Curiosidades

Fearless Girl: história e curiosidades sobre a escultura

A Fearless Girl é uma escultura e instalação novaiorquina que surgiu nos Estados Unidos como símbolo da diversidade de gênero.

Fearless Girl é o nome da escultura de bronze com criação pela artista Kristen Visbal. Nesse sentido, teve sua encomenda feita pela State Street Global Advisors, uma divisão de gestão de investimentos nos Estados Unidos. Acima de tudo, sua instalação e concepção partem da representação de uma menina latina que enfrenta a estátua do Touro de Wall Street.

Mais especificamente, ela mede aproximadamente 130 centímetros de altura, mas pesa 110 quilogramas por ser feita inteiramente de bronze. A princípio, teve instalação no dia 7 de março de 2017, como uma ação do Dia Internacional da Mulher. Sobretudo, surgiu como forma de criar maior conscientização sobre a ausência da diversidade de gênero em liderança sênior.

No entanto, após sua instalação, ela foi movida para a frente da bolsa de valores e agora sofre ameaça de ser realocada, mas sem local certo para essa mudança. Em resumo, a permissão da instalação vence no dia 29 de novembro de 2021. Por outro lado, a State Street Global Advisors requisitou a permanência para mais 10 anos, mas não obteve resposta.

Basicamente, a prefeitura não tem programação para tratar do assunto até dezembro. Ou seja, se trata de uma grande questão burocrática que dificulta a continuidade da peça no local, pois sua instalação surgiu de forma ilegal. Porém, se trata de um processo do estilo arte de guerrilha, que utiliza da instalação sem aviso prévio também como etapa artística.

Continua após a publicidade

Em contrapartida, o Touro de Wall Street também teve instalação ilegal, mas recebeu um status oficial e não sofre a mesma ameaça. Portanto, tornou-se um símbolo, enquanto a Fearless Girl permanece lutando para tal título enquanto cresce no imaginário popular. Felizmente, existem cópias e réplicas dessa escultura por outros países do mundo.

Fotografia do monumento Nova Iorquino

Continua após a publicidade

História da Fearless Girl

Como citado anteriormente, a estátua da Fearless Girl teve instalação no dia 7 de março de 2017. Portanto, um dia antes do Dia Internacional da Mulher. Sendo assim, a encomenda por parte da State Street Global Advisors em uma campanha da agência de publicidade McNann New York.

Nesse sentido, havia uma celebração do aniversário do seu fundo de “Índice de Diversidade do Gênero”. Em resumo, esse índice consiste em investir nas empresas de capitalização de grandes capitais dos EUA e que se classificam entre as mais altas no setor de diversidade de gênero. Principalmente nos cargos de diretoria e liderança sênior.

Continua após a publicidade

A princípio, o conceito da estátua surgiu por ação de Lizzie Wilson e Tali Gumbiner usando vários modelos e imagens. Sobretudo, a ideia da Fearless Girl é que fosse uma menina enfrentando o Touro de Wall Strret para enviar uma mensagem sobre a diversidade de gênero. Em especial nos ambientes de trabalho e para incentivar as empresas para buscar mulheres para os conselhos.

Ademais, a própria escultura traz os escritos “conheça o poder das mulheres na liderança, ela faz a diferença.” Contudo, em inglês utilizaram do termo SHE que é tanto o pronome para “ela” quanto um símbolo de uma ação do mercado de ações. Mais ainda, apesar da postura desafiadora, ela traz traços de coragem, orgulho e força.

Posteriormente, a escultura recebe a permissão da Prefeitura de Nova York de permanecer instalada no local durante uma semana. Logo em seguida, estendeu-se esse período para 30 dias, permanecendo no local até fevereiro de 2018. Contudo, ela teve sua remoção no dia 28 de novembro de 2018 e atualmente não tem local para realocação.

Curiosidades sobre a escultura

1) Controvérsias e polêmicas sobre a Fearless Girl

Fotografia do monumento Nova Iorquino

Continua após a publicidade

A princípio, a ideia da Fearless Girl foi combater o Touro de Wall Street como um símbolo do capital, ainda que a instalação original do gigante de bronze tenha outro sentido. Além disso, a encomenda do State Street Global Advisors partiu como uma forma de celebrar a diversidade de gênero.

