Ciência & Tecnologia

Sinais de AVC – Como identificar, tipos e prevenção

Ao identificar sinais de AVC podemos salvar a vida de quem está sofrendo o acidente, bem como também ajudar na sua recuperação.

O Acidente vascular cerebral (AVC) é uma das principais causas de mortalidade no Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde. Ele perde somente para o infarto. Desta forma é muito impontante identificar os sinais de AVC a tempo, para assim evitar danos ao cérebro.

O AVC é uma alteração na circulação sanguínea do cérebro, bem como ocorre quando os vasos que levam o sangue ao cérebro entopem ou se rompem. Em decorrência disso a área afetada fica sem circulação de sangue, o que provoca uma paralisia na região. Assim como existem vários fatores que aumentam a probabilidade de se ter um AVC, sendo eles:

  • Hipertensão;
  • Diabetes (tipo 2);
  • Colesterol alto;
  • Sobrepeso e obesidade;
  • Tabagismo;
  • Uso excessivo de álcool;
  • Idade avançada;
  • Sedentarismo;
  • Uso de drogas ilícitas;
  • Histórico familiar;
  • Ser do sexo masculino.

Assim, quanto mais rápido é feito o diagnóstico maiores serão as chances de recuperação. Isso se dá ao fato de que as 3 primeiras horas depois do ocorrido são muito importantes para se conseguir reverter os danos causados ao cérebro. Depois disso as lesões causadas no cérebro dificilmente poderão ser tratadas.

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Solutudo

Então se atentar para os sinais de AVC bem como seus sintomas é de suma importância para salvar a vida do paciente. Assim como elas podem ser de dois tipos, o AVC hemorrágico e o AVC isquêmico. Há também uma terceira classificação, chamada de ataque isquêmico transitório. Porém ele é apenas uma espécie de mini-AVC, que ocorre quando o fornecimento de sangue é interrompido por pouco tempo.

Continua após a publicidade

Tipos de AVC

AVC Hemorrágico

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
AVC hemorrágico – iBahia

Responsável por 15% dos casos de Acidentes vasculares cerebrais, o AVC hemorrágico corre quando há um rompimento de algum vaso cerebral. Assim provocando uma hemorragia que pode ocorrer dentro do tecido cerebral ou na superfície entre o cérebro e a meninge.

Contudo, mesmo que o AVC hemorrágico seja responsável pela menor parcela dos casos do acidente sua taxa de mortalidade é maior do que a do AVC isquêmico. Assim como pode ser causado por:

Continua após a publicidade
  • Pressão alta descontrolada;
  • Ruptura de um aneurisma;
  • Hemofilia ou distúrbios coagulação do sangue;
  • Lesões na cabeça ou no pescoço;
  • Tratamento com radiação para câncer em áreas do pescoço ou cabeça;
  • Arritmias cardíacas;
  • Doenças das válvulas cardíacas;
  • Defeitos cardíacos congênitos;
  • Inflamação dos vasos sanguíneos (Vasculite), que pode ser provocado por infecções por sífilis, doença de Lyme, vasculite e tuberculose;
  • Insuficiência cardíaca;
  • Infarto agudo do miocárdio.

AVC isquêmico

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
AVC isquêmico – Saúde & Vitalidade

Sendo o mais comum dos AVCs e responsável por 85% dos casos, o AVC isquêmico acontece quando existem uma obstrução de uma artéria. Desta forma o oxigênio não consegue chegar nas células celebrais, e por essa razão acabam morrendo. Bem como ela pode ocorrer devido a uma trombose ou uma embolia.

Como consequência de ser o mais comum dos Acidentes vasculares cerebrais ele se divide em 4 subgrupos, bem como possuem causas distintas. São eles:

Continua após a publicidade
  • AVC isquêmico aterotrombótico: provocado por doença que causam formações de placas nos vasos sanguíneos maiores (aterosclerose). Assim provocam a oclusão do vaso sanguíneo ou formações de êmbolos.
  • AVC isquêmico cardioembólico: ocorre quando o material da obstrução que causa o derrame parte do coração.
  • AVC isquêmico de outra etiologia: relacionado a distúrbios de coagulação no sangue, assim como é mais comum em jovens;
  • AVC isquêmico criptogênico: ocorre quando a causa do AVC não foi identificada, mesmo após exames.

