Curiosidades

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Ao longo dos séculos, as tradições clássicas do Natal se acumularam começando pela árvore e terminando com os símbolos que conhecemos hoje.

A história do Natal remonta há antiguidade, aliás antecede o nascimento de Cristo; e é lá onde podemos ver indícios dos primeiros símbolos de Natal. Os primeiros europeus marcavam a noite mais longa do ano – o solstício de inverno – como o início de dias mais longos e o renascimento do sol.

Eles abatiam rebanhos que não podiam ser mantidos durante o inverno e festejavam do final de dezembro a janeiro. Os pagãos alemães homenageavam Oden, um deus assustador que sobrevoava povoados à noite, abençoando algumas pessoas e amaldiçoando outras.

Por outro lado, os nórdicos na Escandinávia celebravam o Natal, e cada família queimava um tronco gigante e festejava até o amanhecer.

Em Roma, as pessoas celebravam o famoso festival de Saturnália de 17 a 24 de dezembro em homenagem a Saturno, o deus da agricultura. A celebração consistia em um período semelhante ao carnaval de festejos, farras, jogos de azar, doação de presentes e muitas comidas.

Continua após a publicidade

Todavia, no século quatro, a igreja decidiu que os cristãos precisavam de um feriado em dezembro para rivalizar com as celebrações do solstício. Os líderes da Igreja escolheram o dia 25 de dezembro para a Festa da Natividade.

O Natal ganhou espaço nas centenas de anos seguintes, tornando-se um feriado completo no século IX, embora ainda fosse menos importante do que a Sexta-feira Santa e a Páscoa.

Somente no final do século XVIII e no século seguinte, o Natal começou a assumir as tradições que vemos hoje. Abaixo, confira os símbolos de Natal mais populares e os significados associados a eles.

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

1. Azevinho

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Continua após a publicidade

O azevinho é um arbusto com folhas espinhosas e bagas vermelhas que permanece verde no inverno e mantém a beleza da terra. Os druidas uma vez acreditaram que seu verde era uma promessa de que o sol voltaria em breve.

Além disso, as primeiras famílias francesas e inglesas penduravam azevinho em suas portas para significar um lar onde o nascimento de Cristo é celebrado. Por fim, o azevinho no Cristianismo também é uma lembrança da coroa de espinhos usada por Jesus Cristo em sua crucificação.

2. Estrela

A estrela do Natal está associada ao espírito natalino, significando esperança, sacrifício e amor por toda a humanidade. Segundo a bíblia cristã, a estrela de Belém guiou os Três Magos ao Menino Jesus.

Continua após a publicidade

Por isso, eventualmente, um anjo ou uma estrela é posto no topo das árvores de Natal para alegrar a noite do nascimento de Jesus.

3. Árvore de natal

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

A árvore de Natal com suas folhas perenes é a promessa da primavera que virá e da vida eterna. Antigamente, a árvore de Natal era decorada pelos pagãos para marcar o fim do solstício de inverno, para significar que o inverno que acabaria em breve.

Entretanto, a celebração pagã da Saturnália foi substituída pelo Natal em 25 de dezembro. Aliás, a tradição de decorar uma árvore de Natal começou na Alemanha.

Continua após a publicidade

4. Poinsétia

Esta flor vermelha em forma de estrela é chamada de ‘Folha da Chama’ na América Central ou ‘Flor da Noite Santa’. Em suma, a Poinsétia é um tipo de erva daninha que cresce selvagem principalmente no México.

Existem muitas lendas associadas a esta flor em forma de estrela, contudo a mais famosa diz que uma jovem chamada Pepita ficou chateada porque não tinha um presente para o menino Jesus.

Todavia, quando lhe disseram que Jesus adoraria qualquer presente que ela tivesse a oferecer, ela colheu ervas daninhas e colocou perto de um presépio.

Continua após a publicidade

5. Visco

Desde os primeiros tempos, o visco é considerado uma das plantas mais mágicas, misteriosas e sagradas. Esta planta perene é pendurada nas portas dos cristãos para afastar os espíritos malignos e as bruxas.

Ademais, os gregos também pensavam que ela tinha alguns poderes místicos e, ao longo dos séculos, tornou-se associada a muitos costumes folclóricos.

6. Papai Noel

Continua após a publicidade

Acredita-se que o Papai Noel foi inspirado em São Nicolau, um bispo gentil do século IV que dava presentes para crianças e pessoas necessitadas. Ele era famoso por sua generosidade e bondade para com as crianças e os pobres.

