Curiosidades

Símbolos da Páscoa, quais são? Origem, usos e significados

Existem vários símbolos da Páscoa no mundo, como o coelho e os ovos, mas cada um apresenta um significado específico nessa celebração anual.

A Páscoa marca os calendários anuais como um período de descanso, mas para muitos é sinônimo de comer chocolate. Porém, você conhece os símbolos da Pascoa e seus significados?

Pois bem, a Páscoa é uma comemoração de origem bíblica. Ou seja, está associada à narrativa cristã e seus desdobramentos. Nesse sentido, a própria origem da palavra está relacionada com as civilizações envolvidas nessa origem, pois essa é uma palavra hebraica.

Com origem na palavra hebraica “pessach”, que significa passagem, a Páscoa representa o fim da escravidão. Além disso, simboliza o início da libertação do povo judeu, porque está associada à travessia do Mar Vermelho.

Na perspectiva do Catolicismo, a data representa a ressurreição de Jesus Cristo. Ademais, marca o fim da Semana Santa, conhecida por narrar a sucessão de eventos da passagem de Cristo pela Terra.

Principais símbolos da Páscoa

No geral, quando se pensa em Páscoa alguns símbolos prevalecem. Como exemplo pode-se citar o próprio coelhinho da Páscoa, mas também os ovos e até a figura dos sinos.

Entretanto, cada um desses elementos apresentam sua relação com a data, além de significados variados. Confira os principais símbolos e seus usos:

Continua após a publicidade

1 – Coelho da Páscoa

Fotografia de coelhos para ilustração do item
Fonte: A Lavoura

Provavelmente o mais popular dos símbolos da Páscoa, a figura do coelho está relacionada à fertilidade e esperança. Porque são animais com altos índices reprodutivos, eles simbolizam a renovação da vida e o recomeço.

Ademais, representam a fecundidade da missão da Igreja Católica em difundir a palavra de Deus entre as pessoas. Ou seja, a difusão do Cristianismo por diferentes camadas sociais.

Além disso, é um elemento importado da mitologia alemã, tendo chegado ao Brasil no século XVII. Nesse sentido, os coelhos estão associados à deusa alemã da fertilidade, celebrada em rituais realizados com a chegada da primavera.

2 – Ovos de Páscoa

Símbolos da Páscoa, quais são? Origem, usos e significados
Fonte: BBC Brasil

Comumente, os ovos são vistos como símbolos de vida e nascimento. Desse modo, costumava-se presentar as pessoas com ovos cozidos coloridos durante o início da primavera, como uma forma de celebração da nova estação.

Sendo assim, esse foi um hábito adotado pelos cristãos até que se transformou no costume dos ovos de chocolates que se tem atualmente. Entretanto, existem comunidades e países que mantém a tradição original.

3 – Peixe

Fotografia de peixes para ilustração do item
Fonte: Tudo Gostoso

Seja na mesa do almoço ou nos livros religiosos, a figura do peixe marca o período de Páscoa pelo seu significado no Cristianismo. No geral, esse animal costuma ser consumido na sexta-feira santa, em confraternizações familiares e tradições pascais.

Continua após a publicidade

Em resumo, essa figura está associada ao milagre da multiplicação dos pães e peixes, onde Jesus agiu para alimentar uma multidão. Entretanto, também se relaciona com o termo designador dos cristãos, pois os apóstolos trabalhavam como pescadores.

Por outro lado, a etimologia da palavra peixe no grego clássico forma um ideograma importante. Ou seja, retira-se da palavra original “Ichthys” um ideograma que em sua tradução significa “Jesus Cristo, Filho de Deus e Salvador”.

4 – Cordeiro

Fotografia de um cordeiro para ilustração do item
Fonte: Respostas Bíblicas

A princípio, o cordeiro é um símbolo que celebra o sacrifício animal que Moisés fez em homenagem a Deus, em forma de agradecimento pelo fim da escravidão dos hebreus. Nesse sentido, é um símbolo que está associado tanto aos judeus quanto aos cristãos, sendo um dos símbolos mais ancestrais da Páscoa.

Além disso, o animal é citado em incontáveis passagens bíblicas, pois é apresentado como sinônimo de Jesus Cristo. Sendo assim, os cristãos identificam Cristo como um sacrifício à humanidade em nome de Deus.