Identificando sinais de AVC

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Youtube – Incrível

Como dito antes, saber identificas sinais de AVC é de suma importância para que assim o problema seja tratado, bem como evitar possíveis traumas ou sequelas. Então o nosso corpo manda sinais antes que o problema acontecer, sendo eles:

  • Alteração da força muscular ou formigamento – principalmente nos braços, pernas ou de um lado do corpo.
  • Assimetria facial
  • Dificuldade na fala ou compreensão;
  • Movimentação da língua;
  • Confusão mental;
  • Alteração na visão, sendo em um ou ambos os olhos;
  • Alteração do equilíbrio, coordenação, tontura ou alteração no andar;
  • Dor de cabeça súbita e intensa, sem causa aparente.

Como prevenir um Acidente Vascular Cerebral

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Nova natural

Alguns fatores que causam o acidente vascular cerebral não podem ser evitados, sendo eles idade, raça, genética ou sexo. Bem como doenças crônicas podem contribuir para o acidente, sendo elas câncer e diabetes. Contudo podemos preveni-lo com algumas atitudes simples, além de atentar para os sinais de AVC.

Não fumar bem como não consumir drogas ilícitas e álcool ajudam a prevenir a ocorrência de AVCs, já que são fatores que incitam o aparecimento do mesmo. Manter um padrão de vida saudável também previne o acidente vascular, como por exemplo ter uma alimentação saudável, praticar exercícios, mantendo assim um peso ideal.

O que você não sabia sobre AVC

Por hora cerca de 120 milhões de células cerebrais morrem

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Dr. Frederico Porto

Durante um AVC perdemos por volta de 120 milhões de células cerebrais por hora, desta forma é como se o cérebro envelhecesse 3,6 anos a cada hora. Por isso é de suma importância buscar atendimento imediato ao observar um possível AVC, pois só assim a recuperação será mais eficiente.

Continua após a publicidade

Um em cada quatro pacientes que já sofreu um AVC terá outro

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Gazeta do Povo

Infelizmente quem sofreu um AVC pode vir a sofrer outro. Então é muito importante descobrir a causa do primeiro, pois só assim poderá prevenir um segundo. Além de que normalmente o segundo AVC costuma ser mais severo.

Não abra mão das aspirinas

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
ANAD

As aspirinas normalmente são receitadas para pessoas que já sofreram e sobreviveram um AVC. Então o seu uso não deve ser interrompido caso ele seja indicado. O abandono do medicamento pode aumentar o risco de um novo episodio do acidente, porque o sangue pode vir a coagular novamente.

Os três primeiros meses de recuperação são vitais

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Cuida Mais

Essa é a fase que o cérebro irá se recuperar, assim como estará reaprendendo funções perdidas por conta do derrame. Por isso o cuidado é indispensável neste período, com o auxilio de uma equipe de profissionais, para que assim a reabilitação seja mais efetiva.

Atinge normalmente pessoas entre 30 e 40 anos

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Portal Hospitais Brasil

Mesmo que seja normal o aparecimento do problema com o aumento da idade o incidente cresceu entre jovens adultos. Assim como a explicação mais provável seja o estilo de vida desequilibrado.

Continua após a publicidade

Cerca de 80% dos casos podem ser evitados

Sinais de AVC - como identificar e prevenir o acidente vascular cerebral
Foco em vida saudável

Muitos casos de AVC ocorrem por descuidos ou por conta de uma vida desregulada, ou seja, muitos poderiam ser evitados com atitudes simples. Com por exemplo alimentação saudável e a pratica de exercícios físicos. Além de atentar aos sinais de AVC.

Achou a matéria interessante e útil? Confira também: AVC – 4 tipos de dores de cabeça que podem ser sinal de AVC

Fonte: Blog da Saúde, Ministério da Saúde e Saúde

Imagem destacada: Medcor Cardiologia

Continua após a publicidade

Próxima página »

Escolhidas para você