Ciência & Tecnologia

História da Dell: um mito entre as fabricantes de computadores

Considerada uma das mais influentes empresas de tecnologia, a Dell conta com uma história que revolucionou o universo do hardware.

Embora nomes como Apple e Samsung sejam as fabricantes de produtos tecnológicos mais populares da atualidade, a Dell é a maior empresa de distribuição de computadores nos Estados Unidos. Atuando desde 1984, essa empresa é uma referência no desenvolvimento, fabricação e assistência dessas máquinas e a história da Dell tornou-se marcante no universo da tecnologia.

Desde os primeiros passos do fundador da companhia ainda no dormitório de sua faculdade até o momento em que a Dell tornou-se uma das empresas mais admiradas do mundo – de acordo com as palavras da própria revista Fortune – houveram muitos marcos na trajetória da marca.

Pensando nisso, e considerando o fato da Dell ter um importante papel no desenvolvimento de tecnologia do Brasil, reunimos aqui alguns de sua história ao longo dos anos. E então, vamos lá?

A Dell foi criada no dormitório de uma universidade

Continua após a publicidade

Assim como algumas das maiores empresas que conhecemos hoje – vide Facebook, Microsoft e Google – a Dell integra a lista de multinacionais criadas por estudantes. Lá em 1984, Michael Saul Dell era um calouro de Medicina que adorava montar computadores com peças que encontrava em estoque.

Então, percebendo que havia uma demanda no mercado, o jovem Dell teve a ideia de um milhão de dólares. Basicamente, ele percebeu que poderia acelerar o processo de aquisição de computadores, algo muito complexo na década de 80, se montasse a máquina e a vendesse direto para o consumidor.

E foi assim, em seu dormitório na Universidade do Texas, que Michael pegou mil dólares emprestados com os pais e fundou aquela que viria ser uma das maiores empresas de tecnologia do mundo. Apesar de ser uma jogada arriscada, o sucesso veio e o fundador da Dell largou a faculdade de medicina para escrever seu nome na história.

O primeiro nome da empresa foi PC’s Limited

A história da Dell: um mito entre as fabricantes de computadores

Continua após a publicidade

Agora que você sabe que a Dell carrega o mesmo nome de seu criador, provavelmente deve estar achando ele um tanto quanto egocêntrico. No entanto, não é bem assim. Primeiramente, a aposta original de Michael Dell para o nome de sua marca foi PC’s Limited.

Com seus humildes mil dólares, Michael Dell abriu uma loja caseira e passou a montar computadores personalizados. Aliás, esse foi outro grande diferencial da empresa, que atendeu as singularidades dos clientes. Esse sistema é utilizado até hoje e, se você pôde escolher as especificações técnicas do seu computador, já sabem quem agradecer.

Durante seus quatro anos iniciais, a empresa seguiu atuando com esse nome, expandindo-se para além dos Estados Unidos. No entanto, em 1988, a PC’s Limited transformou-se em Dell Computer Corporation e abriu suas ações para o público.

Turbo PC, o primeiro computador da história da Dell

Continua após a publicidade

Embora fosse um ano desafiador para empresas emergentes de tecnologia, a Dell conseguiu sobreviver ao lançamento do famoso Macintosh da Apple e contornar a influência da IBM. Então, sem deixar-se abater pela concorrência, em 1985 a Dell lançou seu primeiro computador de design próprio, o Turbo PC.

A máquina contava com processadores Intel 8088 e alcançava a velocidade de 8MHz. Além disso, o disco rígido tinha 10 MB e entrada para os saudosos disquetes de 5,25″. Tudo isso por uma bagatela de 795 dólares, algo muito mais barato se comparado aos 3 mil dólares que a IBM cobrava por um PC completo.

A história da Dell: um mito entre as fabricantes de computadores

O Turbo PC acabou abrindo as portas para outro modelo revolucionário, o 316LT, também conhecido como o primeiro laptop da desenvolvedora.

Continua após a publicidade

Estratégia de vendas

Assim como dissemos acima, a primeiro grande trunfo da Dell foi criar uma linha direta com seus clientes. Porém, em 1994, a empresa acabou cedendo e tentou terceirizar a venda de seus produtos para lojas de departamento. Embora o resultado não tenha sido muito bom, fazendo a marca recuar um pouco depois, uma nova oportunidade surgiu.

Em 1996, a Dell criou um site num meio de comunicação emergente, a internet. Então, o sucesso que já havia sido conquistado pelas vendas por telefone, foi amplamente expandido pela venda de produtos online. Além disso, a facilidade de obter assistência técnica acabou atraindo ainda mais a atenção do público.

O resultado disso veio imediatamente, com a marca de 1 milhão de dólares em vendas diárias logo no sexto mês do site. Em seguida, 2001 trouxe consigo outro marco para a história da Dell, o título de maior provedora de computadores do mundo e líder na venda de PCs nos Estados Unidos.

Continua após a publicidade

A saída de Michael Dell

A história da Dell: um mito entre as fabricantes de computadores

Assim como muitos milionários, Michael Dell decidiu, em 2004, retirar-se do posto de CEO da empresa para dedicar-se a projetos pessoas e filantrópicos. No entanto, os anos sem seu fundador na presidência não foram nada fáceis para a marca. As vendas diminuíram, concorrentes roubaram os holofotes e o mercado, pela primeira vez, mostrou-se complicado para a empresa.

Então, depois de três anos em um período sabático, Michael Dell atende aos pedidos do conselho diretor da empresa e retorna ao cargo sabendo que precisaria se reinventar. Dessa forma, uma das primeiras iniciativas tomadas é a compra da Alienware, uma fabricante reconhecida no mercado gamer, e outras empresas.

No entanto, isso não foi suficiente para sustentar a Dell, que falhou em não entrar no mundo mobile. Embora ainda fosse referência montando computadores, a empresa perdia espaço para os smartphones. Além disso, não demorou para que as pessoas passassem a criticar a qualidade dos produtos e serviços da Dell. Assim, em 2016, a Dell Services foi vendida para a NTT DATA.

Continua após a publicidade

Como está a empresa hoje em dia?

Apesar da venda, a Dell continua sendo influente no universo tecnológico e uma referência mundial no quesito hardware. O fundador da empresa é um dos homens mais ricos do mundo, com um patrimônio líquido estimado entre 54,2 bilhões de dólares e continua como CEO da Dell. A empresa, por sua vez, emprega mais de 100 mil pessoas.

No Brasil, a Dell conta com fábricas em estados como Rio Grande do Sul, Porto Alegre e São Paulo. Porém, a empresa atua em mais de 11 países ao redor do mundo e investe amplamente no setor de pesquisa e desenvolvimento.

E então, o que achou dessa matéria? Se gostou, confira também: História do YouTube, o site de vídeos que virou um fenômeno mundial.

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você