Curiosidades

Parar o soluço, como fazer? Características e principais causas do soluço

A maioria dos soluços são normais e duram apenas alguns minutos. Mas, às vezes, os soluços são indicativos de um problema de saúde mais sério

Soluços recorrentes podem irritar, mas geralmente duram apenas alguns minutos ou horas. No entanto, algumas pessoas podem ter episódios de espasmos que não passam. Ou seja, os soluços persistentes, também conhecidos como espasmos crônicos, são aqueles que duram mais do que 48 horas e muitas vezes podem ser prejudiciais à saúde.

Primeiramente, o soluço vem da palavra latim ‘singultus’, que significa suspiro. Em outras palavras, são reflexos normais do nosso organismo. Dessa forma, é muito comum soluçar com mais frequência durante a infância, porém na idade adulta, mesmo diminuindo, os soluços continuam sendo irritantes.

Sobretudo, o soluço acontece quando uma contração repentina do diafragma faz com que os músculos do peito e do abdômen estremeçam. Posteriormente, a glote (parte da garganta onde se localizam as cordas vocais) se fecha, e como resultado, esse movimento, cria o ruído do ar saindo dos pulmões, ou o famoso ‘hic!’, o som do soluço.

espasmos
Fonte: Freepik

Características do soluço

Então, como vimos, os soluços são um espasmo breve e involuntário do diafragma. Em resumo, são um ação involuntária do seu corpo. Em suma, eles são caracterizados pelos aspectos abaixo:

Continua após a publicidade
  • Ritmo: o tempo entre espasmos individuais geralmente é constante e, além disso, dura em torno de alguns segundos entre cada um.
  • Som: o “hic” acontece porque os reflexos ocasionam o fechamento da glote repentinamente a cada espasmo.
  • Dor ou desconforto: pode haver alguma dor ou desconforto durante o soluço, sobretudo, se forem espasmos crônicos.

Causas do soluço

saúde e soluço
Fonte: Freepik

Acima de tudo, os soluços são causados por coisas comuns como beber refrigerante, por exemplo. No entanto, algumas condições de saúde mais sérias podem ter soluços como sintoma. Entre as causas mais comuns estão:

  • Comer muito ou rápido de mais
  • Mudança brusca na temperatura
  • Excitação ou estresse
  • Ingestão de refrigerantes ou álcool em excesso
  • Consumo de chiclete

Por outro lado, soluços persistentes ou recorrentes podem indicar problemas de saúde, ou seja, podem ser sinais ou sintomas das seguintes doenças:

  • AVC
  • Meningite
  • Esclerose múltipla
  • Laringite
  • Refluxo gastrointestinal
  • Úlcera péptica
  • Bronquite
  • Asma
  • Pneumonia
  • Embolia pulmonar
  • Pericardite
  • Diabetes
  • Doença renal

Na mesma linha, ainda existem outras várias causas, também relacionadas à saúde, que podem resultar em soluços, como:

  • Ansiedade
  • Gravidez
  • Cirurgia em órgãos abdominais
  • Uso de certos medicamentos

O que fazer para parar os soluços?

Se você já tentou ficar de cabeça para baixo ou pedir para alguém assustá-lo na tentativa de curar os espasmos, certamente, ficou desapontado. Contudo, para esclarecer, não há evidências científicas que comprovam que esses ‘remédios‘ funcionam. Além disso, existem outras técnicas caseiras mais eficazes que podem fazer o espasmo desaparecer. São elas:

Continua após a publicidade

1. Em primeiro lugar, tomar alguns goles de água gelada

parar de soluçar
Fonte: Freepik

2. Em segundo lugar, prender a respiração o máximo que puder

reflexos e espasmos
Fonte: Freepik

3. Respirar em um saco plástico ou de papel pode parar o soluço

Fonte: Freepik

4. Engolir um punhado de açúcar

Fonte: Freepik

5. Pressionar os ouvidos e soltar de vez o ar

Fonte: Freepik

6. Colocar o dedo na boca para eliminar o ar acumulado através de arroto ou vômito

como parar de soluçar
Fonte: Freepik

7. Sentar e puxar os joelhos ou inclinar-se para frente para comprimir o peito

saúde e espasmos
Fonte: Freepik

8. Beber água com gás

Fonte: Freepik

9. Tomar um remédio antiácido

problema de saúde e soluço
Fonte: Freepik

10. Por fim, fazer cócegas no céu da boca com um cotonete pode curar os soluços

Fonte: Freepik

Por que recém-nascidos e crianças têm mais espasmos que adultos?

saúde e soluços
Fonte: Freepik

Por fim, no caso de bebês recém-nascidos, a amamentação excessiva é um motivo comum para os espasmos. Além disso, assim como em adultos, medo, aumento de gases intestinais e engolir ar ao comer também pode desencadear soluços em bebês e crianças.

Enfim, você ainda quer saber mais sobre os soluços? Temos outros conteúdos sobre o tema, como por exemplo: Como parar o soluço, em segundos, com 10 truques infalíveis

Fontes: O Povo, Drauzio Varella, Hospital Santa Paula

Fotos: Freepik

Continua após a publicidade
Próxima página »

Escolhidas para você