Desse modo, a transformação de São Nicolau em Papai Noel ocorreu principalmente na América. Tradicionalmente, São Nicolau era retratado como um homem barbudo com vestes de bispo. Em contrapartida, o Papai Noel moderno surgiu durante o século XIX como um homem alegre, barbudo e de roupa vermelha.

7. Sino

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

O sino marca o anúncio da vinda de Jesus Cristo. Ainda toca hoje em todas as igrejas na véspera de Natal. Há uma lenda de que sinos natalinos tocam para guiar as ovelhas perdidas de volta ao redil, significando que todas são preciosas aos olhos de Deus.

Continua após a publicidade

8. Coroa

A coroa é um símbolo do valor eterno incomensurável do amor sem fim. Por este motivo, muitos cristãos colocam quatro velas em uma coroa de flores, e cada vela é acesa todos os domingos antes do Natal, em antecipação ao aniversário de Cristo.

9. Bastões de natal

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

O bastão doce incorpora a forma do cajado do pastor, que é usado para trazer cordeiros perdidos de volta ao redil. As cores da bengala são vermelha e branco significando o sangue derramado por Jesus Cristo, e sua pureza, respectivamente.

Continua após a publicidade

10. Rena

A rena passou a ser associada ao Natal como o animal escolhido por São Nicolau para puxar seu trenó. As renas do Papai Noel chamam-se Prancer, Dasher, Dancer, Vixen, Donner, Comet, Cupid e Blitzen, e Rudolph, a rena de nariz vermelho e a mais famosa.

11. Selo de natal

Em 1904, um carteiro dinamarquês chamado Einar Holboell introduziu o uso de selos de Natal. Mais populares do que os selos postais de Natal, eles são adesivos natalinos ou etiquetas distribuídos durante a época de festas para arrecadar dinheiro para a caridade.

Continua após a publicidade

12. Anjos natalinos

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Nos símbolos gregos do Natal, “anjo”, a palavra significa “mensageiro”. Segundo a crença popular, os anjos desempenham um papel importante no Natal ao levarem a notícia do nascimento do menino Jesus aos pastores.

13. Velas de natal

A vela é usada como uma decoração de Natal popular que supostamente traz luz e calor durante os invernos frios. Alguns também acreditam que é costume acender uma vela para representar a estrela de Belém.

Continua após a publicidade

14. Trenó

As renas são animais selecionados para puxar o trenó do Papai Noel que saiu do Polo Norte e traz muitos presentes para as crianças. A história diz que há novas renas puxando o trenó, Rudolph é o líder delas para guiá-los nas noites de nevoeiro.

15. Boneco de neve de natal

O boneco de neve é ​​uma figura esculpida na neve como decoração popular e que se tornou um ícone do Natal nos últimos anos. Portanto, aqueles que vivem em climas mais frios com fortes nevascas devem tentar construir este inverno como um símbolo de Natal.

Continua após a publicidade

16. Presépio

O presépio é um símbolo popular do Natal cristão que representa a cena do nascimento de Cristo num estábulo em Belém.

17. Cores de Natal

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Vermelho e verde são as duas cores principais dos símbolos de Natal. Os historiadores argumentam que as cores se originaram durante a antiga celebração da Saturnália, onde os romanos penduravam ramos de azevinho em suas casas. A tradição de pendurar azevinho vermelho e verde evoluiu para pendurar outras decorações vermelhas e verdes.

Continua após a publicidade

Mas o que realmente solidificou o vermelho e o verde como cores de Natal foi na verdade a Coca-Cola! Em 1931, eles criaram anúncios em revistas que mostravam o Papai Noel vestido de vermelho cercado por uma borda verde e escrito.

Os anúncios se tornaram tão populares que definiram a imagem americana do Papai Noel, e vermelho e verde ficaram para sempre como as cores do Natal na mente da maioria das pessoas.

18. Flocos de neve

Os enfeites de flocos de neve adicionam um charme e glamour únicos à decoração geral da casa e da árvore de natal.

Continua após a publicidade

19. Canções de Natal

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

As canções de natal são principalmente músicas com o tema natalino. Os sons natalinos remontam ao povo antigo, que costumavam entoar hinos durante o período anterior ao Natal.

20. Meias

Supostamente, em uma véspera de Natal, o Papai Noel visitou uma família pobre e queria ajudá-la. No entanto, ele queria permanecer anônimo e, por isso, jogou algumas moedas de ouro pela chaminé da casa. As moedas caíam dentro das meias que estavam penduradas para secar.

