, a verdade é que esse “sumiço” do planeta parecido com a Terra ajuda como alerta para os cientistas que vivem em busca de outros exoplanetas, como o nosso.

Isso porque novos planetas podem ser identificados ao observar a redução do brilho de uma estrela, sinal de que há algo orbitando sua frente; ou por uma oscilação, que pode indicar que a estrela pode estar sendo puxada por um planeta que a orbita.

Então, se certa forma, é preciso prestar mais atenção de agora para frente, especialmente porque a própria Terra e outros planetas menores dificultam a distinção de um sinal verdadeiro.

2

Agora, se você está perguntando se podem existir outros casos com esse, do planeta que parece com a Terra, a resposta é: talvez. No entanto, a maioria dos exoplanetas recentemente descobertos foram detectados pelo telescópio espacial Kepler, que é um terceiro método, aliás, e muito mais seguro.

E, por falar na descoberta de planetas, você precisa conferir também: Ciência descobre 8 novos planetas onde é possível existir vida.

Fontes: Hyperscience, Science Alert