Curiosidades

Mitologia grega – Importância histórica, principais deuses e criaturas

A mitologia grega era a principal prática religiosa durante a Grécia Antiga e só perdeu força a partir da chegada do cristianismo na região.

Por P.H Mota

-

Os gregos antigos adoravam vários deuses ao mesmo tempo. Com habilidades excepcionais e formas humanas, esses deuses faziam parte de um panteão que, hoje, entendemos como mitologia grega.

Segundo as lendas da mitologia, os deuses tinham qualidades e defeitos, como os próprios seres humanos. Por outro lado, tinham beleza e poder muito acima da média.

Para cultuar os deuses, os gregos criavam templos em sua homenagem por todos os lugares. Além disso, algumas cidades também foram nomeadas em referência aos deuses, como Atenas.

Evolução da mitologia grega

Mitologia grega - importância história, principais deuses e criaturas
Quero Bolsa

Para cada deus da mitologia grega, existia uma prática de culto diferente. No entanto, como a religião era politeísta, era normal que cada pessoa adorasse vários deuses ao mesmo tempo.

No culto a Poseidon, por exemplo, cavalos eram jogados ao mar como sacrifício. Já no caso de Hades, organizava-se um festival que durava 12 dias, e para Hermes, eventos esportivos.

A partir do século VII a.C., entretanto, os primeiros filósofos gregos começaram a questionar os mitos. Dessa maneira, a crença na mitologia grega passou a ser colocada em cheque por meio da razão e da lógica.

Além disso, com o domínio do Império Romano na religião, a mitologia grega passou a existir por meio de um sincretismo religioso. Ou seja, os deuses gregos e romanos se misturaram e Zeus ficou conhecido como Júpiter, Hera como Juno, Poseidon como Netuno, etc.

Em 476 d.C., com a queda do Império, o cristianismo passou a prevalecer como religião do povo grego.

Deuses primordiais

Mitologia grega - importância história, principais deuses e criaturas
fine art america

A mitologia grega tem início a partir dos deuses primordiais, que surgiram com a criação do mundo. Segundo textos do poeta Hesíodo, o primeiro a surgir foi o Caos e, a partir dele, seus filhos: os Titãs.

Os Titãs eram governos por Cronos. Ao lado de sua irmã, Reia, Cronos teve seis filhos: Héstia, Deméter, Hera, Hades, Poseidon e Zeus. Por causa de uma profecia, Cronos engolia todos os seus filhos após o nascimento. Dessa maneira, ele acreditava que evitaria o destino de ser destronado por um deles.

Logo após o nascimento de Reia, no entanto, Zeus foi protegido. Quando estava crescido, ele libertou os irmãos e deu início a uma guerra entre deuses e titãs. Dez anos de guerra se sucederam e os deuses saíram vitoriosos. Assim, o governo do mundo ficou dividido entre Zeus (céu e terra), Poseidon (mares) e Hades (submundo).

Deuses do Olimpo

Mitologia grega - importância história, principais deuses e criaturas
History 101

Zeus

Como foi responsável por libertar seus irmãos, Zeus se tornou líder dos deuses. Ele cuidada da terra e dos céus e era representado por raios, trovões e relâmpagos.

Hera

Era esposa de Zeus e extremamente ciumenta e vingativa. Por causa disso, chegou a cometer diversos atos de violência contra suas amantes e filhos bastardos. Hera era deusa da maternidade.

Poseidon

Irmão mais velho de Zeus, era o deus dos mares, das águas e dos animais marinhos. Era considerado o deus mais calmo de todos, mas também era associado a fenômenos como tempestades e tsunamis.

Atena

Atena era filha de Zeus com Métis, deusa da sabedoria. Dessa maneira, ela herdou a sabedoria da sua mãe, mas também foi considerada deusa da guerra

Ares

Também adorado como deus da guerra, assim como Atena. No entanto, Ares era mais agressivo e sentia prazer e causar sofrimento aos outros.

Deméter

Responsável pela existência das estações do ano, Deméter também era deusa das plantas e da agricultura.

Apolo

Outro importante filho de Zeus, irmão gêmeo de Ártemis. Ele era o deus da caça e da música, sendo que sua harpa tocava sem parar, gerando a trilha sonora do Monte Olimpo.

Ártemis

A irmã de Apolo também era deusa da caça. Era também associada a virgindade, pois não se entregava a prazeres sexuais para que fosse reconhecida somente por suas habilidades de caça.

Hefesto

Era o deus mais feio entre todos do Monte Olimpo, mas não menos valorizado por isso. Hefesto era muito habilidoso e construiu o palácio do dos deuses, além de forjar várias armas para eles.

Afrodite

A deusa do amor e da beleza foi ponto central de vários conflitos relatados na mitologia grega. Isso porque, sua beleza era tão superior, que motivava o surgimento de guerras entre humanos e deuses.

Hermes

As habilidades de Hermes o tornaram deus da agilidade e velocidade. Por causa disso, ele era considerado protetor dos ladrões, além de responsável por transportar almas no submundo.

Dionísio

Outro filho de Zeus, era deus do vinho, das festas e da loucura. Em sua versão romana, Baco, inspirou o nome da festa bacanal, regada a bebidas e orgias.

Heróis gregos

Mitologia grega - importância história, principais deuses e criaturas
Celebration Education

Além dos deuses, a mitologia grega contava com vários heróis. Eles foram responsáveis por feitos incríveis e acima da média, que foram narrados ao lado dos vários mitos.

Aquiles: foi o guerreiro mais forte entre os gregos. Logo após seu nascimento, foi mergulhado nas águas de um rio para ter seu corpo protegido. No entanto, como foi segurado pelo calcanhar, essa parte ficou vulnerável e acabou causando a sua morte.

Hércules: ficou famoso por ter realizado doze tarefas excepcionais ao longo de sua vida, conhecidas como os doze trabalhos de Hércules.

Jasão: foi o líder dos Argonautas, que embarcaram numa expedição atrás do velo de ouro.

Perseu: o herói era filho de Zeus e foi responsável por derrotar a Medusa.

Édipo: se tornou Rei de Tebas após decifrar o enigma da esfinge que guardava a cidade. Além disso, inspirou o conceito do Complexo de Édipo, após matar o próprio pai e se casar com a mãe.

Teseu: por fim, o herói que derrotou o Minotauro, preso no labirinto em Creta.

Seres mitológicos

Mitologia grega - importância história, principais deuses e criaturas
Daily Art Magazine

Ninfas: as ninfas eram figuras femininas que cuidavam das florestas. Eram sempre lindas e alegres e foram reconhecidas por alguns grupos, assim como Alseídes (ninfas das flores e bosques), Dríades (ninfas dos carvalhos) e Nereidas (ninfas da água).

Sereias: também eram figuras femininas, mas possuíam corpo metade peixe. Em algumas versões, no entanto as sereias tinham a forma completa de animal.

Centauros: outras criaturas meio homem e meio animal, com metade cavalo. O mais famoso deles foi Quíron, amigo de Hércules.

Sátiros: os sátiros também se misturam com animais,  possuindo patas e chifres de bode. Eles equivalem aos faunos da mitologia romana.

Górgonas: eram criaturas femininas que possuíam cabelos de serpente e podiam transformar homens em pedras. A famosa Medusa, por exemplo, pertencia a esse grupo.

Fontes: Só História, Toda Matéria, Hiper Cultura

ImagensQuero BolsaGreece High Definitionfine art americaHistory 101Celebration EducationDaily Art Magazine

Próxima página »

Escolhidas para você