Continua após a publicidade

21. Cartões e presentes de natal

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Os cartões e presentes natalinos são a melhor forma de desejar boas festas aos seus entes queridos. A tradição remonta a homenagem aos três reis magos que trouxeram ouro, incenso e mirra para o menino Jesus.

22. Biscoitos natalinos

O Natal certamente fica incompleto sem os biscoitos de Natal, pois eles adicionam doçura a todas as festas. Eles também são presentes de Natal populares em várias partes do mundo.

Continua após a publicidade

23. Ponche Waissal

Originalmente das antigas palavras inglesas “Waes Hael” que significa “estar bem” Wassail é uma bebida tradicional natalina e um símbolo de bons desejos e boa saúde.

24. Pomba branca

As pombas brancas são uma decoração popular para árvores de Natal e um símbolo de Natal em geral há séculos. A ideia de associar pombas ao Natal teve origem na Bíblia. Assim como os Três Reis Magos, os pastores deram presentes mais modestos, como frutas, mel e pombas.

Continua após a publicidade

25. Elfos

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Originados no folclore escandinavo, germânico e britânico, os elfos foram descritos como pequenas criaturas imortais que possuíam poderes mágicos.

Dessa forma, acreditava-se que eles protegiam os lares contra o mal e recompensavam o bom comportamento, mas pregavam peças nas pessoas se elas se comportassem mal.

Essas criaturas travessas chegaram ao folclore de Natal no século XIX, quando as celebrações do Natal estavam ganhando popularidade.

Continua após a publicidade

26. Luzes natalinas

As luzes de Natal foram ideia de Edward Hibberd Johnson, que era o chefe de Thomas Edison e um promotor de suas invenções. Antes das luzes de Natal serem penduradas em árvores, as pessoas usavam velas, o que obviamente trazia grandes riscos.

Com a invenção da lâmpada de Edison e o risco de incêndio relacionado ao feriado, Johnson viu uma oportunidade.

Johnson, que era co-proprietário da Edison Lamp Company, montou uma vitrine que impressionou a cidade. As pessoas costumavam visitá-los apenas para admirar as lâmpadas, assim como fazemos hoje com as vitrines de luzes de Natal ao ar livre.

Continua após a publicidade

27. Enfeites de natal

No século XVI, os alemães começaram a decorar as suas árvores com maçãs reais, velas, nozes e bagas. Naquela época, essas árvores eram conhecidas como “árvores do paraíso”.

Os primeiros americanos estavam inicialmente menos inclinados a adotar a tradição do Natal. Isso até que uma representação da Rainha Vitória (que era esposa do Príncipe Alemão Albert) incluía uma árvore de Natal cheia de enfeites.

Assim, os povos da América logo seguiram o exemplo, e as empresas aderiram a um esquema de marketing lucrativo.

Continua após a publicidade

28. Panetone

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

O panetone é um doce pão italiano de Natal que se originou em Milão no século XV durante o período renascentista, tornou-se famoso no início de 1900, quando a produção em massa começou, e desde então se tornou o símbolo do Natal; pois é servido durante o Natal e o Ano Novo em quase todas as casas na Itália.

Embora agora seja preparado em muitas variações, o clássico panetone é feito com apenas passas e frutas cítricas cristalizadas.

29. Ceia de natal

Continua após a publicidade

Para muitos, a comida de Natal é um dos destaques da noite de 25 de dezembro. No Brasil, essa tradição é influenciada por várias culturas como por exemplo da Itália, Portugal, Espanha e Alemanha.

Assim, a ceia de Natal inclui peru, Chester, peru, tender, legumes, arroz, presunto, saladas de batata e às vezes lasanha e pratos de bacalhau.

30. Jogos (Amigo Secreto)

30 símbolos tradicionais do Natal e seus significados

Por fim, um jogo popular no Brasil, que aborda o ato de dar presentes é o Amigo Secreto ou Amigo Oculto. Em suma, cada pessoa tem a responsabilidade de comprar um presente para outra sem que essa pessoa saiba.

Continua após a publicidade

Quando chega a hora de dar os presentes, o comprador geralmente descreve a pessoa até que todos adivinhem quem é antes de dar o presente.

Então, gostou de saber sobre os símbolos do Natal? Pois, leia também: 40 curiosidades incríveis sobre o Natal

Próxima página »

Escolhidas para você