Curiosidades

Cavaleiros do Zodíaco – Cronologia definitiva da franquia animada

Desde o sucesso inicial, Cavaleiros do Zodíaco ganhou novas séries ao longo dos anos, com histórias que se passam antes e depois da original.

Atualizado em 23/05/2020
Por P.H Mota

Originalmente chamado de Saint Seiya, Os Cavaleiros do Zodíaco foi um anime que marcou a história no Brasil. Durante a década de 1990, com exibição na TV Manchete, o desenho animado conquistou fãs e vendeu bonecos e produtos de todos os tipos.

Marcado pela Saga das Doze Casas (que inclusive inspirou o nome do desenho em português), a história tem várias outras temporadas. Além das temporadas que formam a série original, ainda há outras histórias que complementam a trama e apresentam até mesmo realidades alternativas.

Sendo assim, decidimos organizar a história do anime em ordem cronológica dos fatos para quem quer entender tudo.

Saint Seiya – The Lost Canvas

Cavaleiros do Zodíaco - a cronologia definitiva da franquia animada
Netflix

Ainda que tenha sido lançado depois da obra original, a história de Lost Canvas acontece no passado. O anime acompanha Tenma, 243 anos da história clássica. Nessa versão, vemos alguns personagens consagrados em suas versões mais novas, como Dohko e Shion.

Os Cavaleiros do Zodíaco

Cavaleiros do Zodíaco - a cronologia definitiva da franquia animada
TVDB

O desenho original pode ser dividido, basicamente, em quatro temporadas. Na primeira delas, os personagens se veem diante da Guerra Galática. É por isso que eles são escolhidos para vestir as armaduras de cavaleiros, protetores da deusa Atena. É nesse momento que conhecemos os protagonistas da série, heróis de praticamente todas as temporadas.

Na segunda temporada, os cavaleiros precisam passar pelas Doze Casas do Santuário para resgatar a deusa Atena. Seiya, Shiryu, Hyoga e Shun precisam vencer cada um dos cavaleiros de ouro que representam os signos do zodíaco.

Após vencer o Mestre do Santuário, os cavaleiros passam pela Saga de Asgard. Aqui, eles se veem diante de novos adversários que representam a mitologia nórdica, como o deus Odin. Entretanto, o deus acaba declarando guerra a Atena, causando o conflito.

Por último, então, os cavaleiros precisam enfrentar soldados do deus Poseidon. Isso porque o deus captura Atena e a leva para o fundo do mar. Os cavaleiros, então, precisam salvar a deusa mais uma vez.

Saga de Hades

Cavaleiros do Zodíaco - a cronologia definitiva da franquia animada
IGN

A história do mangá de Cavaleiros do Zodíaco continua após a Saga de Poseidon, mas o anime não viu esses acontecimentos. Entretanto, anos mais tarde, o anime ganhou a tão esperada continuação. Dessa maneira, os fãs da animação puderam enfim conferir esse trecho da história.

Aqui, espectros são revividos pelo deus Hades, que também quer atacar Atena. Mais uma vez, os cavaleiros precisam se unir em combates, ao lado de cavaleiros de ouro e prata. Os cavaleiros precisam ir até o inferno, onde devem encontrar Atena e lhe entregar sua armadura e pôr fim ao conflito.

Saint Seiya – Soul of Gold

Cavaleiros do Zodíaco - a cronologia definitiva da franquia animada
Tudo Geek

Também chamado de Alma de Ouro, esta história acontece ao mesmo tempo que o final da Saga de Hades. Para que os cavaleiros de bronze terminem sua missão no Inferno, os cavaleiros de ouro se sacrificam. Aqui, então, vemos o que acontece com eles após esse sacrifício. O grupo é revivido em Asgard, onde precisa enfrentar novas ameaças relacionadas à mitologia nórdica.

Saint Seiya Ômega

Cavaleiros do Zodíaco - a cronologia definitiva da franquia animada
Daileon

O último anime da cronologia oficial de Cavaleiros do Zodíaco se passa 25 anos após a conclusão da batalha contra Hades. Dessa vez, no entanto, somos apresentados a novos personagens. Seiya, por exemplo, já é um cavaleiro de ouro que apenas serve como guia e inspiração para os novos protagonistas.

Saintia Shô

Cavaleiros do Zodíaco - a cronologia definitiva da franquia animada
Aficionados

Oficialmente, Saintia Shô é considerado um spin-off, mas merece ser mencionado. Isso porque a história, em tese, se passa paralelamente à da obra original. Aqui, entretanto, a obra foca em cavaleiras mulheres, um conceito novo na franquia. Até aqui, as mulheres eram vistas como amazonas, mas não tinham as mesmas habilidades dos guerreiros principais. O foco da história, então, é na cavaleiro de Cavalo Menor, Shoko.

Fontes: Rede Manchete, IGN, Aficionados, Uol

Imagens: Aficionados, Daileon, Tudo Geek, IGN, Netflix, TVDB

Próxima página »

Escolhidas para você