Curiosidades

Como dar banho em cachorro? Dicas práticas para fazer direito

Os cachorros também precisam de um bom banho, mas tem quem queira aprender a como dar banho em cachorro por conta própria e do jeito certo.

Os cachorros também precisam de um bom banho, mas geralmente em menor frequência. Entretanto, nem sempre é uma possibilidade pagar a estabelecimentos especializados, e tem quem queira aprender a como dar banho em cachorro por conta própria.

Nesse sentido, aprender as principais técnicas e seguir algumas dicas facilita o processo para todas as partes envolvidas. Além de cuidar da higiene do seu melhor amigo animal, ainda é possível criar uma aproximação e promover um momento terapêutico.

Entretanto, é necessário tomar cuidado na hora de aprender e praticar como dar banho em cachorro.  No geral, esse momento pode acabar criando estresse e até medo de água por parte do animal. Desse modo, reunimos importantes informações para te auxiliar nessa jornada, confira:

Como dar banho em cachorro

1) Escovar em primeiro lugar

Animal sendo escovado para ilustração do item
Fonte: Blog Cobasi

Comumente, acredita-se que o primeiro passo do banho já envolve água e os produtos específicos, mas não é bem assim. Antes de começar o banho, é importante escovar o cachorro com a escova certa para animais.

Sobretudo, esse processo auxilia na remoção de pelos e pele mortas. Além disso, facilita na remoção de nós e pequenas sujeiras que podem passar despercebidas.

2) Limpar os ouvidos antes do banho

Como dar banho em cachorro - conheça as principais dicas
Exemplo de produto específico para limpeza interna do ouvido animal – Fonte: Blog Bergvet

No geral, os ouvidos dos cachorros são regiões de grande sensibilidade. Por isso, a limpeza é fundamental para que as funções auditivas continuem saudáveis.

Desse modo, antes de dar banho é importante fazer uma limpeza externa e interna. Em resumo, pode-se limpar a área externa com gaze ou toalhas macias, mas elas devem estar úmidas com água morna.

Por outro lado, a parte interna demanda mais atenção, especialmente porque nunca se deve colocar hastes flexíveis no ouvido dos cães. Nesse sentido, é recomendado a utilização apenas de materiais que dissolvem o excesso de cera.

Após a limpeza, basta colocar duas bolas de algodão no ouvido do seu cãozinho para que não entre água. Porém, é fundamental fazer todo esse processo de limpeza com muito cuidado e carinho, de forma a evitar que o animal se assuste.

3) Umedeça os pelos para começar o banho

Como dar banho em cachorro - conheça as principais dicas
Fonte: Donna Mundo Pet

Em seguida, é importante manter o cachorro preso, mas de forma tranquila e confortável para ele. Posteriormente, deve-se utilizar água morna para começar a molhar os pelos do animal. No geral, é recomendado que isso seja feito aos poucos, para que o cachorro se acostume com a situação.

Além disso, é interessante começar pelas patas e pelo meio do corpo, sempre de maneira vagarosa. Mais ainda, conversar com seu cachorro durante o banho, dando carinho e até petiscos, facilita o processo.

4) Passar o shampoo próprio para banho

Como dar banho em cachorro - conheça as principais dicas
Fonte: Cachorrogato

Assim como para os humanos, existem shampoos próprios para os cachorros. Nesse sentido, a quantidade do produto também varia de acordo com as características da espécie. Porque o shampoo é utilizado no corpo inteiro do animal durante o banho, é importante estar atento aos detalhes relacionados à espécie do seu cachorro.

Em resumo, o shampoo deve ser aplicado de forma suave. Para isso, faça movimentos de massagem até que surjam espumas, pois essas indicam que o produto está agindo nos pelos e na pele do animal. Ademais, para evitar nós após o banho também é indicado o uso de condicionadores específicos após a aplicação do shampoo.

Além disso, veterinários recomendam que o produto fique agindo na pele do animal por cerca de dez minutos até o enxague. Nesse meio tempo, é possível interagir com o cachorro e prosseguir com a massagem, certificando-se de que todas as áreas foram limpas.

5) Enxague para retirar todo o produto

Como dar banho em cachorro - conheça as principais dicas
Fonte: AdoroPets

Nessa etapa, é fundamental que se evite colocar o jato de água diretamente na cabeça. Além de causar incômodo, a água pode molhar os algodões no ouvido do animal e causar maiores problemas posteriormente.

Desse modo, é indicado que se enxague bem o pelo do cachorro durante o banho. No geral, retirar todo o produto auxilia na prevenção de alergias e aparecimento de nós.

Ademais, é natural que o próprio cachorro se agite para retirar o excesso de água. Portanto, não estranhe caso ele decida participar do processo.

6) Seque bem após o banho

Fotografia de um cãozinho sendo secado para ilustração do item
Fonte: Patas da Casa

O enxague é uma etapa fundamental do banho, mas secar o cachorro é ainda mais importante. Em resumo, secagem evita problemas de pele, infecções, proliferação de fungos e aparecimento de pulgas ou carrapatos.

Entretanto, é uma etapa que assusta os animais por causa do barulho do secador. Desse modo, é recomendado que se deixe o secador ligado perto para que o cachorro se acostume com o som. Nesse meio tempo, pode-se retirar o excesso de água com uma toalha, e posteriormente utilizar o secador.

Após a secagem, basta pentear seu animal e aplicar os produtos recomendados para que não surjam nós no pelo. Com isso, tem-se um cachorro limpinho e saudável.

Dicas práticas sobre como dar banho em cachorro

No geral, recomenda-se que os produtos envolvidos no processo do banho sejam específicos para o porte e espécie do seu cachorro. Para isso, é possível consultar o próprio veterinário, mas também visitar lojas especializadas para se instruir no momento da compra.

Além disso, é importante ter cuidado no processo do banho. Comumente, alguns cães podem se assustar e ficar estressados quando tomam banho, em especial por causa da água e dos barulhos envolvidos.

Nesse sentido, indica-se que a pessoa dando o banho interaja de forma positiva com o animal. Em outras palavras, dar petiscos, fazer carinho e usar palavras de afeto ajudam seu cão a se sentir mais confortável e seguro.

Por outro lado, também é recomendado higienização do espaço do banho antes e depois de todo o processo. Desse modo, evita-se a transmissão de doenças entre humanos e animais.

Ademais, é importante ter todos os materiais e ferramentas organizadas previamente. Como resultado, fica mais fácil administrar o banho sem que o animal faça bagunça durante a sua distração.

E aí, gostou de aprender como dar banho em cachorros? Então aprenda sobre Como adestrar gatos? Benefícios, ferramentas e dicas práticas.

Fontes: Canal do Pet | Patas da Casa | Petz

Imagens: Blog Cobasi | Blog Bergvet | Diário do Litoral | Cachorrogato | Estimação | Patas da Casa | AdoroPets | Donna Mundo Pet

Próxima página »

Escolhidas para você