Curiosidades

A origem dos feriados no Brasil e no mundo

Os feriados, as datas comemorativas, não são uma invenção nova e nem específicos do Brasil. A origem remonta há tempos bem antigos.

Não adianta negar, você também fica contando os dias para ter um feriado e descansar da rotina. Os feriados são datas em que trabalho e estudo são suspensos. De modo geral, os feriados são datas comemorativas que relembram algum marco histórico, santos ou padroeiros ou profissões relevantes para a sociedade.

Além disso, o Brasil desfruta de uma série de datas comemorativas que paralisam várias pessoas em esfera federal, estadual e municipal. Por isso, muitas pessoas criticam a quantidade de feriados ao longo do ano, sob a justificativa de que seriam dias de trabalho desperdiçados.

Contudo, os feriados não são exclusividade dos brasileiros e nem representam um dano à economia. Eles também não são algo novo. Isso porque, há registros de feriados em textos da antiguidades. Inicialmente, essas datas seriam um momento de celebração de deuses e homens nobres.

Onde surgiram os feriados?

Como dito anteriormente, os feriados já existem desde de a antiguidade. Inicialmente, há cerca de  cerca de 4.000 anos, os povos da Babilônia instituíram o primeiro dia do ano (que no nosso calendário seria o dia 15 de março) como um dia livre de trabalho. Desse modo, a data era a celebração de um novo ano e o início de um novo ciclo e também de novos governos.

Por outro lado, os romanos tinham diversos feriados ligados à adoração das divindades que figuravam sua religiosidade. Eles também organizavam festas em memória dos imperadores que haviam morrido. Nessas datas comemorativas, os romanos não precisavam trabalhar. Na Grécia as coisas funcionavam de maneira parecida.

Além disso, os feriados também exerciam a importante função de estabelecer um vital e necessário momento de ruptura para com o mundo cotidiano. Na Idade Média, por exemplo, era comum a organização de vários eventos carnavalescos que antecediam a resignação do período da Quaresma.

Continua após a publicidade

Sendo assim, os camponeses criavam cantos, encenações e imagens que faziam divertidas chacotas para com os senhores feudais e clérigos da época. Isso mostra que, desde a Idade Média, os períodos de descanso que viriam a ser os feriados são importantes para as pessoas descansarem a cabeça e voltarem à rotina mais motivadas.

Revolução Francesa

Contudo, a relação entre feriados e celebrações e acontecimentos religiosos só foi deixada lado e ganhou novas formas com a Revolução Francesa. Sendo assim, a partir da revolução, os franceses oficializaram a data 14 de julho como o dia de comemoração da queda da Bastilha. Essa data comemorativa tornou-se, então, o primeiro feriado de natureza civil do mundo.

Desse modo, a partir da Revolução Francesa, diversos feriados começaram a surgir como recordação de datas importantes e pessoas históricas. Um bom exemplo é o feriado de 1° de maio que se tornou data comemorativa porque nesse dia, mas no século XIX, diversos funcionários serem mortos enquanto protestavam por melhores condições de trabalho.

No Brasil

No Brasil, grande parte dos feriados está relacionada à datas históricas importantes. Em 1930, por exemplo, eram 12 dias de feriado em que os brasileiros não precisavam trabalhar. Sendo assim, Getúlio Vargas decretou neste ano que os feriados seriam apenas seis.

No entanto, o decreto de Vargas acabou não dando certo e foi revogado. Por isso é que hoje o Brasil tem tantos feriados, confira alguns:

  • Carnaval
  • Tiradentes (21 de abril)
  • Dia do Trabalho (1° de maio)
  • Independência do Brasil (7 de setembro)
  • Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro)
  • Finados (2 de novembro)
  • Proclamação da República (15 de novembro)
  • Dia da Consciência Negra (20 de novembro, mas não é feriado em todos os estados)
  • Natal (25 de dezembro)
  • Ano Novo (31 de dezembro e 1° de janeiro)

Sabia da história por trás dos feriados? Leia também essa matéria: Black Fraude – Como escapar de fraudes e golpes na Black Friday

Continua após a publicidade

Fonte: G1, R7, Coégio WebBrasil Escola.

Próxima página »

Escolhidas para você