Entretanto, em outubro de 2017, a empresa assinou um acordo de indenização com o valor estimado em 5 milhões de dólares para mais de 300 dos seus funcionários. Basicamente, a empresa foi acusada de pagar à mulheres e negros um salário inferior ao que pagava aos homens brancos. Sobretudo, a agência de notícias AFP compartilhou ao público essa investigação em uma reportagem.

Sendo assim, a companhia recebeu duras críticas por ter instalado uma escultura que não reflete a cultura interna. Ainda que o acordo tenha sido resolvido, diversos membros da sociedade civil e do mercado de ações viram na Fearless Girl uma hipocrisia. Também utilizaram do acontecimento para atacar a ideia de diversidade de gênero nas empresas, abrindo um novo debate.

2) Réplicas

Fearless Girl: história e curiosidades sobre a escultura

Continua após a publicidade

Curiosamente, existe uma réplica da Fearless Girl em Oslo desde 8 de março de 2018. Nesse sentido, fica a frente do Parlamento norueguês, mas houveram outros passeios por parte da escultura. Em resumo, também teve exposição no Castelo de Dublin durante a Conferência de Inovação Climática da Europa.

Posteriormente, passou por Londres durante seis meses a partir de março de 2019. No entanto, em fevereiro de 2019 a State Street Global Advisors entrou cm uma ação contra a escultora Kristen Visbal alegando que ela fez e vendeu réplicas, violando o contrato com a empresa.

3) Premiações para a Fearless Girl

Fearless Girl: história e curiosidades sobre a escultura

Em resumo, a escultura recebeu diversos prêmios de destaque, sendo 18 Cannes Lions em 2017 pelo Festival de Criatividade da Cannes Lions Internacional. Ademais, recebeu o Grand Effie de melhor show pela North American Effie AwardsPor fim, recebeu o The Most Next Award em 2018 pela Associação de Produtores Comerciais Independentes.

Continua após a publicidade

4) Conflito com o escultor do Touro de Wall Street

Fotografia do monumento Nova Iorquino

Basicamente, Di Modica, que criou e instalou o Touro de Wall Street em 1989, pediu que a escultura da Fearless Girl fosse removida. Sobretudo, argumentou que a peça explorava a sua obra para fins comerciais e alterava a percepção do touro.

Ou seja, reforçava a visão do touro como inimigo e símbolo do capital, indo contra seu projeto. Ademais, afirmou que a escultura da menina era um truque de publicidade.

5) Fearless Girl e o movimento feminista

Fotografia do monumento Nova Iorquino

Continua após a publicidade

No geral, alguams mulheres do movimento feminista estadunidense como símbolo do “feminismo corporativo”. Ou seja, como um símbolo de um movimento que colocava o ativismo a serviço das empresas, corporações e organizações que são símbolos do homem branco. Nesse sentido, o homem branco entra como símbolo do machismo e misoginia.

6) Publicidade gratuita

Fearless Girl: história e curiosidades sobre a escultura e instalação

Em relatório da Bloomberg News, a Fearless Girl resultou em 7,4 milhões de dólares em publicidade gratuita para a State Street Global Advisors em abril de 2017. Curiosamente, 201.075 dólares foram somente em cobertura de rádio gratuita, nas matérias sobre a escultura.

7) Mensagem pós-realocação

Fotografia do monumento e instalação Nova Iorquino

Continua após a publicidade

Quando foi realocada para a Bolsa de Valores de Nova Iorque, no local em que estava instalada foi deixado a mensagem “A Fearless Girl está em movimento para a Bolsa de Valores de Nova York. Até que ela esteja lá, represente-a”. Além disso, deixaram no local em que ela estava um par de pegadas para que visitantes ficassem em pé onde ela esteve.

8) Futuro incerto

Fearless Girl: história e curiosidades sobre a escultura e instalação

Por fim, o futuro da Fearless Girl depende das negociações da State Street Global Advisors com a prefeitura de Nova Iorque. Caso os acordos não aconteçam após a data limite em novembro, a tendência é que ela permaneça de forma ilegal. Ou então, será removida pelas autoridades e deixada em um galpão de veículos, como aconteceu inicialmente com o Touro de Wall Street.

E aí, aprendeu sobre a Fearless Girl? Então leia sobre Rapanui: a história dos nativos da Ilha de Páscoa

Continua após a publicidade

Próxima página »

Escolhidas para você