5 – Círio Pascal

Símbolos da Páscoa, quais são? Origem, usos e significados
Fonte: Cruz Arte Sacra

Em resumo, o Círio Pascal é uma longa vela que fica acesa no altar da Igreja durante a chamada Vigília Pascal. Sobretudo, este é um evento que acontece no sábado de aleluia, quando se lembra da morte de Jesus Cristo.

Desse modo, o Círio Pascal simboliza a luz e ressurreição de Jesus após seu falecimento. Além disso, as velas apresentam a primeira e última letra do alfabeto grego, como uma representação dEle enquanto princípio e fim.

Continua após a publicidade

Por fim, a vela ainda conta com cinco pontos cravados em seu comprimento, representando o Cristo crucificado. Ademais, é comum que cada Círio apresente detalhes e desenhos remetendo à narrativa cristã.

6 – Pão e Vinho

Fotografia de uma composição com pão e vinho para ilustração do item
Fonte: A12

Em primeiro lugar, o pão e o vinho eram alimentos comuns na Antiguidade. Desse modo, estão associados ao momento em que Jesus Cristo estabeleceu esses alimentos para simbolizar seu corpo e sangue, durante a Última Ceia.

Assim, o pão e o vinho passaram a significar a ligação entre criador e criatura. Além disso, simbolizam a presença divina entre os homens, em especial por serem alimentos simples entre diferentes classes sociais.

7 – Colomba Pascal

Fotografia de uma Colomba Pascal para ilustração do item
Fonte: GShow

Basicamente, a Colomba Pascal é um pão doce feito com diferentes ingredientes durante a Páscoa. Porém, é comum que se utilizem frutas cristalizadas e nozes. Ademais, esse é um símbolo com origens na Itália, pois a palavra italiana colomba significa pomba.

Por isso, esse é um prato que tradicionalmente apresenta um formato de pomba, simbolizando o Espírito Santo e sua chegada à Terra. Além disso, está associada à ideia de paz, pois existem lendas que contam que reis cruéis desistiram de ataques escrupulosos quando comeram um pedaço da Colomba Pascal.

8 – Sinos na Páscoa

Fotografia de sinos para ilustração do item
Fonte: Pinterest

Antes de mais nada, os sinos são símbolos importantes pela posição e uso nas igrejas. Primeiramente, são objetos que ficam nos pontos mais altos das torres, ou seja, mais próximos do céu. Além disso, esses objetos ressoam em diferentes ritmos e com diferentes significados.

Continua após a publicidade

No geral, o ressoar do sinos no domingo de Páscoa anuncia a ressurreição de Jesus Cristo. Sendo assim, celebram o principal momento dessa data. Mais ainda, representam a nova vida e a festividade desse momento importante.

9 – Óleos Santos

Símbolos da Páscoa, quais são? Origem, usos e significados
Fonte: Diocese de Barreiras

Comumente, os óleos santos representam o Espírito Santo em suas diferentes nuances. Desse modo, estão associados à força, plenitude e poder libertador associados a essa força religiosa.

Porém, eram utilizados na Antiguidade também como uma forma de proteção divina durante batalhas. Assim, os óleos santos simbolizam a força e defesa contra os males, por meio da benção do Espírito Santo.

10 – Girassol

Símbolos da Páscoa, quais são? Origem, usos e significados
Fonte: Casa Vogue

Em primeiro lugar, o girassol é um símbolo associado à própria natureza dessa flor. Ou seja, pelo fato desta acompanhar a luz solar ao longo dos dias.

Nesse sentido, o girassol representa o movimento dos cristãos no que diz respeito à seguir a iluminação divina da palavra de Jesus Cristo. Sendo assim, é um símbolo que está presente nas mesas das refeições e também nos altares religiosos em algumas igrejas.

E aí, gostou de aprender sobre os símbolos da Páscoa? Então leia sobre Como é comemorado o ano novo em diferentes países?

Continua após a publicidade

Fontes: Portal do Rancho | Toda Matéria | Brasil Escola | Sua Pesquisa | EducaMais Brasil

Imagens: Pinterest | A12 | Casa Vogue | Diocese de Barreiras | GShow | Cruz Arte Sacra | Tudo Gostoso | A Lavoura | Calendarr | BBC

Próxima página »

Escolhidas para você